Vivid Sydney transforma ícones da cidade em instalações de luz

Vivid Sydney transforma ícones da cidade em instalações de luz

Vivid Sydney, o festival anual de luzes da cidade australiana, teve início no dia 27 de maio, exibindo suas coloridas instalações que reinventam ícones da cidade como a Sydney Harbour Bridge e a famosa Opera House. O evento conta com mais de 90 instalações de 150 artistas oriundos de 23 países, espalhadas em 8 diferentes locais da cidade.

+ 18

A instalação que ocupa este ano as "velas" da Opera House é intitulada Songlines  e celebra o trabalho de seis artistas australianos:  Karla Dickens, Djon Mundine OAM, Reko Rennie, Gabriella Possum Nungurrayi, Donny Woolagoodja e Gulumbu Yunupingu.

Opera House Songlines. Cortesia de Destination New South Wales

+ 18

Vivid Sydney é gerido e produzido por Destination NSW, a agência de eventos e turismo do Governo de Estado. Maior festival de luzes do mundo - atraindo mais de 1,7 milhões de visitantes em 2015 - Vivid Sydney manterá suas instalações em funcionamento até o dia 18 de junho.

Cathedral of Light, Botanic Gardens. Cortesia de Destination New South Wales

+ 18

Galeria de Imagens

Ver tudoMostrar menos
Sobre este autor
Cita: Gintoff, Vladimir. "Vivid Sydney transforma ícones da cidade em instalações de luz" [Vivid Sydney Makes a Light Show of the City's Harbour and Beyond] 02 Jun 2016. ArchDaily Brasil. (Trad. Baratto, Romullo) Acessado . <https://www.archdaily.com.br/br/788653/vivid-sydney-transforma-icones-da-cidade-em-instalacoes-de-luz> ISSN 0719-8906

¡Você seguiu sua primeira conta!

Você sabia?

Agora você receberá atualizações das contas que você segue! Siga seus autores, escritórios, usuários favoritos e personalize seu stream.