1. ArchDaily
  2. Interviews

Interviews: O mais recente de arquitetura e notícia

O-office discute como projetos de renovação podem revelar histórias ocultas da arquitetura

SZ-HK Biennale-Silo Reconversion. Imagem © O-office & Maurer United
SZ-HK Biennale-Silo Reconversion. Imagem © O-office & Maurer United

A O-office Architects, empresa multidisciplinar com sede em Guangzou, tem se especializado em projetos remodelação de antigas estruturas, transformando-as e adpatando-as para o futuro. Seus fundadores, Jianxiang He e Ying Jiang, são conhecidos por explorar os limites da arquitetura contemporânea n China, como apresentado neste recente projeto no qual eles transformam uma antiga fábrica abandonada de Shenzhen em um novo centro cultural e comunitário.

Em entrevista concedida ao ArchDaily, os fundadores do O-office falam à respeito de sua prática e conceitos utilizados em projetos de remodelação dentro do atual contexto da arquitetura contemporânea na China.

O futuro de ontem, hoje: Como é ser arquiteto na Coréia do Norte?

Originalmente publicada na Metropolis Magazine como "The Future of Architecture, According to a North Korean Architect, esta entrevista com Nick Bonner, curador da Seção Norte-Coreana do Pavilhão da Coréia na Bienal de Veneza 2014, investiga as realidades do trabalho de um arquiteto em um dos países mais fechados do mundo.

Há uma boa chance de você nunca pisar na Coréia do Norte, o que não é o mesmo que dizer que você não pode. O interesse no estado socialista é cada vez maior, um fato refletido pelo aumento no número de turistas ansiosos para descobrir os locais e atrações de Pyongyang. Nick Bonner, fundador da Koryo Tours, vem trazendo visitantes para a República Popular Democrática da Coréia (DPRK) há mais de duas décadas. Ele recentemente foi encarregado da curadoria de uma pequena exposição no Pavilhão Coreano na edição deste ano da Bienal de Arquitetura de Veneza.

Para os "Utopian Tours" Bonner encomendou projetos de um arquiteto norte-coreano não identificado, pedindo-lhe para imaginar uma infra-estrutura totalmente nova para acomodar grupos maiores de turistas. As ilustrações resultantes são fascinantes: o futuro da arquitetura, pelo menos na Coreia do Norte, se parece muito com o futuro de ontem, onde os turistas viajam em aerobarcos e os trabalhadores vivem em hotéis em forma de zigurate inspirados em montanhas e árvores.

A revista Metropolis convidou o arquiteto paisagista a mostrar um panorama geral do atual cenário da arquitetura em um dos países mais isolados do mundo.

Um hotel resort no Monte Kumgang. Imagem Corteria de Koryo ToursHotéis em forma de montanhas cônicas, conectados em vários pontos por pistas de esqui. Imagem cortesia de Koryo ToursUm desenvolvimento nos pés do Monte Kumgang. Imagem Cortesia de Koryo ToursVila Ninho de Pássaro. Imagem Cortesia de Koryo Tours+ 12

Strelka Institute reúne 41 entrevistas sobre o futuro do urbanismo

Uma coletânea de 41 entrevistas conduzidas por estudantes do Strelka Institute, intitulada Future Urbanism, está agora disponível online. As entrevistas contam com a participação de arquitetos, urbanistas, sociólogos, pesquisadores e outros profissionais de campos relacionados aos estudos urbanos, enfatizando a preocupação do Strelka Institute em abordar o tema a partir de uma perspectiva interdisciplinar. Veja as entrevistas aqui.