O site de arquitetura mais visitado do mundo
i

Inscreva-se agora e organize a sua biblioteca de projetos e artigos de arquitetura do seu jeito!

Inscreva-se agora para salvar e organizar seus projetos de arquitetura

i

Encontre os melhores produtos para o seu projeto em nosso Catálogo de Produtos

Encontre os produtos mais inspiradores do nosso Catálogo de Produtos

i

Instale o ArchDaily Chrome Extension e inspire-se a cada nova aba que abrir no seu navegador. Instale aqui »

i

En todo el mundo, arquitectos están encontrando maneras geniales para reutilizar edificios antiguos. Haz clic aquí para ver las mejores remodelaciones.

Quer ver os melhores projetos de remodelação? Clique aqui.

i

Mergulhe em edifícios inspiradores com nossa seleção de 360 ​​vídeos. Clique aqui.

Veja nossos vídeos imersivos e inspiradores de 360. Clique aqui.

Tudo
Projetos
Produtos
Eventos
Concursos
Navegue entre os artigos utilizando o teclado
  1. ArchDaily
  2. Notícias
  3. “GoBike”: Tablets nas bicicletas públicas de Copenhague, Dinamarca

“GoBike”: Tablets nas bicicletas públicas de Copenhague, Dinamarca

“GoBike”: Tablets nas bicicletas públicas de Copenhague, Dinamarca
“GoBike”: Tablets nas bicicletas públicas de Copenhague, Dinamarca, Cortesia de bikocity.com
Cortesia de bikocity.com

Um sistema de bicicletas integrado à rede de transporte público é o que muitas pessoas querem em sua cidade. Mas um sistema de empréstimo de bicicletas que se conecte a todos os meios de transporte – ônibus, metro e trens – e reúna todas as informações de horários e percursos em um tablet instalado em cada bicicleta é algo que agrada até o mais exigente usuário. Entretanto, isto não está longe de acontecer, este sistema será inaugurado no final de outubro em Copenhague, Dinamarca.

Mais informações, imagens e um vídeo, na continuação.

A particularidade de GoBike, nome oficial do serviço, está em que cada uma das 1.260 bicicletas do sistema terá um tablet anexado em seu guidão. Assim, as pessoas poderão comprar tickets do metro e de trens sem pegar filas, tornando a troca de modais mais rápida.

Cortesia de gobike.com
Cortesia de gobike.com

Outras opções que serão fornecidas pelos tablets será a possibilidade de planejar rotas com um sistema GPS, conhecer em tempo real as atividades que estão sendo realizadas nos bairros onde estarão os estacionamentos de bicicletas e saber a disponibilidade das estações de aluguel de bicicletas. Além disto, as pessoas poderão reservar uma bicicleta ainda quando estiverem em casa ou no escritório.

Durante a etapa de lançamento, o serviço contará com 1260 bicicletas e 65 estações, localizadas principalmente próximas às estações de metro e trens. No futuro, espera-se aumentar os números e incluir bicicletas elétricas, tornando o sistema acessível a uma quantidade ainda maior de pessoas.

As bicicletas são feitas em alumínio que, além de leve, não oxida quando exposto às intempéries. Além disto, todas são unisex e não possuem cabos aparentes, para que as pessoas não se enrosquem neles.  Ao contrário das bicicletas comuns, cujos bancos podem ser regulados com uma alavanca, as GoBike possuem assentos similares a poltronas de escritórios, ajustando-se com gás sob pressão.

Cortesia de gobike.com
Cortesia de gobike.com

Quando forem incluídas as bicicletas elétricas, a modificação nas atuais será mínima, apenas duas peças: um motor na roda dianteira e uma alavanca de controle no guidão. Para que o sistema seja ambientalmente consciente, a eletricidade dos estacionamentos será gerada por usinas de energias renováveis que existem no país, especificadamente as eólicas.

O serviço considera que as pessoas planejem suas viagens antes de sair de casa; para isso foi criado um aplicativo para celulares que será lançado quando o sistema GoBike for inaugurado. Este permitirá que os ciclistas consultem a disponibilidade de bicicletas nos estacionamentos e façam sua reserva. Além disto, o serviço funcionará 24 horas do dia, durante o ano todo.

Cortesia de gobike.com
Cortesia de gobike.com

Como o serviço é público, terá um custo estimado de US$3,50 por hora e US$8,85 por mês, que poderá ser pago em cada tablet através de cartões de crédito.

Este sistema, que moderniza o anterior, permite que as pessoas planejem melhor suas viagens e possam trocar suas rotas durante o percurso. Além disto, usa energias limpas e permite que os usuários tenham uma experiência de viagem integrada aos demais modais de transporte de Copenhague.

Por Constanza Martínez Gaete, via Plataforma Urbana. Tradução Gabriel Pedrotti, ArchDaily Brasil.


Cita: Romullo Baratto. "“GoBike”: Tablets nas bicicletas públicas de Copenhague, Dinamarca" 02 Out 2013. ArchDaily Brasil. Acessado . <https://www.archdaily.com.br/144096/gobike-tablets-nas-bicicletas-publicas-de-copenhague-dinamarca> ISSN 0719-8906