O site de arquitetura mais visitado do mundo
i

Inscreva-se agora e organize a sua biblioteca de projetos e artigos de arquitetura do seu jeito!

Inscreva-se agora para salvar e organizar seus projetos de arquitetura

i

Encontre os melhores produtos para o seu projeto em nosso Catálogo de Produtos

Encontre os produtos mais inspiradores do nosso Catálogo de Produtos

i

Instale o ArchDaily Chrome Extension e inspire-se a cada nova aba que abrir no seu navegador. Instale aqui »

i

En todo el mundo, arquitectos están encontrando maneras geniales para reutilizar edificios antiguos. Haz clic aquí para ver las mejores remodelaciones.

Quer ver os melhores projetos de remodelação? Clique aqui.

i

Mergulhe em edifícios inspiradores com nossa seleção de 360 ​​vídeos. Clique aqui.

Veja nossos vídeos imersivos e inspiradores de 360. Clique aqui.

Tudo
Projetos
Produtos
Eventos
Concursos
Navegue entre os artigos utilizando o teclado
  1. ArchDaily
  2. Eventos
  3. Arquitetura da Independência - o Modernismo Africano

Arquitetura da Independência - o Modernismo Africano

Arquitetura da Independência - o Modernismo Africano
Arquitetura da Independência - o Modernismo Africano, FIDAK - Foire Internationale de Dakar, Dakar (Senegal), por Jean Francois Lamoureux & Jean-Louis Marin, 1974. Imagem © Iwan Baan
FIDAK - Foire Internationale de Dakar, Dakar (Senegal), por Jean Francois Lamoureux & Jean-Louis Marin, 1974. Imagem © Iwan Baan

A partir de hoje, 20 de fevereiro, o Vitra Design Museum receberá a exposição Architecture of Independence - African Modernism [Arquitetura da Independência - o Modernismo Africano], que tem curadoria do arquiteto Manuel Herz. Apresentando diversas fotografias de Iwan Baan, a mostra explora a arquitetura experimental e futurista produzida na  África Central e Sub-Saariana na década de 1960, período seguinte à independência de alguns países dessa região.

O extenso catálogo da exposição abrange mais de 80 edifícios em cinco países: Quênia, Zâmbia, Gana, Costa do Marfim e Senegal. Edifícios cívicos, como bancos, estádios, memoriais e câmaras de parlamento, são bastante abordados, destacando o que o Vitra Design Museum descreve como "a relação entre a produção arquitetônica dos países e seus processos individuais de construção da nação."

Kenyatta International Conference Centre, Nairobi (Quênia), por Karl Henrik Nostvik, 1967-1973. Imagem © Iwan Baan
Kenyatta International Conference Centre, Nairobi (Quênia), por Karl Henrik Nostvik, 1967-1973. Imagem © Iwan Baan

Architecture of Independence transmite a liberdade arquitetônica e social e o otimismo de uma região que estava ainda apreciando a partida das potências colonizadoras e construindo uma imagem ousada, imaginativa e pouco convencional da África Modernista.

Escola da Engenharia em KNUST (Kwame Nkrumah University of Science and Technology), Kumasi (Ghana), by James Cubitt, 1956. Cortesia de Alexia Webster
Escola da Engenharia em KNUST (Kwame Nkrumah University of Science and Technology), Kumasi (Ghana), by James Cubitt, 1956. Cortesia de Alexia Webster

Herz não evita a complexa base política do tema da exposição, reconhecendo que muitos dos projetos daquela época - incluindo alguns que estão sendo exibidos na galeria do Vitra - foram projetados por arquitetos de outros países que não as nações recém independentes em questão. 

Kenyatta International Conference Centre, Nairobi (Quênia), por Karl Henrik Nostvik, 1967-1973. Imagem © Iwan Baan
Kenyatta International Conference Centre, Nairobi (Quênia), por Karl Henrik Nostvik, 1967-1973. Imagem © Iwan Baan

Architecture of Independence — African Modernism permanecerá aberta ao público até 31 de março. Uma publicação de aproximadamente 700 páginas com o mesmo nome da exposição será lançada pela Park Books, de Zurique, ainda enquanto a mostra estiver aberta. 

Ver a galeria completa

Sobre este autor
Patricia Arcilla
Autor
Cita: "Arquitetura da Independência - o Modernismo Africano" [Architecture of Independence - African Modernism] 21 Fev 2015. ArchDaily Brasil. (Trad. Baratto, Romullo) Acessado . <https://www.archdaily.com.br/br/762514/arquitetura-da-independencia-o-modernismo-africano> ISSN 0719-8906