1. ArchDaily
  2. Beaux Arts

Beaux Arts: O mais recente de arquitetura e notícia

Características e diferenças de 12 estilos arquitetônicos

Há muito tempo a história das civilizações vem sendo contada e ensinada de forma linear, com um sentido evolutivo, em prol de uma apreensão facilitada por uma didática mais direta. É fato que, muitas vezes, questionou-se esse método de pensar e organizar a forma como os eventos ou manifestações culturais aconteceram no decorrer do tempo, nas diversas partes do mundo, com suas especificidades que, muitas vezes, são deixadas de lado nas grandes narrativas históricas produzidas, sobretudo, no âmbito ocidental e, mais ainda, europeu.

Parc de la Villette, projetado por Bernad Tschumi. © victortsu on Visual Hunt / CC BY-NCAltes Museum, Berlim. © Avda, via Wikimedia. Licença CC BY-SA 3.0Grand Central Terminal, Nova Iorque. © Eric Baetscher, via Wikimedia. Licença CC BY-SA 3.0Igreja de Jesus em Roma. © Alessio Damato, via Wikimedia. Licença CC BY-SA 3.0+ 14

A obra de Victor Horta, arquiteto do Art Nouveau

© Henry Townsend
© Henry Townsend

Situado ao longo de Bruxelas, a arquitetura de Victor Horta varia do inócuo ao vanguardista. Enquanto muitos de seus edifícios foram concluídos no estilo tradicional do Beaux Arts, são os trabalhos Art Nouveau de Horta - a maioria deles construídos como residências para a elite belga - que são os mais destacados. Emergindo da tradição das artes decorativas e, de certa forma, antecipando a próxima investida do modernismo, os edifícios Art Nouveau de Horta foram erguidos durante uma década fugaz: aproximadamente de 1893 a 1903.

© <a href=‘https://commons.wikimedia.org/wiki/File:Fachada_Casa_Estudio_V%C3%ADctor_Horta.jpg#/media/File:Fachada_Casa_Estudio_V%C3%ADctor_Horta.jpg'>Creative Commons user estebanhistoria</a> licensed under <a href='https://creativecommons.org/licenses/by-sa/3.0/'>CC BY-SA 3.0</a> © <a href=‘https://www.flickr.com/photos/martinehrenhauser/8085701304'>Flickr user Martin Ehrenhauser </a> licensed under <a href='https://creativecommons.org/licenses/by/2.0/'>CC BY 2.0</a>© <a href=‘https://upload.wikimedia.org/wikipedia/commons/8/8d/Belgique_-_Bruxelles_-_Maison_Horta_-_02.jpg'>Creative Commons user EmDee</a> licensed under <a href='https://creativecommons.org/licenses/by-sa/4.0/deed.en'>CC BY-SA 4.0</a> © <a href=‘https://commons.wikimedia.org/wiki/File:Belgique_-_Bruxelles_-_H%C3%B4tel_Van_Eetvelde_-_18.jpg'>Creative Commons user EmDee</a> licensed under <a href='https://creativecommons.org/licenses/by-sa/4.0/deed.en'>CC BY-SA 4.0</a>+ 19

Clássicos da Arquitetura: Feira Mundial de Chicago 1893 / Daniel Burnham e Frederick Law Olmsted

Os Estados Unidos realizaram uma admirável demonstração a si mesmo na primeira Feira Mundial, no Crystal Palace, realizada no Reino Unido em 1851. Jornais britânicos não pouparam elogios, declarando que as invenções americanas exibidas na feira eram de maior utilidade e engenhosidade comparadas a qualquer uma das outras dentro da Feira. Ao contrário de vários governos europeus, que investiram ricamente em suas exibições nacionais nas exposições que se seguiram, o Congresso dos EUA hesitou em contribuir com fundos, forçando expositores a depender de patrocinadores particulares. O interesse em exposições internacionais caiu durante a sangrenta Guerra Civil, mas as coisas recuperaram-se rapidamente. Na sequência do conflito, no entanto, quando o país poderia sediar a Exposição do Centenário da Filadélfia em 1876. Comemorando o patriotismo americano e o progresso tecnológico, a Exposição do Centenário foi um sucesso retumbante que preparou o terreno para outra grande feira americana: A Feira Mundial de 1893. [1]

Cortesia de Wikimedia user RillkeBot (Domínio Público)Embora o próprio edifício fosse bonito, as exposições do Governo dos Estados Unidos não conseguiram atrair muitos dos visitantes da feira. Em primeiro plano, o Ho-O-Den, uma réplica do palácio japonês medieval. Cortesia de Wikimedia user RillkeBot (Domínio Público)Cortesia de Wikimedia user scewing (Domínio Público)Um mapa da Exposição de 1893 mostra o quanto dos edifícios da feira foram definidos no eixo com o tribunal de honra. Cortesia de Wikimedia user scewing (Domínio Público)+ 16