1. ArchDaily
  2. Timber

Timber: O mais recente de arquitetura e notícia

Japão terá arranha-céu de 340 metros de altura feito de madeira

Edifícios em altura feitos de madeira são atualmente uma obsessão entre arquitetos, com novos projetos sendo frequentemente anunciados como "o edifício de madeira mais alto" de determinada região. No entanto, o mais recente projeto divulgado pela empresa japonesa Sumitomo Forestry Co., em pareceria com o escritório Nikken Sekkei, vai simplesmente acabar com qualquer chance de disputa, firmando-se como o primeiro arranha-céu superalto de madeira do mundo, a ser construído em Tóquio.

Com 344 metros de altura, a proposta supera em muito projetos de madeira semelhantes, como a River Beech River da Perkins + Will e a Oakwood Tower da PLP Architecture.

© Sumitomo Forestry Co.© Sumitomo Forestry Co.© Sumitomo Forestry Co.© Sumitomo Forestry Co.+ 8

Por que edifícios de madeira estão em ascensão? Uma entrevista com a especialista em estruturas de madeira da Perkins+Will

Material Minds, apresentado por ArchDaily Materials, é a nossa nova série de entrevistas com arquitetos, designers, cientistas, e outros que utilizam materiais arquitetônicos de maneiras inovadoras.

Madeira. Os Estados Unidos são o maior produtor deste recurso natural no mundo, Mas ainda sim é difícil vê-lo empregado em construções comerciais em altura. Então fomos perguntar para uma especialista em madeira - Rebecca Holt, da Perkins+Will - sobre seus potenciais benefícios.

AD: Por que a madeira é um material que deveria ser utilizado em edifícios em altura?

Existem muitas razões para considerar a madeira - primeiramente por ter um baixo impacto ambiental se comparado à outras escolhas tradicionais como o concreto e o aço. Madeira é o único dos principais materiais de construção que é feito pelo sol e é completamente renovável.