Conheça os vencedores do Concurso para reconstrução e reabilitação do Complexo Al Nouri de Mosul

Conheça os vencedores do Concurso para reconstrução e reabilitação do Complexo Al Nouri de Mosul

Em novembro passado, a UNESCO, o Ministério da Cultura do Iraque e a Fundação Sunita do Iraque anunciaram em conjunto um concurso internacional de projeto para a reconstrução e reabilitação do histórico Complexo Al Nouri em Mosul. Uma das cidades mais antigas do mundo, Mosul ("o ponto de ligação" em árabe), está começando um processo de recuperação após anos de conflito, guiada por uma iniciativa apropriadamente intitulada "Reviva o Espírito de Mosul". A reabilitação do Complexo Al Nouri, que data originalmente do século XII e desde então tem constituído uma faceta central da vida da cidade, é uma parte central desta iniciativa e tem como objetivo sinalizar a resiliência, esperança, coesão social e reconciliação da cidade no rescaldo dos conflitos. Seis meses após o anúncio inicial do concurso, os vencedores foram finalmente escolhidos.

O concurso

O complexo Al Nouri, severamente danificado em 2017, incluía vários marcos espirituais monumentais, incluindo o Minarete Al-Hadba e o Salão de Oração Al Nouri. Para a sua reconstrução, os organizadores do concurso apelaram a um programa de reabilitação integrado, reconstruindo o Salão de Orações Al Nouri ao mesmo tempo que integrava novas funções e edifícios secundários que recuperariam a importância central do complexo para a estrutura da cidade.

Endossado pela UIA (União Internacional de Arquitetos), o concurso foi enquadrado como uma chamada anônima e aberta à apresentação de propostas, exigindo que os líderes das equipes participantes tivessem pelo menos cinco anos de experiência na área e demonstrassem experiência em reabilitação ou novos projetos em contextos históricos. Um prêmio de $ 50.000 seria concedido ao trabalho vencedor, com prêmios adicionais para quatro segundos classificados e reconhecimento especial para menções honrosas. As entradas foram avaliadas com base nos seguintes critérios:

  • Integração dos elementos recém-concebidos nos vestígios dos marcos históricos, bem como no contexto histórico;
  • Impacto no contexto urbano e social;
  • Potencial de expressão e reforço da identidade cultural e comunitária;
  • Potencial de contribuição para o desenvolvimento sustentável;
  • Competência de abordagem e expressão de projeto;
  • Qualidade arquitetônica;
  • Integração na paisagem patrimonial;
  • Inovação e criatividade;
  • Aspectos / considerações de análise histórica e documentação;
  • Aspectos ecológicos;
  • Aspectos funcionais;
  • Economia de meios na abordagem projetual;
  • Viabilidade e potencial de implementação;
  • Coerência da abordagem holística;
  • Impressões gerais.

O júri

Esses critérios foram avaliados por um júri de dez membros (9 + 1 jurado suplente), chefiado pelo fundador do RAW-NYC Architects, Raya Ani, FAIA, LEED AP. Eles incluíram:

  • Howayda Al-Harithy, Professora de Arquitetura e Diretora da Escola de Design da American University of Beirut (Arábia Saudita)
  • Ahmed Alomary, chefe do Departamento de Engenharia e Arquitetura da Universidade de Mosul (Iraque)
  • Xavier Casanovas, especialista em regeneração urbana e reabilitação sustentável e professor da Universidade Politécnica da Catalunha (Espanha)
  • Amel Chabbi, chefe da Seção de Conservação do Departamento de Cultura e Turismo do Emirado de Abu Dhabi (Emirados Árabes Unidos)
  • Shahira Fahmy, arquiteta, urbanista, pesquisadora criativa e fundadora da Shahira Fahmi Architects (Egito)
  • Wang Shu, arquiteto e cofundador do Amateur Architecture Studio (China)
  • Marina Tabassum, arquiteta e diretora da Marina Tabassum Architects (Bangladesh)
  • Jerzy Uścinowicz, Professor de Arquitetura e Chefe da Divisão de Arquitetura de Culturas Locais da Faculdade de Arquitetura da Universidade de Tecnologia de Białystok (Polônia)
  • Doris Wälchli, diretora da Brauen Wälchi Achitects (Suíça)

A reunião do júri ocorreu entre 6 e 12 de abril. Foram recebidas 123 inscrições de todo o mundo.

Os vencedores

1º Prêmio - U$ 50.000 e contratação para projeto detalhado

  • País: Egito
  • Líder da equipe: Salah El Din Samir Hareedy (Professor Associado da Universidade de Alexandria, Egito. CEO de HEADS)
  • Membros da equipe: Khaled Farid El-Deeb (Professor da Universidade de Alexandria, Egito, Imam Abdulrahman Bin Faisal University, KSA); Sherif Farag Ebrahim (Professor Assistente da Universidade de Alexandria, Egito. Diretor Executivo da ADD Architects); Tarek Ali Mohamed (Co-fundador do JOZOOR Architectural Studio); Noha Mansour Ryan (arquiteto sênior da ADD Architects); Hager Abdelghany Gad (arquiteto sênior da ADD Architects); Mahmoud Saad Gamal (arquiteto júnior da ADD Architects) e Yousra Mohamed Rashad (pesquisador Ph.D., arquiteto da United Company for Housing and Development)

© UNESCO / Salah Hareedy; Khaled Farid El-Deeb; Sherif Ebrahim & Tarek Ali Mohamed
© UNESCO / Salah Hareedy; Khaled Farid El-Deeb; Sherif Ebrahim & Tarek Ali Mohamed
© UNESCO / Salah Hareedy; Khaled Farid El-Deeb; Sherif Ebrahim & Tarek Ali Mohamed
© UNESCO / Salah Hareedy; Khaled Farid El-Deeb; Sherif Ebrahim & Tarek Ali Mohamed
© UNESCO / Salah Hareedy; Khaled Farid El-Deeb; Sherif Ebrahim & Tarek Ali Mohamed
© UNESCO / Salah Hareedy; Khaled Farid El-Deeb; Sherif Ebrahim & Tarek Ali Mohamed

O projeto é construído em torno do objetivo principal de criar espaços públicos abertos integrados, conectando o pátio principal em frente ao Salão de Oração com a área de expansão.

Os volumes são desenvolvidos como bordas orgânicas dando uma definição espacial porosa ao sistema múltiplo de espaços abertos, com o objetivo geral de realçar a função do principal espaço aberto de Mosul (o Complexo Al Nouri) como centro urbano da cidade antiga.

A maioria das novas funções incluídas no programa de construção estão localizadas na área de expansão (setor oeste do complexo), com algumas soluções ad hoc sobre os "pontos de conexão" entre diferentes elementos arquitetônicos pré-existentes dados (por exemplo, as casas no setor Nordeste) de forma a dar continuidade, assegurando ao mesmo tempo uma hierarquia e articulação convincentes do espaço.

O conjunto global tem 5 acessos públicos, ao longo das principais ruas circundantes, com especial destaque para aqueles que evocam a viela norte-sul que separava originalmente o perímetro histórico do complexo Al Nouri da área de expansão.

A Sala de Oração é reconstruída como era antes da sua destruição em 2017, mas com algumas melhorias específicas no que diz respeito à luz natural e, também, a necessidade de incluir alguns espaços adicionais, nomeadamente uma área maior para mulheres e a área VIP. Esses espaços adicionais são acrescentados em ambos os lados do volume arquitetônico principal e conectados por uma estrutura aberta semicoberta que funciona como uma área de oração de verão, e dá continuidade às fachadas em direção ao pátio da mesquita principal.

© UNESCO / Salah Hareedy; Khaled Farid El-Deeb; Sherif Ebrahim & Tarek Ali Mohamed
© UNESCO / Salah Hareedy; Khaled Farid El-Deeb; Sherif Ebrahim & Tarek Ali Mohamed

2º prêmio - U$ 30.000

  • País: Índia
  • Líderes da equipe: Avneesh Tiwari (Fundador da atArchitecture) e Gurjit Singh Matharoo (Fundador da Matharoo Associates)
  • Membros da equipe: Neha Rane (Fundador da atArchitecture) e Jain Savi Sanjay Vimmi (Arquiteto Júnior na Matharoo Associates)

© UNESCO / Avneesh Tiwar and Gurjit Singh Matharoo & Team
© UNESCO / Avneesh Tiwar and Gurjit Singh Matharoo & Team
© UNESCO / Avneesh Tiwar and Gurjit Singh Matharoo & Team
© UNESCO / Avneesh Tiwar and Gurjit Singh Matharoo & Team
© UNESCO / Avneesh Tiwar and Gurjit Singh Matharoo & Team
© UNESCO / Avneesh Tiwar and Gurjit Singh Matharoo & Team

3º prêmio - U$ 20.000

  • País: Espanha
  • Líderes da equipe: Francisco Javier Maroto Ramos (MBA.MECES. PHD Arquitetto Sênior, ETSAM. UPM)
  • Membros da equipe: Pedro García Martínez (MBA.MECES. PHD Arquiteto Sênior, ETSAM. UPM); Antonio Palomino, Bueno; Alberto Palomino Bueno (Arquiteto Sênior BIM Manager, ETSAM. UPM, Maribel Sánchez Fernández (Arquiteto. Bim Manager), Rocío Sánchez Córcoles (Arquiteto), Manuel Albaladejo Garre (Arquiteto); Francisco Jesús Aparicio Buendía (Arquiteto); Jonathan Andrés Ríos Armijos ( Arquiteto)

© UNESCO / UNI_CO
© UNESCO / UNI_CO
© UNESCO / UNI_CO
© UNESCO / UNI_CO
© UNESCO / UNI_CO
© UNESCO / UNI_CO

4º prêmio - U$ 15.000 

  • Países: EUA e México
  • Líderes da equipe: PRODUCTORA (Wonne Ickx, Carlos Bedoya, Victor Jaime, Abel Perles)
  • Membros da equipe: Arquitetos: PRODUCTORA + Asli Cicek, Andrea Monroy, Diana Fonseca, Sofia Valdovinos, Ruy Berumen, Ana Reed, Erik Castaneda, Yael Saadia, Diego Velazquez, Pablo Manjarrez, Fidel Fernandez

© UNESCO / PRODUCTORA
© UNESCO / PRODUCTORA
© UNESCO / PRODUCTORA
© UNESCO / PRODUCTORA

5º prêmio - U$ 10.000 

  • Países: Emirados Árabes Unidos e França
  • Líderes da equipe: Clement Blanchet (Clément Blanchet Architecture (cba))
  • Membros da equipe: Clotilde Berrou & Marc Kauffmann - BKClub (Líderes Associados da Equipe), Mattia Malavenda - MMA (Líder Associado da Equipe) Hellen Almoustafa Christina Chelarescu - SANE / CBA, Lola Garcia - BKClub, Philippe Gimet - Operel Laure Le Guillou - Phoebus SAS, Fabrice Merizzi - Phoebus SAS, Simon Parilla, Camille Pepin, Romain Ricciotti - LRing, Samir Nicolas Saddi - ARCADE, Shantanu Sang - CBA, Philippe Sarfati - CBA, Isabelle-Camille Tertrais - BKClub, Pierre-Mary Thibault - Aldel, Angelo Trinca - CBA, Yves Ubelmann - Iconemand Patrycja Wyparlo - CBA

© UNESCO / Clement Blanchet & Team
© UNESCO / Clement Blanchet & Team
© UNESCO / Clement Blanchet & Team
© UNESCO / Clement Blanchet & Team

Menções Honrosas

Primeira Menção Honorária

  • País: Itália
  • Líder da equipe: Arch. Riccardo Renzi (PhD)
  • Membros da equipe: Arch. Elena Ceccarelli, Arch. Gabriele Marinari, Arch. Virginia Vivona, Arch. Diego Betti e Dott. Antonio Ciracì

© UNESCO / Riccardo Renzi & Team
© UNESCO / Riccardo Renzi & Team
© UNESCO / Riccardo Renzi & Team
© UNESCO / Riccardo Renzi & Team

Segunda Menção Honorária

  • País: Grécia
  • Líderes da equipe: Leonidas Papalampropoulos (Arquiteto, Professor Assistente do Departamento de Arquitetura da Universidade de Patras)
  • Membros da equipe: Georgia Syriopoulou (Arquiteta), Lampros Papalampropoulos (Arquiteto), Alexandros Karageorgos (Engenheiro Estrutural), Natalia Sotirchou (Universidade de Patras) e Elena Chrissochoedou (Universidade de Patras)

© UNESCO / Leonidas Papalampropoulos & Team
© UNESCO / Leonidas Papalampropoulos & Team
© UNESCO / Leonidas Papalampropoulos & Team
© UNESCO / Leonidas Papalampropoulos & Team
Sobre este autor
Cita: Cao, Lilly. "Conheça os vencedores do Concurso para reconstrução e reabilitação do Complexo Al Nouri de Mosul" [Meet the Winners for the Reconstruction and Rehabilitation of Mosul's Al Nouri Complex] 15 Abr 2021. ArchDaily Brasil. (Trad. Souza, Eduardo) Acessado . <https://www.archdaily.com.br/br/960163/conheca-os-vencedores-do-concurso-para-reconstrucao-e-reabilitacao-do-complexo-al-nouri-de-mosul> ISSN 0719-8906

¡Você seguiu sua primeira conta!

Você sabia?

Agora você receberá atualizações das contas que você segue! Siga seus autores, escritórios, usuários favoritos e personalize seu stream.