O site de arquitetura mais visitado do mundo
i

Inscreva-se agora e organize a sua biblioteca de projetos e artigos de arquitetura do seu jeito!

Inscreva-se agora para salvar e organizar seus projetos de arquitetura

i

Encontre os melhores produtos para o seu projeto em nosso Catálogo de Produtos

Encontre os produtos mais inspiradores do nosso Catálogo de Produtos

i

Instale o ArchDaily Chrome Extension e inspire-se a cada nova aba que abrir no seu navegador. Instale aqui »

i

En todo el mundo, arquitectos están encontrando maneras geniales para reutilizar edificios antiguos. Haz clic aquí para ver las mejores remodelaciones.

Quer ver os melhores projetos de remodelação? Clique aqui.

i

Mergulhe em edifícios inspiradores com nossa seleção de 360 ​​vídeos. Clique aqui.

Veja nossos vídeos imersivos e inspiradores de 360. Clique aqui.

Tudo
Projetos
Produtos
Eventos
Concursos
Navegue entre os artigos utilizando o teclado
  1. ArchDaily
  2. Notícias
  3. Diferença de IDHM entre regiões brasileiras diminuiu nas últimas décadas

Diferença de IDHM entre regiões brasileiras diminuiu nas últimas décadas

Diferença de IDHM entre regiões brasileiras diminuiu nas últimas décadas
Diferença de IDHM entre regiões brasileiras diminuiu nas últimas décadas, via PNDU Brasil
via PNDU Brasil

Uma nova publicação lançada no final de março pelo Programa das Nações Unidas para o Desenvolvimento (PNUD) em parceria com o Instituto de Pesquisa Econômica Aplicada (Ipea) e a Fundação João Pinheiro revela que as regiões Norte e Nordeste tiveram o maior ritmo de crescimento do Índice de Desenvolvimento Humano Municipal (IDHM) do país entre 2000 e 2010, reduzindo a disparidade com as regiões Sudeste, Sul e Centro-Oeste, no período. Os dados são dos Censos Demográficos do IBGE de 1991, 2000 e 2010 e estão disponíveis para consulta no site do Atlas do Desenvolvimento Humano.

A publicação “Desenvolvimento Humano nas Macrorregiões Brasileiras” traz o cálculo do IDHM das regiões do país, comprovando que todas as macrorregiões brasileiras estão situadas nas faixas de médio ou alto desenvolvimento humano, registrando uma evolução considerável em relação a 1991, quando todas estavam nas faixas de baixo ou muito baixo desenvolvimento humano.

Os dados mais recentes evidenciam que a região Sudeste tem o maior IDHM do país, com valor de 0,766. Em segundo lugar está a região Centro-Oeste, com IDHM de 0,757, praticamente empatada com a região Sul, terceira colocada, com IDHM de 0,754. As regiões Norte e Nordeste ainda têm os menores IDHM do país, com 0,667 e 0,663, respectivamente.

Os avanços em termos de desenvolvimento humano não foram os mesmos para todas as regiões, no entanto. Os dados mostram que entre 1991 e 2000 cresceram em ritmo mais acelerado as regiões Sul, Sudeste e Centro-Oeste do Brasil, enquanto as regiões Norte e Nordeste, as de menor IDHM do país, foram as que tiveram crescimento mais acelerado entre 2000 e 2010.

Essa diferença de ritmo de crescimento fez com que a desigualdade entre as regiões, considerando somente o IDHM, fosse mantida entre 1991 e 2000 e tivesse uma redução acentuada na década seguinte. O hiato de desenvolvimento entre as regiões Sudeste e Nordeste, ou seja, a diferença entre a macrorregião brasileira com IDHM mais alto e a com IDHM mais baixo, registrou um leve aumento entre 1991 e 2000, passando de 0,156 para 0,160. Já entre 2000 e 2010, a diferença entre as duas regiões caiu para 0,103 (veja gráfico abaixo).

via PNDU Brasil
via PNDU Brasil
via PNDU Brasil
via PNDU Brasil

Fonte: PNUD Brasil, Ritmo de crescimento e disparidade regional do IDHM variou no Brasil nas últimas décadas.

Sobre este autor
Romullo Baratto
Autor
Cita: Romullo Baratto. "Diferença de IDHM entre regiões brasileiras diminuiu nas últimas décadas" 08 Abr 2016. ArchDaily Brasil. Acessado . <https://www.archdaily.com.br/br/784994/diferenca-de-idhm-entre-regioes-brasileiras-diminuiu-nas-ultimas-decadas> ISSN 0719-8906