Tudo
Projetos
Produtos
Eventos
Concursos
  1. ArchDaily
  2. Montpellier

Montpellier: O mais recente de arquitetura e notícia

L’Arbre Blanc de Sou Fujimoto, pelas lentes de Laurian Ghinitoiu

© Laurian Ghinitoiu © Laurian Ghinitoiu © Laurian Ghinitoiu © Laurian Ghinitoiu + 25

No início deste ano, o projeto L'Arbre Blanc foi concluído em Montpellier, França. Projetado por Sou Fujimoto, Nicolas Laisné, Manal Rachdi e Dimitri Roussel, a estrutura em forma de árvore apresenta varandas em balanço que se projetam a partir de seu "tronco" para todas as direções. Com sua silhueta incomum, o edifício já é um marco na paisagem de Montpellier e vem atraindo muitos turistas.

Torre Residencial L’Arbre Blanc / Sou Fujimoto Architects + Nicolas Laisné + OXO architects + Dimitri Roussel

© Cyrille Weiner
© Cyrille Weiner

© Cyrille Weiner © Cyrille Weiner © Cyrille Weiner © Cyrille Weiner + 21

Apartamentos  · 
Montpellier, França

Complexo Escolar Germaine Richier / MDR Architectes

© Julien Thomazo © Julien Thomazo © Julien Thomazo © Julien Thomazo + 40

Escolas  · 
Montpellier, França
  • Arquitetos: MDR Architectes
  • Área Área deste projeto de arquitetura Área: 3.386
  • Ano Ano de conclusão deste projeto de arquitetura Ano: 2018

Casa MSR / Brengues Le Pavec architectes

© rbrengues photo © rbrengues photo © rbrengues photo © rbrengues photo + 25

Remodelação  · 
Montpellier, França

Folie Divine / Farshid Moussavi Architecture

© Paul Phung © Paul Phung © Paul Phung © Paul Phung + 34

Apartamentos  · 
Montpellier, França

Tip-Box mescla natureza e vertigem nas montanhas de Montpellier

Você já se sentiu andando à beira da insanidade? Ou como se estivesse andando muito perto de seu ponto de inflexão? Não? Bem, parece que o arquiteto Christophe Benichou já, e o resultado é uma estrutura de pequena escala cúbica em equilíbrio sobre o precipício de Pic-Saint-Loup.

Nomeado Tip-Box, o projeto foi concebido originalmente para um amigo de Benichou. Talvez percebendo que presentes devem se restringir a caixas mais tradicionais, o espaço busca servir como um mirante para a contemplação e descanso de caminhantes nas montanhas de Montpellier.

© Christophe Benichou © Christophe Benichou © Christophe Benichou © Christophe Benichou + 9

Estacionamento Saint-Roch / Archikubik

© Adrià Goula © Adrià Goula © Adrià Goula © Adrià Goula + 48

Montpellier, França
  • Arquitetos: Archikubik
  • Área Área deste projeto de arquitetura Área: 23680.0
  • Ano Ano de conclusão deste projeto de arquitetura Ano: 2015

Terra, Ar, Água e Limites Borrados no "Le Festival des Architectures Vives" 2015

O sul da França é conhecido por suas praias sem fim, arquitetura do século XIX, verde abundante e monumentos de sua história. Por quase uma década, Le Festival des Architectures Vives (Festival de Arquiteturas Vivas) tem infundido arquitetura contemporânea nesta paisagem através da criação de uma série de pavilhões temporários. A partir de 2006 e 2013, respectivamente, as cidades de Montpellier e La Grande Motte foram palco de uma série de estruturas destinadas a animar segmentos históricos das duas cidades. Fundada com a missão de celebrar a obra seminal de uma geração próspera de arquitetos, o festival tem como objetivo produzir obras significativas e interativas projetadas para ativar os centros históricos das duas cidades.

Explore as instalações inspiradoras do Le Festival des Architectures Vives, a seguir.

Promenade D'envolees. Image © Paul Kozlowski / photoarchitecture / Festival des Architectures Vives The Porthole . Image © Paul Kozlowski / photoarchitecture / Festival des Architectures Vives Photo Souvenir. Image © Paul Kozlowski / photoarchitecture / Festival des Architectures Vives Les Arbres dans L'eau. Image © Paul Kozlowski / photoarchitecture / Festival des Architectures Vives + 16

Scape / NAS architecture

© photoarchitecture © photoarchitecture © photoarchitecture © photoarchitecture + 12

Montpellier, França
  • Arquitetos: NAS architecture
  • Área Área deste projeto de arquitetura Área: 30.0
  • Ano Ano de conclusão deste projeto de arquitetura Ano: 2015

URBAN AGENCY projeta edifício residencial de luxo em Montpellier

Projetado por URBAN AGENCY e BET Satge, o edifício Le Twist consiste em um conjunto de 10 apartamentos de luxo com um restaurante no térreo que se abre para um jardim semi-público. Contratados em 2013, os arquitetos foram convidados a reavaliar uma proposta existente para Montpellier, França. Ao deslocar e rotacionar cada pavimento, o escritório pôde "respeitar e 'torcer' a lei de planejamento francesa", ganhando 40% de área construída.

FAKT Office cria uma instalação metálica em Montpellier

FAKT Office, um estúdio com sede em Berlim e Zurique, criou uma instalação arquitetônica para o Festival des Architectures Vives que utiliza chapas perfuradas de alumínio para produzir uma estrutura geométrica que remete a uma nuvem. Patrocinado pelas empresas metalúrgicas Karl Dieringer e AMAG Austria Metall, a exposição explora as propriedades do alumínio e sua capacidade de criar novas formas.

Contornos. Imagem © Giulio Boem Vista interna. Imagem © Giulio Boem Visitantes olhando o interior. Imagem © Giulio Boem Vista de topo. Imagem © Giulio Boem + 9

"L'Arbre Blanc" - a torre multiuso de Sou Fujimoto em Montpellier

As autoridades de Montpellier escolheram o projeto "A Árvore Branca (L'Arbre Blanc) de Sou Fujimoto Architects, Nicolas Laisné Associés e Manal Rachdi Oxo architects como vencedor do concurso "Folie Arquitetônico do século 21". Inspirada na tradicional vida ao ar livre da cidade e nas propriedades eficientes de uma árvore, a torre de uso misto se "alimentará" dos recursos naturais encontrados no local a medida que se ergue à altura de 17 andares e conecta os novos e antigos distritos de Montpellier.

Instalações urbanas no Festival Des Architectures Vives

Todos os verões as cidades francesas de Montpellier e La Grande Motte recebem o evento Le Festival Des Architectures Vives (Festival de Arquiteturas Vivas). Esse festival tem como objetivo sensibilizar o público em relação à arquitetura e proporcionar visibilidade ao trabalho dos arquitetos e designers. Nesse processo, o evento também chama a atenção para lugares anteriormente desconhecidos das duas cidades - em Montpellier, muitos jardins privados da cidade são abertos ao público na ocasião do evento. Já em La Grande Motte, a exposição acontece em meio aos espaços do centro da cidade. O festival deste ano conta com 18 instalações temporárias. Saiba mais sobre o evento a seguir.

Onde Sensuelle, por Marion Moustey e Alex Arcens - La Grande Motte. Imagem © photoarchitecture, Cortesia de Paul Kozlowski Breath Box, por NAS Architecture - La Grande Motte. Imagem © photoarchitecture, Cortesia de Paul Kozlowski Sensualite Invisible, por Lea Corba e Nicolas Baudru - La Grande Motte. Imagem © photoarchitecture, Cortesia de Paul Kozlowski Sens Dessous Sen Dessous, por Fakir - La Grande Motte. Imagem © photoarchitecture, Cortesia de Paul Kozlowski + 33

BIG é selecionado para desenhar o Museu do Corpo Humano na França

BIG foi anunciado como o vencedor do concurso internacional para a nova Cité du Corps Humain (Museu do Corpo Humano) em Montpellier. Radicado na longa história médica da cidade, com a escola de medicina de renome mundial, que data do século X, o museu de 7800 m² busca "explorar o corpo humano a partir de um enfoque artístico, científico e social através de atividades culturais, exposições interativas, performances e oficinas".

Seu projeto, guiado por oito formas ondulantes que "se costuram" para criar um espaço contínuo subjacente, serviram como mediador entre a natureza e a cidade, o Parque Charpak e a prefeitura da cidade de Montpellier. As impressionantes vistas, acesso de luz do dia e conexões internas serão reveladas pela volume inconstante do museu.

A seguir, as palavras do arquiteto.

Teatro Jean-Claude / A+ Architecture

© Jean-Yves Gilbert © Jean-Yves Gilbert © Jean-Yves Gilbert © Jean-Yves Gilbert + 15

Montpellier, França
  • Arquitetos: A+ Architecture
  • Área Área deste projeto de arquitetura Área: 2620.0
  • Ano Ano de conclusão deste projeto de arquitetura Ano: 2013

Edifício de Apartamentos Version Rubis / Jean-Paul Viguier Architecture

© Takuji Shimmura © Takuji Shimmura © Takuji Shimmura © Takuji Shimmura + 10

Montpellier, França

Farshid Moussavi Architecture Vence o concurso para os Jardins de la Lironde

Este empilhamento não convencional de andares deslocados em forma de placas em breve será um novo edifício de 36 apartamentos na cidade francesa de Montpellier. As autoridades da cidade divulgaram a notícia esta semana, nomeando Farshid Moussavi Architecture como vencedor do concurso para os Jardins de la Lironde competição.

A forma original da torre de 11 andares vai oferecer aos moradores, varandas amplas com vistas para o mar e um restaurante ao nível do solo. A construção está prevista para começar em 2014, marcando a primeira fase de um plano diretor para a construção de 12 novos edifícios no distrito de Porto Marianne.

Mais imagens e plantas da torre Jardins de la Lironde ta seguir...

Pierres Vives / Zaha Hadid Architects

© Helene Binet