Sagrada Família recebe seu primeiro alvará de construção em 137 anos de história

Sagrada Família recebe seu primeiro alvará de construção em 137 anos de história

A chefe da Secretaria de Ecologia, Urbanismo e Mobilidade Urbana da cidade de Barcelona, Janet Sanz, também no exercício de vice-prefeita da capital catalã, acaba de liberar o primeiro alvará de construção da Sagrada Família. Depois de mais de 137 anos do início das obras de uma das mais impressionantes e contraditórias obras de arquitetura do mundo, a Sagrada Família finalmente conta uma permissão oficial de construção emitida pelas autoridades locais. O alvará emitido pela prefeitura permitirá que as obras de construção sigam seu ritmo inalterável e de acordo com a lei, até 2026, quando a famosa estrutura projetado por Antoni Gaudí deverá ser finalmente concluída.

No ano passado, a Sagrada Família fechou um acordo com a prefeitura de Barcelona para pagar uma dívida de mais de US$ 40 milhões. Isso porque a obra nunca teve de fato, um alvará de construção válido deste que a região onde se encontra a basílica foi incorporada pela cidade de Barcelona. A dívida será paga em várias parcelas ao longo dos próximos dez anos, enquanto que a nova licença de construção será válida pelos próximos sete anos, até 2026, ano do centenário da morte de seu criador.

A saga da obra da Sagrada Família vem se arrastando a mais de um século, sendo que a permissão para construir, originalmente emitida em 1885 por Sant Martí de Provençals, nunca foi renovada. A licença deixou de ser válida quando a área foi incorporada pelo município de Barcelona. Em outubro do ano, publicamos aqui no Archdaily uma matéria revelando que as autoridades ligadas à instituição religiosa concordaram em pagar a dívida em uma série de parcelas ao longo dos próximos dez anos. Como contrapartida, o município se comprometeu a melhorar o transporte público no entorno da obra.

O município de Barcelona receberá US$ 5,2 milhões em impostos devidos ao longo dos próximos dez anos, pondo fim um capítulo que a vice-prefeita descreveu como “uma anomalia histórica”. Patrimônio Mundial da UNESCO, a Sagrada Família está sendo construída segundo projetos desenvolvidos postumamente de acordo com modelos feitos em gesso por Gaudí, isso porque o projeto original foi perdido a quase cem anos.

Um dos principais ícones do Modernismo Catalão, a Sagrada Família atrai mais de três milhões de visitantes todos os anos. Gaudí trabalhou incansavelmente no projeto e na construção do templo ao longo de seus últimos anos de vida, até 1926 quando faleceu vítima de um atropelamento no entorno da obra. Uma vez concluída, a Sagrada Familia será a igreja alta da Europa atingindo uma altura recorde de 172,50 metros, contando com dezoito torres no total. Antes mesmo de ser concluída, o templo já vem sendo restaurado uma vez que a sua obra foi iniciada a mais de cem anos atrás. Até hoje, a Sagrada Família vem sendo mantida inteiramente através de doações, sem nenhum tipo de financiamento público.

Sobre este autor
Cita: Walsh, Niall. "Sagrada Família recebe seu primeiro alvará de construção em 137 anos de história" [La Sagrada Familia Granted Building Permit after 137 Years ] 16 Jun 2019. ArchDaily Brasil. (Trad. Libardoni, Vinicius) Acessado . <https://www.archdaily.com.br/br/918862/sagrada-familia-recebe-seu-primeiro-alvara-de-construcao-em-137-anos-de-historia> ISSN 0719-8906
Ler comentários

¡Você seguiu sua primeira conta!

Você sabia?

Agora você receberá atualizações das contas que você segue! Siga seus autores, escritórios, usuários favoritos e personalize seu stream.