Tudo
Projetos
Produtos
Eventos
Concursos
  1. ArchDaily
  2. Environmental Design

Environmental Design: O mais recente de arquitetura e notícia

Ingenhoven architects e architectus vencem concurso para projetar o maior arranha-céu residencial de Sydney

19:00 - 5 Agosto, 2018
Ingenhoven architects e architectus vencem concurso para projetar o maior arranha-céu residencial de Sydney, Cortesia de Doug and Wolf
Cortesia de Doug and Wolf

Um novo projeto da ingenhoven architects, em cooperação com a architectus, superou uma série de arquitetos internacionalmente aclamados para o projeto da torre residencial mais alta de Sydney, na 505-523 George Street. O arranha-céu de 79 andares atingirá os 270 metros e incluirá diversos usos, que vão desde habitação e comércio até hotel e lazer. Os projetistas esperam que a torre seja “um marco profundamente visível para um desenvolvimento econômico, ambiental e socialmente sustentável e voltado para o futuro”.

Cortesia de Doug and Wolf Cortesia de Doug and Wolf Cortesia de Doug and Wolf Cortesia de Doug and Wolf + 12

"Aeriform Ecologies": Um arquivo atmosférico de subprodutos industriais

12:00 - 8 Agosto, 2015
"Aeriform Ecologies": Um arquivo atmosférico de subprodutos industriais, Estação Queen Maud Station 066; Imagem © Jennifer Ng
Estação Queen Maud Station 066; Imagem © Jennifer Ng

A poluição atmosférica em  regiões urbanizadas está rapidamente assumindo a vanguarda da discussão ambiental, com grandes cidades enfrentando sérios problemas de qualidade do ar. Nova Deli, Pequim, Los Angeles, Moscou e Karachi são algumas das cidades com os piores índices de poluição atmosférica do mundo, todas registrando níveis de partículas poluentes superiores ao máximo tolerado.

Conheça Aeriform Ecologies: An Atmospheric Archive for Industrial Effluvium. Concebido como um projeto acadêmico por Jennifer Ng, da University of Michigan, com orientação de Kathy Velikov, Aeriform Ecologies investiga as possibilidades dos subprodutos da indústria do petróleo ao propor uma rede de soluções para os "escoamentos espaciais" criados pela extração do combustível fóssil. Baseado em uma abordagem futurista que inclui uma rede de dirigíveis não tripulados que absorvem as emissões de gases, o projeto dilui as linhas entre ciência, tecnologia e arquitetura.

Explore o efervescente mundo de Aeriform Ecologies, a seguir.

Estação de Pesquisa Queen Maud. Imagem © Jennifer Ng Repositórios 111oW em fachada. Imagem © Jennifer Ng Maquetes físicas. Imagem © Jennifer Ng & Adam Smith Estação Queen Maud Station 066 - cápsula de estração. Imagem © Jennifer Ng + 41

A instalação “Vortex” do 1024 une análise ambiental e artística

13:00 - 7 Dezembro, 2014
A instalação “Vortex” do 1024 une análise ambiental e artística, Cortesia de 1024 architecture
Cortesia de 1024 architecture

O escritório parisiense 1024 architecture criou Vortex, uma escultura geradora de luz localizada dentro de edifício verde do Projeto Ecossistema Darwin em Bordeaux, França. O "fragmento arquitetônico" consiste em andaimes, madeira bruta e doze linhas de luzes LED coloridas que aparecem em toda a estrutura. Uma nova experiência espacial é criada, que também informa os espectadores sobre o consumo de energia no interior do edifício.

Saiba mais sobre a instalação, a seguir.

Cortesia de 1024 architecture Cortesia de 1024 architecture Cortesia de 1024 architecture Cortesia de 1024 architecture + 12

Prêmio DEAD: Reconhecendo o pior da arquitetura

22:00 - 21 Agosto, 2014

Diversos prêmios reconhecem projetos inovadores, vanguardistas e sustentáveis, porém, não existia - até o momento - nenhum reconhecimento aos projetos que prejudicam o meio ambiente ou contribuem de alguma forma para tornar o mundo pior. Criado por Cameron Sinclair, um dos cofundadores do Architecture for Humanity e atual Diretor Executivo da Fundação Jolie-Pitt, o "Prêmio DEAD" visa destacar projetos que tenham um impacto negativo no planeta com o objetivo de inspirar projetistas a "verem essas falhas como desafios para criar algo novo, corrigir erros do passado ou encontrar o antídoto para o projeto em questão." Envie um tweet com seus indicados para @deadprize até 01 de novembro e saiba mais sobre a premiação na página do DEAD Prize.