O site de arquitetura mais visitado do mundo
i

Inscreva-se agora e organize a sua biblioteca de projetos e artigos de arquitetura do seu jeito!

Inscreva-se agora para salvar e organizar seus projetos de arquitetura

i

Encontre os melhores produtos para o seu projeto em nosso Catálogo de Produtos

Encontre os produtos mais inspiradores do nosso Catálogo de Produtos

i

Instale o ArchDaily Chrome Extension e inspire-se a cada nova aba que abrir no seu navegador. Instale aqui »

i

En todo el mundo, arquitectos están encontrando maneras geniales para reutilizar edificios antiguos. Haz clic aquí para ver las mejores remodelaciones.

Quer ver os melhores projetos de remodelação? Clique aqui.

i

Mergulhe em edifícios inspiradores com nossa seleção de 360 ​​vídeos. Clique aqui.

Veja nossos vídeos imersivos e inspiradores de 360. Clique aqui.

Tudo
Projetos
Produtos
Eventos
Concursos
Navegue entre os artigos utilizando o teclado
  1. ArchDaily
  2. Notícias
  3. A Reforma da icônica Sede da ONU

A Reforma da icônica Sede da ONU

A Reforma da icônica Sede da ONU
A Reforma da icônica Sede da ONU, ©  Foto via Nações Unidas
© Foto via Nações Unidas

Planejado para estar completo em 2014, a icônica Sede das Nações Unidas (ONU) está em meio a um projeto de renovação de U$ 1.876 bilhões, conhecido como o Plano Diretor da Capital, que visa atualizar a construção antiga em um ambiente de trabalho mais seguro, moderno e sustentável. Localizado em um terreno de 18 hectares doado por John D. Rockefeller, em 1950, foi projetado por uma equipe internacional de 11 arquitetos que trabalharam juntos em um mundo pós-II Guerra Mundial criando um edifício de referência, através da colaboração em vez da concorrência.

Continue para maiores detalhes sobre o Plano Diretor da Capital.

A equipe internacional de projeto foi liderada por Wallace K. Harrison. Completo em 1952, o projeto colaborativo é uma mistura entre a torre de 39 pavimentos em Estilo Internacional de Oscar Niemeyer e a construção oblíqua de Le Corbusier, as duas ideias selecionadas na fase esquemática do projeto.

 

Como a aparência do marco será preservada, os espaços de escritórios serão modernizados. Os espaços fechados de outrora, definidos hierarquicamente, agora consistirão em espaços abertos flexíveis, com áreas de convívio de funcionários para incentivar a colaboração.

Equipamentos antigos e ineficientes serão substituídos, trazendo o complexo às mesmas normas de segurança das edificações de Nova York, prevenindo deterioração futura. Isto inclui a melhoria do desempenho ambiental do edifício através do uso de novas tecnologias para reduzir o consumo de energia, as emissões de gases de efeito estufa e consumo de água. O consumo de energia será reduzido em mais de 50 por cento. Além disso, a emissão de carbono edifícios será reduzidas em mais de 45 por cento, o que significa 23 mil toneladas por ano. O consumo de água potável será reduzido em mais de 40 por cento.

Outras melhorias abordam a qualidade ambiental interna, o uso de materiais sustentáveis e a incorporação de uma gestão de resíduos apropriada.

Uma nova fachada em vidro duplo de alto desempenho será instalada, juntamente com um novo isolamento e medidas conservação de energia em telhados e paredes externas.

Os telhados serão cobertos com painéis fotovoltaicos e outras tecnologias devem ser consideradas, como a reutilização de águas cinzas, turbina de vento, gestão anaeróbia de resíduos e vigas refrigeradas.

Mais informações em: http://www.un.org/wcm/content/site/cmp/

Sobre este autor
Eduardo Souza
Autor
Cita: Eduardo Souza. "A Reforma da icônica Sede da ONU" 27 Nov 2012. ArchDaily Brasil. Acessado . <https://www.archdaily.com.br/83027/a-reforma-da-iconica-sede-da-onu> ISSN 0719-8906