1. ArchDaily
  2. Projetos Construídos

Projetos Construídos : O mais recente de arquitetura e notícia

6 Edifícios históricos com extensões contemporâneas em vidro

Cortesia de KPMB architects Cortesia de KOKO Cortesia de Ricardo Bofill Taller de Arquitectura Cortesia de Duccio Malagamba + 7

Quando uma extensão em um edifício histórico é solicitada, os arquitetos geralmente optam por intervenções em vidro, transparentes e reflexivas. Alguns decidem permanecer neutros e sutis ao lidar com uma estrutura antiga, enquanto outros escolhem um design arrojado e aberto para manifestar seu caráter contemporâneo. Como cada projeto tem sua motivação e raciocínio conceitual, os resultados são diversos.

Continue lendo para conhecer alguns exemplos relevantes, cada um respondendo a um programa diferente.

Kéré Architecture projeta cenografia para exposição sobre racismo

Kéré Architecture concluiu recentemente o projeto expositivo para a mostra “Racismo. Uma invenção da raça humana", uma exposição promovida pelo Deutsches Hygiene-Museum, na cidade de Dresden na Alemanha. As atmosferas criadas dentro de cada um dos três espaços do museu são únicas, porém harmoniosas. O principal objetivo do projeto expográfico é conectar “a arquitetura das salas com o tema da exposição”. Utilizando uma variedade de materiais e estruturas atraentes, o percurso da mostra espera revelar os conflitos e desejos do homem por estabilidade e a necessidade orgânica por transformação social, enfatizando seu charme temporário e a importância da compreensão entre os homens.

© Andrea Maretto Cortesia de Kéré Architecture © Andrea Maretto © Andrea Maretto + 23

{CURA} Concurso Fotográfico Arquiteturas Icônicas

Com uma pequena homenagem a edifícios emblemáticos do nosso país, o concurso tem como objetivo estimular o olhar para as arquiteturas icônicas de nossas cidades.

Clássicos da Arquitetura: Biblioteca Nacional Mariano Moreno / Testa, Bullrich e Cazzaniga

No bairro central de Recoleta, em Buenos Aires, em um amplo terreno entre edifícios e parques -entre as ruas Austria, Agüero e Av. Del Libertador- erige-se o atual edifício da Biblioteca Nacional Mariano Moreno, dos arquitetos Clorindo Testa, Francisco Bullrich e Alicia Cazzaniga.

Construída a partir do projeto vencedor do concurso nacional em 1961, e com a obra finalizada no início da década de 90, a biblioteca converteu-se em um ícone da arquitetura moderna argentina e um exemplo da variante do expressionismo do século XX, chamado "brutalismo".