1. ArchDaily
  2. Quadrinhos

Quadrinhos: O mais recente de arquitetura e notícia

TEIA: história em quadrinhos propõe leitura personificada da cidade de São Paulo

TEIA re(a)presenta a cidade de São Paulo por meio de uma narrativa em quadrinhos. Os personagens foram criados para serem os protagonistas do enredo a partir de uma seleção empírica, na qual foram elencados doze bairros relevantes para a história da cidade em que seus moradores serviram de base para compor os tipos possíveis da trama do roteiro desejado. A narrativa em HQ foi o suporte ideal para desenvolver uma linguagem que permite pensar espacialmente o contexto urbano e observar as relações humanas no universo criado e desenhado, salientando sua dimensão de meio comunicativo. Além de vivenciar e conhecer os bairros, o intuito do trabalho foi explorar a noção de pertencimento do lugar. A experiência in loco dos bairros e a conversa espontânea com alguns moradores – que serviram de referência para os protagonistas criados – proporcionaram ao enredo a possibilidade de refletir sobre a diferença do ser (de um lugar) e do estar (em um lugar) na mais populosa e diversa metrópole brasileira.

Indivisível: quadrinho narra a história negra e oriental do bairro da Liberdade em São Paulo

Indivisível é o título da história em quadrinhos elaborada por Marília Marz como Trabalho de Conclusão na Escola da Cidade – Faculdade de Arquitetura e Urbanismo. O trabalho tem como objetivo identificar e analisar as possibilidades narrativas intrínsecas a elementos arquitetônicos e urbanísticos do bairro da Liberdade, em São Paulo, em dois períodos históricos distintos.

O estudante de arquitetura através de 15 tirinhas de quadrinhos, por Tristán Comics

Durante os anos de faculdade, Tristán propôs amenizar a extensa carga horária do curso de arquitetura criando sátiras de alunos, professores e da rotina da graduação, chegando, de algum modo, à criação do protagonista dos quadrinhos mostrados a seguir: um estudante mediano no curso de arquitetura. 

Motivado para desfazer a visão fechada em relação aos dogmas acadêmicos e as complexidades de ser um estudante de arquitetura, seu pensamento crítico se manifestou com humor no campo das histórias em quadrinho.

"Do lirismo ao caos": estudante desenvolve história em quadrinhos sobre temas urbanos

Desenvolvida como parte do programa de Pesquisa Experimental da Escola da Cidade e orientada por Alexandre Benoit, o trabalho parte de pressupostos teóricos como os do filósofo alemão Walter Benjamin e de Charles Baudelaire, escritor francês, além de referências importantes como o filme "Terra em transe" de Glauber Rocha, buscando ferramentas de compreensão do espaço através do desenho. Em “Aventuras de Claudinho: Do lirismo ao caos”, o estudante Guilherme Paschoal cria uma narrativa onde o fictício pesquisador Claudinho vive uma aventura na Ilha de São Berlis. A história em quadrinhos pode ser lida neste link.

As férias do arquiteto através de cinco tirinhas de quadrinhos, por Tristán Comics

Tristán Comics resolveu comunicar através da linguagem dos quadrinhos algumas situações recorrentes nas viagens de férias de estudantes ou arquitetos. Veja se você já passou por alguma dessas situações, a seguir.

Comic Break: Gestão de projetos

Em nossa coluna Comic Break, trazida até nossos leitores através de uma parceria com a Architexts, abordamos desta vez o tema da gestão e liderança de projetos e como, eventualmente, os funcionários de um escritório podem ficar sobrecarregados quando as tarefas não são bem distribuídas - isto é, precisamente quando a gestão dos projetos se mostra deficiente.

Comic Break: "Faculdade x Escritório"

A sala de aula e o escritório são os dois principais ambientes onde se aprende sobre arquitetura; e em cada um deles se espera que o estudante tenha preenchido no outro algumas lacunas do conhecimento. Talvez as escolas não devessem enfatizar os "detalhes técnicos" e, em vez disso, focar em como projetar; ou talvez o contato com o conhecimento técnico seja, de fato, uma grande preparação para o primeiro emprego após a conclusão dos estudos. Independentemente de sua posição no debate, sempre haverá discordâncias entre a sala de aula e o escritório. 

Comic Break: "Orçamentos surreais"

Em nossa coluna Comic Break, trazida até nossos leitores através de uma parceria com a Architexts, abordamos desta vez a questão dos orçamentos absurdos dedicados a algumas obras de arquitetura o redor do mundo. Sempre através do humor, o quadrinho usa como exemplo o World Trade Center Oculus em Nova Iorque, projetado pelo arquiteto Santiago Calatrava.