Estúdio Gustavo Utrabo é um dos vencedores do prêmio de sustentabilidade LafargeHolcim Awards

Estúdio Gustavo Utrabo é um dos vencedores do prêmio de sustentabilidade LafargeHolcim Awards

O Estúdio Gustavo Utrabo foi um dos vencedores do prêmio de sustentabilidade LafargeHolcim Awards, categoria prata na América Latina, com o projeto para a Indústria Comunitária na Amazônia, um edifício de beneficiamento de castanha do Pará localizado na vila de São Francisco, às margens do rio Iratapuru na Bacia Amazônica.

O projeto de modernização da fábrica busca oferecer oportunidades produtivas, culturais e econômicas para a comunidade local. A obra é resultado de um processo participativo entre os arquitetos, a comunidade local e a Natura, empresa de cosméticos que usa ingredientes extraídos da castanha em suas mercadorias e que foi a principal financiadora do projeto.

Indústria Comunitária na Amazônia. Image Cortesia de Estúdio Gustavo Utrabo
Indústria Comunitária na Amazônia. Image Cortesia de Estúdio Gustavo Utrabo

A nova área de produção da fábrica é composta por uma série de volumes independentes que delimitam zonas programáticas específicas. Uma grande cobertura contínua e independente, de estrutura de madeira, envolve todos os volumes, conferindo unidade ao programa articulado. A escolha da terra compactada e da madeira certificada local como principais materiais garante não só a sustentabilidade ambiental do projeto, como também o envolvimento dos membros da comunidade que podem, portanto, adquirir novos conhecimentos e habilidades ao longo do processo de construção.

A falta de definição rígida e a simplicidade flexível permanecem como a assinatura dos arquitetos deste belo projeto e como elementos-chave para alcançar uma intervenção sustentável na delicada região de Iratapuru. O júri destacou especialmente como a função programática do edifício é resolvida por meio da elegante dualidade entre as coberturas leves e as paredes maciças, criando volumes que acomodam as instalações necessárias para o beneficiamento da castanha do Pará. O engajamento da comunidade durante o processo de concepção e construção também foi considerado uma contribuição notável para a inclusão social. — comentário do júri

Indústria Comunitária na Amazônia. Image Cortesia de Estúdio Gustavo Utrabo
Indústria Comunitária na Amazônia. Image Cortesia de Estúdio Gustavo Utrabo
Indústria Comunitária na Amazônia. Image Cortesia de Estúdio Gustavo Utrabo
Indústria Comunitária na Amazônia. Image Cortesia de Estúdio Gustavo Utrabo

Na região da América Latina, muitas propostas trataram de questões relativas à água, uso da terra, restauração e recuperação de terras. Além da Indústria Comunitária na Amazônia, que ficou com o prêmio de prata na regional, foram premiados os projetos Wetland Vitality (ouro) e Vernacular Greenhouse (bronze), ambos na Colômbia.

No 6º ciclo de um dos prêmios mais prestigiados do mundo para o design sustentável, a maioria dos vencedores globais vieram das regiões Ásia-Pacífico e Oriente Médio da África. Os prêmios foram entregues no último dia 13 em uma cerimônia na Bienal de Arquitetura de Veneza.

Indústria Comunitária na Amazônia. Image Cortesia de Estúdio Gustavo Utrabo
Indústria Comunitária na Amazônia. Image Cortesia de Estúdio Gustavo Utrabo

Para mais informações, acesse a página do LafargeHolcim Awards.

Galeria de Imagens

Ver tudoMostrar menos
Sobre este autor
Cita: Romullo Baratto. "Estúdio Gustavo Utrabo é um dos vencedores do prêmio de sustentabilidade LafargeHolcim Awards" 16 Nov 2021. ArchDaily Brasil. Acessado . <https://www.archdaily.com.br/br/972016/estudio-gustavo-utrabo-e-um-dos-vencedores-do-premio-de-sustentabilidade-lafargeholcim-awards> ISSN 0719-8906

¡Você seguiu sua primeira conta!

Você sabia?

Agora você receberá atualizações das contas que você segue! Siga seus autores, escritórios, usuários favoritos e personalize seu stream.