Portuguesa Marta Mestre assume como curadora do Instituto Inhotim

Portuguesa Marta Mestre assume como curadora do Instituto Inhotim

O Instituto Inhotim, dono de um dos maiores acervos de arte contemporânea do mundo, confirmou a contratação da portuguesa Marta Mestre como sua nova curadora. Ex-curadora do Museu de Arte Moderna do Rio de Janeiro, Mestre se desligou da instituição carioca ano passado e substitui Rodrigo Moura em Brumadinho, Minas Gerais.

A portuguesa, no entanto, não assumirá exatamente o mesmo cargo de Moura, passando a integrar a equipe de curadores composta também pelo norte-americano Allan Schwartzman e pelo alemão Jochen Volz, que também está à frente da Bienal de Arte de São Paulo deste ano.

Atuando também como crítica de arte, a nova curadora de Inhotim é responsável pela edição portuguesa de livros de filósofos como Jacques Rancière e Aby Warburg. Após seis anos morando no Rio de Janeiro à frente do MAM, Marta Mestre muda-se agora para Belo Horizonte, onde tentará estabelecer conexões com Schwartzman em Nova Iorque, e Volz em São Paulo.

Sobre este autor
Cita: Romullo Baratto. "Portuguesa Marta Mestre assume como curadora do Instituto Inhotim" 16 Mar 2016. ArchDaily Brasil. Acessado . <https://www.archdaily.com.br/br/783631/portuguesa-marta-mestre-assume-como-curadora-do-instituto-inhotim> ISSN 0719-8906

¡Você seguiu sua primeira conta!

Você sabia?

Agora você receberá atualizações das contas que você segue! Siga seus autores, escritórios, usuários favoritos e personalize seu stream.