O site de arquitetura mais visitado do mundo
i

Inscreva-se agora e organize a sua biblioteca de projetos e artigos de arquitetura do seu jeito!

Inscreva-se agora para salvar e organizar seus projetos de arquitetura

i

Encontre os melhores produtos para o seu projeto em nosso Catálogo de Produtos

Encontre os produtos mais inspiradores do nosso Catálogo de Produtos

i

Instale o ArchDaily Chrome Extension e inspire-se a cada nova aba que abrir no seu navegador. Instale aqui »

i

En todo el mundo, arquitectos están encontrando maneras geniales para reutilizar edificios antiguos. Haz clic aquí para ver las mejores remodelaciones.

Quer ver os melhores projetos de remodelação? Clique aqui.

i

Mergulhe em edifícios inspiradores com nossa seleção de 360 ​​vídeos. Clique aqui.

Veja nossos vídeos imersivos e inspiradores de 360. Clique aqui.

Tudo
Projetos
Produtos
Eventos
Concursos
Navegue entre os artigos utilizando o teclado
  1. ArchDaily
  2. Notícias
  3. Dez jovens talentos da arquitetura chinesa

Dez jovens talentos da arquitetura chinesa

  • 07:00 - 21 Janeiro, 2017
  • por
  • Traduzido por Lis Moreira Cavalcante
Dez jovens talentos da arquitetura chinesa
Dez jovens talentos da arquitetura chinesa

2016 foi um ano importante para a arquitetura chinesa. Da conclusão da Ópera de Harbin de MAD Architects ao Aga Khan Awards que reconheceu Zhang Ke de Standard Architecture por seu projeto para o Centro de Arte e Biblioteca das Crianças Hutong, em Pequim. Parece que a percepção geral da arquitetura chinesa finalmente mudou para além do grande, do estranho e do feio.

Desde que começamos a expandir nossa plataforma para a China, a equipe do ArchDaily China pode descobrir as ricas camadas além das estrelas chinesas em ascensão. Como parte do processo de urbanização do país, publicamos ano passado alguns projetos de grande escala projetados por instituições de Design e Pesquisa da China (em grande parte desconhecidas), como estações de trem e centros culturais.

Além disso, também apresentamos vários escritórios menores, menos conhecidos e mais jovens, que se concentram em trabalhos experimentais de pequena escala, que gostaríamos de apresentar aqui. Escolhemos nossos dez favoritos:

Escola Primária Tiantai No.2. Imagem © Yu Xu Youth Hotel de iD Town. Imagem © Chaos.Z Casa de Chá Hutong. Imagem © Wang Ning Chi She. Imagem © Su Shengliang + 25

LYCS Architecture

CATable 2.0. Cortesia da imagem: LYCS Architecture
CATable 2.0. Cortesia da imagem: LYCS Architecture

Liderado por Ruan Hao, o LYCS é um dos mais diversos jovens escritórios de arquitetura na China. Baseado em Hangzhou, a empresa tem uma equipe de 3 sócios e 2 associados para permitir sua operação em todas as escalas, dos masterplans ao mobiliário para gatos, o CATable.

Escola Primária Tiantai No.2. Imagem © Yu Xu
Escola Primária Tiantai No.2. Imagem © Yu Xu

LYCS é uma das primeiras empresas jovens de arquitetura na China a explorar a tipologia de escolas urbanas com a Roof Track School. O escritório afirma focar em questões críticas de construção de projetos, desenvolvimento urbano e construção na China.

Duo Xiang Studio

Pavilhão Vanke, Exposição Mundial de Xangai de 2010. Cortesia da imagem: Dou Xiang Studio
Pavilhão Vanke, Exposição Mundial de Xangai de 2010. Cortesia da imagem: Dou Xiang Studio

Duo Xiang Studio é um estúdio baseado em Pequim que explora objetos cotidianos, focando em sua adequação. Esta nova abordagem levou a uma interessante série de trabalhos da Cadeira Comb, feita de centenas de pentes, ao Pavilhão Vanke, parte da Exposição Mundial de Xangai de 2010.

Caderia Comb. Cortesia da imagem: Dou Xiang Studio
Caderia Comb. Cortesia da imagem: Dou Xiang Studio

META-Projects

Public Folly - Renovação da Torre de Água. Cortesia da imagem: Department of Architecture, Chinese University of Hong Kong
Public Folly - Renovação da Torre de Água. Cortesia da imagem: Department of Architecture, Chinese University of Hong Kong

Uma empresa focada em pesquisa, a META-Projects busca descobrir e responder ao incomum potencial sócio/cultural das cidades asiáticas. Da "Regeneração por intervenção" de seu próprio escritório (uma casa nas ruas de Hutong da antiga Pequim), aos projetos de pesquisa em colaboração com Vanke (uma das maiores incorporadoras imobiliárias na China), a META-Projects tem sido muito representativa no que diz respeito ao renovado desejo de arquitetos locais de conectar a arquitetura ao seu ambiente social.

Centro de Exibição Huludao Beach. Cortesia da imagem: Department of Architecture, Chinese University of Hong Kong
Centro de Exibição Huludao Beach. Cortesia da imagem: Department of Architecture, Chinese University of Hong Kong

He Wei 

Xihe Cereals and Oils Museum and Village Activity Center. Imagem © He Wei, Qi Honghai, Chen Long
Xihe Cereals and Oils Museum and Village Activity Center. Imagem © He Wei, Qi Honghai, Chen Long

He Wei tem construído sua abordagem arquitetônica a partir de sua experiência como pesquisador e professor na Central Academy of Arts (CAFA), em Pequim. Apaixonado pela arquitetura vernacular das minorias da China e as preocupações sobre o futuro das vilas de China, He Wei está procurando criar um diálogo entre o passado e o futuro potencial dos edifícios abandonados da China.

Elongated Industrial Box - Ding Hui Yuan Zen & Tea Chamber. Imagem © Zou Bin
Elongated Industrial Box - Ding Hui Yuan Zen & Tea Chamber. Imagem © Zou Bin

ARCHSTUDIO

Casa de Chá Hutong. Imagem © Wang Ning
Casa de Chá Hutong. Imagem © Wang Ning

A ArchStudio primeiro chamou a atenção da mídia local e internacional com suas intervenções visualmente atraentes e contextualmente sensíveis nas áreas históricas de Pequim. Seu projeto inovador, a Casa de Chá Hutong em Pequim usa uma "corredores com curvas" para fisicamente ligar e reparar a relação entre o passado e o presente, proporcionando o conforto necessário da modernidade.

Zi Bo The Great Wall Museum of Fine Art. Cortesia da imagem: ARCHSTUDIO
Zi Bo The Great Wall Museum of Fine Art. Cortesia da imagem: ARCHSTUDIO

Mais recentemente, eles ampliaram sua abordagem com a renovação de espaços da era industrial e novas estruturas impressionantes, como a Fazenda Orgânica Tangshan, vencedora do Projeto do Mês de ArchDaily de novembro.

Fazenda Orgânica Tangshan. Imagem © JIN Wei-Qi
Fazenda Orgânica Tangshan. Imagem © JIN Wei-Qi

Zhu Jingxiang / Zhu Jingxiang Architects

NewBud Eco-School. Imagem © Xia Heng
NewBud Eco-School. Imagem © Xia Heng

Zhu Jingxiang começou sua carreira construindo muito e rápido, com o desenvolvimento rápido da China continental. Depois de projetar mais de 100.000 metros quadrados de edifícios em sua carreira inicial, ele se tornou professor na Chinese University em Hong Kong para fazer uma pausa para pesquisar e ensinar. No entanto, o devastador terremoto de Sichuan em 2008 o atraiu para uma jornada de edifícios personalizados, pré-fabricados e economicamente viáveis para zonas propensas a desastres em todo o mundo.

Dou Pavilion, parte do Pavilhão da China, na 15ª Beinal de Arquitetura de Veneza. Cortesia da imagem: Department of Architecture, Chinese University of Hong Kong
Dou Pavilion, parte do Pavilhão da China, na 15ª Beinal de Arquitetura de Veneza. Cortesia da imagem: Department of Architecture, Chinese University of Hong Kong

Mais recentemente, ele ampliou o escopo de seu trabalho prática e geograficamente. Com seu Pavilhão Dou, Zhu foi um dos principais designers / participantes do Pavilhão da China na Bienal, tendo seu sistema leve e inovador e seus projetos de reconstrução pós-desastre estendidos para além de partes remotas da China à África.

Dou Pavilion, parte do Pavilhão da China, na 15ª Beinal de Arquitetura de Veneza. Cortesia da imagem: Department of Architecture, Chinese University of Hong Kong
Dou Pavilion, parte do Pavilhão da China, na 15ª Beinal de Arquitetura de Veneza. Cortesia da imagem: Department of Architecture, Chinese University of Hong Kong

Atelier Deshaus

Museu West Bund. Imagem © Su Shengliang
Museu West Bund. Imagem © Su Shengliang

Jovem talvez não seja a maneira mais apropriada para categorizar o Atelier Deshaus, já que ambos os sócios, Chen Yifeng e Liu Yichun, são arquitetos experientes que passaram pelo sistema chinês, em grande parte desconhecido, de Institutos de Design.

No entanto, os designs inspiradores do Atelier Deshaus surpreendem cada vez mais, variando desde a beleza brutalista do Museu West Bund à recente instalação de arte Pavilhão da Flor.

Pavilhão da Flor. Imagem © Zhou Dingqi
Pavilhão da Flor. Imagem © Zhou Dingqi

Archi-Union

Fab-Union Space no West Bund. Imagem © Su Shengliang
Fab-Union Space no West Bund. Imagem © Su Shengliang

Com sede em Xangai, a Archi-Union combina tecnologia digital e artesanato a partir de um método de fabricação digital de baixa tecnologia e localmente sensível de 'Digital Tectonics'.

Chi She. Imagem © Su Shengliang
Chi She. Imagem © Su Shengliang

O uso da fabricação digital se estende para além dos tratamentos de fachada e mera estética para a transformação dos fluxos de circulação do próprio espaço em projetos como o Fab-Union Space no West Bund.

Campus de Arte Songjiang. Cortesia da imagem: Archi-Union Architects
Campus de Arte Songjiang. Cortesia da imagem: Archi-Union Architects

O-Office

Youth Hotel de iD Town. Imagem © Chaos.Z
Youth Hotel de iD Town. Imagem © Chaos.Z

O O-Office, ao contrário da maioria dos outros escritórios nesta lista, estão localizados no sul da cidade chinesa de Guangzhou. Tendo experimentado o clímax da urbanização chinesa em primeira mão de seu contexto local, a empresa agora procura explorar o projeto arquitetônico como um instrumento crítico para a investigação sobre a nossa realidade espacial e econômica.

A transformação do último andar da fábrica de cervejas mais antiga de Guangzhou no Silo-top Studio foi um dos primeiros projetos do escritório, com terraços de 38 metros de altura, com vista para o centro antigo da cidade.

Silo-top Studio. Imagem © Likyfoto
Silo-top Studio. Imagem © Likyfoto

PAO - People's Architecture Office

The Courtyard House Plugin. Cortesia da imagem: PAO
The Courtyard House Plugin. Cortesia da imagem: PAO

People's Architecture Office acredita que a arquitetura é para as massas, e de fato, são as massas que inspiram seu trabalho. De seu Courtyard Plugin dentro do qual um sistema modular é integrado às casas centenárias para permitir-lhes um estilo de vida moderno, é notável que a arquitetura de PAO não é baseada na forma ou estética pura, mas na realidade cotidiana.

Courtyard House Plugin en Masse – Segunda Fase. Cortesia da imagem: PAO
Courtyard House Plugin en Masse – Segunda Fase. Cortesia da imagem: PAO

Ver a galeria completa

Sobre este autor
Han Zhang
Autor
Cita: Han Zhang. "Dez jovens talentos da arquitetura chinesa" [10 Young Chinese Architecture Firms To Watch Out For] 21 Jan 2017. ArchDaily Brasil. (Trad. Moreira Cavalcante, Lis) Acessado . <https://www.archdaily.com.br/br/802874/dez-jovens-talentos-da-arquitetura-chinesa> ISSN 0719-8906