Tudo
Projetos
Produtos
Eventos
Concursos

Bart van Hoek

NAVEGUE POR TODOS OS PROJETOS DESTE FOTÓGRAFO

Anunciados os projetos finalistas para o EU Mies Award 2019

A Comissão Européia e a Fundação Mies van der Rohe anunciaram as 40 obras pré-selecionadas que concorrerão ao Prêmio da União Européia de Arquitetura Contemporânea - Prêmio Mies van der Rohe de 2019. O Prêmio, do qual o ArchDaily é parceiro de mídia, partiu de 383 trabalhos nomeados pelo júri para uma seleção de 40 finalistas, celebrando as tendências e oportunidades da reutilização adaptativa, habitação e cultura em toda a Europa.

Musis Sacrum / van Dongen-Koschuch

© Bart van Hoek © Bart van Hoek © Bart van Hoek © Bart van Hoek + 50

Ampliação  · 
Arnhem, Holanda

Pós pós-modernismo: 10 projetos que reinterpretam o movimento na era digital

Não é nenhum segredo que o pós-modernismo, ao longo dos últimos anos, tem passado por uma espécie de renascimento. Sua exuberância e entusiasmo, duramente criticados por muitos arquitetos, talvez sejam um bálsamo nestes momentos tão difíceis pelos quais o mundo está passando. Ou ainda, para parte de nossos colegas, o movimento talvez sirva apenas para criar edifícios fotogênicos que são posteriormente publicados no Instagram. 

Dito isto, vale ressaltar que não estamos tratando aqui exatamente daquele pós-modernismo que surgiu durante os anos 60. O pós-modernismo que aqui nos referimos, é aquele que além de preocupar-se com as preexistências e com o contexto, também procura se reinventar através das novas tecnologias. Instalações e outras formas efêmeras de arquitetura também podem possibilitar uma nova perspectiva sobre a nossa prática profissional, e quando documentadas e catalogadas, estas obras ficam a disposição de todos para futuras pesquisas e consultas. Talvez estejamos lidando não mais com algo reacionário, contra a hegemonia do modernismo; a bandeira que os principais pós-modernistas de outrora levantavam e defendiam. O pós-modernismo de hoje pode ser algo ao mesmo tempo alegre e reservado, vernacular e altamente tecnológico.

Landmark Nieuw Bergen / Monadnock . Image © Stijn Bollaert Temple of Agape / Morag Myerscough and Luke Morgan. Image © Gareth Gardner A House for Essex / FAT and Grayson Perry. Image © FAT © Rasmus Hjortshoj + 70

Ponte IJssel / MoederscheimMoonen Architects

© Bart van Hoek
© Bart van Hoek

© Bart van Hoek © Bart van Hoek © Bart van Hoek © Bart van Hoek + 31

Pontes  · 
Zutphen, Outro

Em defesa do edifício Emoji e da arquitetura poder ser divertida, às vezes

É sempre fascinante quando a arquitetura rompe os limites da profissão e torna-se um tópico de debate no campo mais amplo. Felizmente, graças à internet, não faltam ocasiões como essa: seja o artigo que se espalhou tanto que encontrou um cliente para um improvável projeto de uma casa em um penhasco ou fóruns que de repente decidiram que a arquitetura moderna parece “malvada”, os virais garantem que há muitas oportunidades para o leigo oferecer suas contribuições na produção de nossa profissão.

A sensação do verão de 2017 foi a Fachada Emoticon de Attika Architekten. Este edifício cuidadosamente sensato e educado chamou a atenção do público graças à inclusão de adições decorativas em forma de emojis. Enquanto a maioria da internet respondeu com olhos de coração, não faltaram pessoas que consideraram que estes emojis esculpidos são uma indicação clara de que a arquitetura, e por extensão a sociedade, e por extensão toda a vida como a conhecemos, está condenada, e nunca se recuperará. Tal opinião é legitimada por artigos como este em Wired, de Sam Lubell, que, ao reportar sobre o edifício, encontrou dois especialistas dispostos a fazer um grande e velho sorriso amarelo para a obra de Attika Architekten. Dado o papel que esses especialistas desempenham na condução da conversa entre o público, seus argumentos foram aqui analisados.

Hotel Hyatt Regency Amsterdã / van Dongen-Koschuch

© Bart van Hoek
© Bart van Hoek

© Bart van Hoek © Bart van Hoek © Bart van Hoek © Bart van Hoek + 21

Hotéis  · 
Amsterdã, Outro

Estacionamento P+R Zutphen / MoederscheimMoonen Architects

© Harry Noback © Harry Noback © Harry Noback © Harry Noback + 19

Zutphen, Outro

Edifício de Apartamentos Emmy Andriesse / Attika Architekten

© Bart van Hoek Cortesia de Attika Architekten Cortesia de Attika Architekten © Bart van Hoek + 19

Apartamentos  · 
Amsterdã, Outro

Casas Flutuantes em Lelystad / Attika Architekten

© Bart van Hoek © Bart van Hoek Cortesia de Attika Architekten © Bart van Hoek + 28

Lelystad, Outro