O site de arquitetura mais visitado do mundo
Tudo
Projetos
Produtos
Eventos
Concursos
  1. ArchDaily
  2. Diversos
  3. Cinema e Arquitetura: "O Arranha-Céu Latino"

Cinema e Arquitetura: "O Arranha-Céu Latino"

Cinema e Arquitetura: "O Arranha-Céu Latino"
Cinema e Arquitetura: "O Arranha-Céu Latino", © El Rascacielos Latino / Sebastián Schindel
© El Rascacielos Latino / Sebastián Schindel

Apresentado recentemente no Arqfilmfest Santiago de Chile 2013, o documentário "El Rascacielo Latino" (O Arranha-céu Latino - tradução livre) do diretor Sebastián Schindel, desvenda uma série de mitos urbanos escondidos por trás do desenho excêntrico do Palácio Barolo do arquiteto Mario Palanti, construído em Buenos Aires em 1923.

A tese do documentário se centra na possível existência de uma estreita relação entre o edifício e a Divina Comédia de Dante Alighieri, e que incluso foi desenhada uma misteriosa escultura no hall central do edifício para depositar suas cinzas. Uma escultura que desapareceu sem deixar rastro.

Mais informações e o trailer do documentário, a seguir.

© El Rascacielos Latino / Sebastián Schindel
© El Rascacielos Latino / Sebastián Schindel

FICHA TÉCNICA

Direção: Sebastián Schindel
Roteiro: Sebastián Schindel, Sebastián Caulier, Leonel D'Agostino, Fernanda Ribeiz
Produtora: Magoya Films / INCAA
País: Argentina
Ano: 2012
Duração: 73 min.
Gênero: Documentário
Música: Lucas Colonna

© El Rascacielos Latino / Sebastián Schindel
© El Rascacielos Latino / Sebastián Schindel

SINOPSE

Peter Greenaway encontrou um caso policial numa pintura do século XVII (na notável Rembrandt's J'accuse), que resulta ser o ponto de partida deste convincente documentário de Sebastián Schindel: estabelecer o quanto há de verdade na muito difundida, mas pouco comprovada, conexão entre o Palácio Barolo e a Divina Comédia.

© El Rascacielos Latino / Sebastián Schindel
© El Rascacielos Latino / Sebastián Schindel

Construído seguindo o oposto de todos os cânones estéticos de sua época e inaugurado em 1923, o emblemático edifício portenho foi encomendado pelo empresário italiano Luis Barolo a um compatriota, o arquiteto Mario Palanti, que depois levantaria uma "torre gêmea" do outro lado do Prata: O Palácio Salvo de Montevidéu. Schindel inicia sua pesquisa buscando novas informações sobre estes homens, mas logo ela se ramifica em direções insuspeitas.

Cada revelação sobre o edifício que poderia ser ou não "uma maquete ilustrada do cosmos dantesco" parece incluir novos mistérios na história, na qual se cruzam lojas maçônicas, simbologias secretas, rios subterrâneos e um plano (existente?) para resgatar as cinzas de Dante da Europa em guerra.

Sobre este autor
Cita: Franco, José Tomás. "Cinema e Arquitetura: "O Arranha-Céu Latino"" [Cine y Arquitectura: "El Rascacielo Latino"] 20 Dez 2013. ArchDaily Brasil. (Trad. Delaqua, Victor) Acessado . <https://www.archdaily.com.br/161870/cinema-e-arquitetura-o-arranha-ceu-latino> ISSN 0719-8906

¡Você seguiu sua primeira conta!

Você sabia?

Agora você receberá atualizações das contas que você segue! Siga seus autores, escritórios, usuários favoritos e personalize seu stream.