O site de arquitetura mais visitado do mundo
i

Inscreva-se agora e organize a sua biblioteca de projetos e artigos de arquitetura do seu jeito!

Inscreva-se agora para salvar e organizar seus projetos de arquitetura

i

Encontre os melhores produtos para o seu projeto em nosso Catálogo de Produtos

Encontre os produtos mais inspiradores do nosso Catálogo de Produtos

i

Instale o ArchDaily Chrome Extension e inspire-se a cada nova aba que abrir no seu navegador. Instale aqui »

i

En todo el mundo, arquitectos están encontrando maneras geniales para reutilizar edificios antiguos. Haz clic aquí para ver las mejores remodelaciones.

Quer ver os melhores projetos de remodelação? Clique aqui.

i

Mergulhe em edifícios inspiradores com nossa seleção de 360 ​​vídeos. Clique aqui.

Veja nossos vídeos imersivos e inspiradores de 360. Clique aqui.

Tudo
Projetos
Produtos
Eventos
Concursos
Navegue entre os artigos utilizando o teclado
  1. ArchDaily
  2. Notícias
  3. Limarí Lighting Design converte o Templo Baha'í da América do Sul em um excepcional corpo luminoso

Limarí Lighting Design converte o Templo Baha'í da América do Sul em um excepcional corpo luminoso

Limarí Lighting Design converte o Templo Baha'í da América do Sul em um excepcional corpo luminoso
Limarí Lighting Design converte o  Templo Baha'í da América do Sul em um excepcional corpo luminoso, © Justin Ford
© Justin Ford

Localizado na chamada pré-cordilheira dos Andes a uma altura de 1000 metros sobre o nível do mar, o templo Bahá’í da América do Sul domina grande parte da cidade de Santiago (Chile).

Projetado pelos arquitetos canadenses do Hariri Pontarini architects, o templo é construído em um terreno com 11 hectares de superfície, das quais 6 foram projetadas pelo arquiteto paisagista Juan Grimm.

Devido à sua localização favorecida, o templo oferece aos visitantes uma experiência peculiar que se complementa com a iluminação, com o objetivo de transformar o tempo em um corpo de luz. Limarí Lighting Design compartilha aqui detalhes deste projeto ganhador da premiação Lighting Design Awards 2017 de Londres.

© Aryeh Kornfeld
© Aryeh Kornfeld

O Templo é o oitavo e último edificado pela comunidade Bahá’í no mundo. É um lugar aberto e acessível de forma gratuita à toda a comunidade.

Idealizado pelo arquiteto Siamak Hariri como um corpo de luz, um edifício com forma de flor e composto por nove pétalas, constituído por uma estrutura metálica recoberta em seu exterior por um vidro fundido sob medida, e possui em seu interior mármore português branco translúcido. 

© Aryeh Kornfeld
© Aryeh Kornfeld

A luz do dia penetra diretamente pelas janelas na união das 9 pétalas e de forma difusa pela dupla camada de vidro fundido e mármore.

© Aryeh Kornfeld
© Aryeh Kornfeld

Além de transformar o templo em um corpo luminoso, o projeto pretendia criar em seu interior um ambiente quente, 'monástico', apto para a oração, reflexão à meditação.

© Aryeh Kornfeld
© Aryeh Kornfeld
Cortesía de Lighting Design
Cortesía de Lighting Design

Outro dos objetivos do projeto foi realçar os elementos, formas e materialidades da arquitetura agregando a menor quantidade de elementos possíveis. O cuidado na integração e o desenho dos instrumentos de iluminação foram primordiais para o êxito deste projeto.

© Aryeh Kornfeld
© Aryeh Kornfeld

O efeito de 'corpo luminoso' ocorre devido aos 36 projetores localizados nos perfis verticais em bronze que unem as janelas às pétalas de mármore e que iluminam a pétala oposta.

Corte 4. Image Cortesía de Lighting Design
Corte 4. Image Cortesía de Lighting Design

A iluminação interna é indireta e realizada através de 63 luminárias instaladas no piso atrás dos bancos e que projetam seu foco de luz no teto, em uma iluminação simples que realça tanto as formas complexas das pétalas como sua materialidade. A parte superior das pétalas e o óculo central se iluminam a partir de 18 projetores situados nos mesmos perfis de bronze.

Corte 5. Image Cortesía de Lighting Design
Corte 5. Image Cortesía de Lighting Design

A escala de acesso e o 'lugar da palavra' estão iluminados com pendentes decorativos que de forma cilíndrica bastante simples e em bronze estão fixados na parte superior do mármore das pétalas. A iluminação da área das bancas do primeiro piso é bastante tênue e provém da iluminação indireta das pétalas, complementado por lâmpadas que simulam velas. Estas foram projetadas sob medida e permitem relacionar a escala humana desde edifício de 30 metros de altura.

© Aryeh Kornfeld
© Aryeh Kornfeld

A iluminação das colunas, dos espaços perimetrais e dos 9 acessos externos está realizada com luminárias do tipo 'downlights' embutidas e ocultas nos forros de madeira no interior e de bronze nos acessos externos.

Um sistema de controle permite a restituição das diferentes cenas com diferentes intensidades de acordo com o uso do lugar. 

© Aryeh Kornfeld
© Aryeh Kornfeld

Iluminação: Limarí Lighting Design
Designer de Luz Responsável: Pascal Chautard
Colaboradores: Francisca Nicoletti, Carolina Roese, Magdalena Roa, Cristina Fahrenkrog, Raúl Osses, Felipe Osses
Arquitetura: Hariri Pontarini Architects HPA
Arquiteto responsável: Siamak Hariri
Chefe de Projeto: Doron Meinhard
Arquiteto do Projeto: Justin Ford
Paisagismo: Juan Grimm
Localização: Peñalolén, Santiago, Chile
Ano: 2012-2016
Superficie construída: 11 hectáreas
Fotógrafo: Aryeh Kornfeld

Ver a galeria completa

Sobre este autor
Piedad Rojas
Autor
Cita: Rojas, Piedad. "Limarí Lighting Design converte o Templo Baha'í da América do Sul em um excepcional corpo luminoso" [Limarí Lighting Design convierte al Templo Baha'í de Sudamérica en un excepcional cuerpo luminoso] 28 Jun 2017. ArchDaily Brasil. (Trad. Santiago Pedrotti, Gabriel) Acessado . <https://www.archdaily.com.br/br/873267/limari-lighting-design-converte-o-templo-bahai-da-america-do-sul-em-um-excepcional-corpo-luminoso> ISSN 0719-8906