O site de arquitetura mais visitado do mundo
i

Inscreva-se agora e organize a sua biblioteca de projetos e artigos de arquitetura do seu jeito!

Inscreva-se agora para salvar e organizar seus projetos de arquitetura

i

Encontre os melhores produtos para o seu projeto em nosso Catálogo de Produtos

Encontre os produtos mais inspiradores do nosso Catálogo de Produtos

i

Instale o ArchDaily Chrome Extension e inspire-se a cada nova aba que abrir no seu navegador. Instale aqui »

i

En todo el mundo, arquitectos están encontrando maneras geniales para reutilizar edificios antiguos. Haz clic aquí para ver las mejores remodelaciones.

Quer ver os melhores projetos de remodelação? Clique aqui.

i

Mergulhe em edifícios inspiradores com nossa seleção de 360 ​​vídeos. Clique aqui.

Veja nossos vídeos imersivos e inspiradores de 360. Clique aqui.

Tudo
Projetos
Produtos
Eventos
Concursos
Navegue entre os artigos utilizando o teclado
  1. ArchDaily
  2. Notícias
  3. Casas de bonecas para caridade: Como um concurso de projeto conseguiu angariar fundos para crianças em situação de risco

Casas de bonecas para caridade: Como um concurso de projeto conseguiu angariar fundos para crianças em situação de risco

  • 15:00 - 18 Setembro, 2016
  • por
  • Traduzido por Lis Moreira Cavalcante
Casas de bonecas para caridade: Como um concurso de projeto conseguiu angariar fundos para crianças em situação de risco
Casas de bonecas para caridade: Como um concurso de projeto conseguiu angariar fundos para crianças em situação de risco, Cortesia de The Life of an Architect
Cortesia de The Life of an Architect

Você já cogitou projetar uma casa perfeitamente cúbica? É pouco provável, a menos que você estivesse envolvido no evento da Dallas CASA, "Desfile de Casas de Bonecas". Há 25 anos, a associação convidou arquitetos, designers e construtores a conceber, construir e doar casas de bonecas para arrecadar fundos para crianças abusadas e negligenciadas. Todo ano, as pequenas casas são exibidas no Northpark Mall - o principal centro cultural de Dallas - onde as pessoas podem comprar rifas de US$ 5 para ganhar uma das casas expostas.

O Arquiteto Bob Borson concebeu suas duas primeiras casas para Dallas CASA em 2009, antes de iniciar seu popular blog Life of an Architect e, posteriormente lançar o "Concurso de Projeto The Life of an Architect". A ideia surgiu em 2010, quando um grande número de arquitetos sofreu com a crise econômica. Como Borson explica: "Eu queria propor um concurso de projeto de casas de bonecas aberto a outros arquitetos para que eles pudessem permanecer ligados à profissão de arquitetura." Isso também exigiu que Borson arrecadasse dinheiro e encontrasse construtores para construir os projetos. "Eu sempre cobri todas as despesas para que o concurso continuasse com entrada livre - as casas de bonecas eram para caridade e parecia que era a coisa certa ser feita", refletiu Borson.

Casa “Amor & Paz”, Mashrur Dewan (2016). Imagem Cortesia de The Life of an Architect Casa “Cuidado”, Zach George e Taylor Proctor (2016). Imagem Cortesia de The Life of an Architect Casa “Diga Queijo!”, Manuel Millán (2016). Imagem Cortesia de The Life of an Architect Casa “Janela Contínua”, Toda Junya (2016) . Imagem Cortesia de The Life of an Architect + 58

Exibição de Casas de Boneca de Dallas Casa 2016. Imagem Cortesia de The Life of an Architect
Exibição de Casas de Boneca de Dallas Casa 2016. Imagem Cortesia de The Life of an Architect

Para os dois primeiros anos, Borson organizou a competição como parte do Instituto Americano de Arquitetos (AIA) e, simultaneamente, começou a divulgar no blog The Life of an Architect. O site permitiu maior divulgação, então em 2012 Borson decidiu dar a pessoas em qualquer lugar do mundo a oportunidade de projetar casas de boneca para caridade. Com a expansão do projeto, o júri passou a selecionar de duas casas vencedoras em 2010 para cinco em 2016.

Casa “Lanterna", Bob Borson (2014). Imagem Cortesia de The Life of an Architect
Casa “Lanterna", Bob Borson (2014). Imagem Cortesia de The Life of an Architect

Para aqueles que querem se envolver, as orientações são relativamente simples. Os únicos requisitos dizem respeito ao tamanho, mas isso não significa que a competição é fácil: um projeto eficaz de casa de bonecas pode ser complexo. Para determinar os trabalhos vencedores, o júri faz uma série de perguntas: "Será que ela precisa ser uma estrutura fechada? Que função ela teria ao longo do tempo? Como envelheceria? Será que as pessoas querem isso em seu quintal? Uma criança realmente gostaria disso? Como poderíamos construir isso dentro das limitações de orçamento e ainda manter o conceito intacto? É perigoso?"

Casa “Casa de Passarinho”, Bob Borson (2013). Imagem Cortesia de The Life of an Architect
Casa “Casa de Passarinho”, Bob Borson (2013). Imagem Cortesia de The Life of an Architect

Dado que os empreiteiros doam dinheiro e tempo para construir estas casas, os projetos não devem ser excessivamente onerosos. Mas o propósito continua a ser essencial. Os interesses das crianças mudam, então o projeto deve pensar além das primeiras semanas de empolgação, quando a casa chega ao quintal do vencedor.

Casa “Sala de Leitura”, Tyler Murph (2015). Imagem Cortesia de The Life of an Architect
Casa “Sala de Leitura”, Tyler Murph (2015). Imagem Cortesia de The Life of an Architect

Assim, os próprios projetos de Borson incluem uma "Casa Laterna" para iluminar um jardim à noite, um "Cinema ao Ar Livre" para exibir filmes dentro ou fora, e uma "Casa de Passarinho" que poderia ser reutilizada como um local de trabalho, de armazenamento ou um deck. Similarmente, o vencedor da competição de 2015, Tyler Murph, deu ao seu projeto um efeito duradouro; a "Sala de Leitura" funciona como uma biblioteca de pequena escala, com um mirante agradável, e algumas estantes para armazenamento.

Casa “Cuidado”, Zach George e Taylor Proctor (2016). Imagem Cortesia de The Life of an Architect
Casa “Cuidado”, Zach George e Taylor Proctor (2016). Imagem Cortesia de The Life of an Architect
Casa “Janela Contínua”, Toda Junya (2016) . Imagem Cortesia de The Life of an Architect
Casa “Janela Contínua”, Toda Junya (2016) . Imagem Cortesia de The Life of an Architect

Os projetos vencedores deste ano, "Cuidado" e "Janela Contínua", também combinam um design elegante e uma possível utilização pragmática com ludicidade - um critério que os projetistas surpreendentemente esquecem muitas vezes. Como diz Borson, "muito frequentemente arquitetos e designers novos ao processo pensam que eles devem criar uma casa de bonecas que é orientada pela forma, com a ideia de que a criança se apropriará da casa do seu jeito, com a sua própria ideia do que uma casa de bonecas deve ser... mas as crianças não funcionam dessa maneira. Se eles se deparam com uma casa com uma forma arquitetônica incrível ou uma casa que se parece com uma casa de macacos, eles preferirão a casa de macacos todas as vezes".

Casa “Casa Divertida de Salva-vidas”, Susann Stein (2015). Imagem Cortesia de The Life of an Architect
Casa “Casa Divertida de Salva-vidas”, Susann Stein (2015). Imagem Cortesia de The Life of an Architect

Projetos com formas mais evocativas são, portanto, muitas vezes recompensados. Por exemplo, os projetos vencedores de 2015 "Ellie, o Elefante" e "Casa Divertida de Salva-vidas" reinterpretou elementos do imaginário infantil para criar ambientes para brincar. De fato, exteriores com formas coloridas e divertidas abrem oportunidades para o encontro, a aprendizagem e o exercício físico. Bons exemplos de 2016 incluem a cilíndrica "Amor & Paz", a "Base de Acampamento" de cobertura inclinada e com sua parede de escalada, e a casa amarela "Diga Queijo!", com suas aberturas circulares e árvore no interior para "insinuar valores sobre a natureza."

Casa “Ellie, o Elefante”, Andres Moreno (2015). Imagem Cortesia de The Life of an Architect
Casa “Ellie, o Elefante”, Andres Moreno (2015). Imagem Cortesia de The Life of an Architect

Esta estratégia de projeto de permitir formas mais criativas e originais de casa de bonecas ajuda a manter o interesse no evento da Dallas CASA a cada ano. No entanto, uma variedade tão alegre de casas provavelmente não poderia ser julgada por um júri composto apenas por adultos - e é por isso que Borson consulta "especialistas em jogabilidade de idade específica e guias de estilo de diferentes gerações" para selecionar os projetos finais.

Casa “Diga Queijo!”, Manuel Millán (2016). Imagem Cortesia de The Life of an Architect
Casa “Diga Queijo!”, Manuel Millán (2016). Imagem Cortesia de The Life of an Architect

A competição de projetos de Borson mostra que "arquitetos tem um conjunto de habilidades que pode ser emprestado à caridade." Mais do que apenas conceber uma casa de bonecas divertida, este projeto é sobre dedicar tempo para ajudar crianças carentes, com todos os recursos captados com rifas direcionados à Dallas CASA. Se você está interessado em projetar uma casa para a caridade ou quer saber mais sobre a ação de Bob Borson dentro da comunidade Dallas, confira o seu blog The Life of an Architect. Os ganhadores das rifa foram anunciados recentemente e as casas de bonecas devem ir para as suas novas casas em breve, o que significa mais fotos e entrevistas com vencedores deste ano em breve.

Ver a galeria completa

Sobre este autor
Marie Chatel
Autor
Cita: Chatel, Marie. "Casas de bonecas para caridade: Como um concurso de projeto conseguiu angariar fundos para crianças em situação de risco" [Playhouses For Charity: How One Architect's Design Competition Raises Money For Neglected Children] 18 Set 2016. ArchDaily Brasil. (Trad. Moreira Cavalcante, Lis) Acessado . <https://www.archdaily.com.br/br/795307/casas-de-bonecas-para-caridade-como-um-concurso-de-projeto-conseguiu-angariar-fundos-para-criancas-em-situacao-de-risco> ISSN 0719-8906