O site de arquitetura mais visitado do mundo
Tudo
Projetos
Produtos
Eventos
Concursos
  1. ArchDaily
  2. Artigos
  3. Estas casas improváveis são uma lição de como odiar seus vizinhos

Estas casas improváveis são uma lição de como odiar seus vizinhos

Estas casas improváveis são uma lição de como odiar seus vizinhos
Estas casas improváveis são uma lição de como odiar seus vizinhos

Há muitas boas razões para se construir uma casa: abrigo, economia ou auto-expressão. Mas rancor? Neste artigo, originalmente publicado na Curbed como "Spite Houses: 12 Homes Created With Anger and Angst", Patrick Sisson mergulha na "pequena mas ignóbil tradição" de pessoas que constroem suas casas para enfurecer seus vizinhos, familiares ou autoridades.

Como não adorar uma construção chamada "casa rancorosa" [spite house]? Em um artigo publicado no New York Times, a escritora Kate Bolick discute seu sonho de ser dona da Plum Island Pink House, uma antiga residência abandonada em Newbury, Massachusetts, localizada em meio a uma pântano de sal. A casa, romântica e reclusa, se isola por um motivo; construída por um marido recém-divorciado para sua ex-mulher como uma das condições para a separação, é uma réplica exata do antigo lar que compartilhavam, porém, desconfortavelmente localizada em meio a um pântano e construída sem água encanada. A solitária estrutura é parte de uma pequena mas ignóbil tradição de casas construídas por rancor, edifícios criados por malícia, em vez de almejarem o conforto, destinados a irritar ou enfurecer vizinhos ou mesmo os próprios inquilinos. Normalmente construídas para bloquear a passagem de luz natural para a casa de um vizinho, são encontrados exemplares que datam do século XVIII. Aqui estão alguns exemplos de casas ou apartamentos que foram construídos ou pintados por raiva.

Boston "Skinny House"

Boston "Skinny House". Imagem via Wikimedia user Boston (domínio público)
Boston "Skinny House". Imagem via Wikimedia user Boston (domínio público)

A "skinny house" de Boston foi supostamente construída por um veterano da Guerra Civil americana  para dar o troco em seu irmão, que havia construído uma enorme casas em um terreno que eles deveriam dividir. A pequena casa foi deliberadamente criada para bloquear a luz natural da residência maior.

Richardson Spite House

Richardson Spite House. Imagem via Wikimedia (domínio público)
Richardson Spite House. Imagem via Wikimedia (domínio público)

Em 1882, o comerciante de tecidos Hyman Sarner queria construir algumas casas em uma propriedade próximo à Lexington Avenue, em Nova Iorque, porém, notou a presença de uma pequena faixa de terra entre a rua e o edifício que havia planejado. Ele fez, então, uma proposta ao proprietário, Joseph Richardson, que achou a oferta muito baixa e recusou. Sarner, no entanto,deu prosseguimento ao seu plano e construiu alguns apartamentos com janelas voltadas para o terreno de Richardson. Isso enfureceu Richardson, que, em resposta, construiu um pequeno edifício de apartamentos de apenas 1,5 metros de largura em seu lote, visando bloquear a vista da propriedade de seu rival. O edifício era tão estreito que apenas uma pessoa por vez podia usar as escadas e quando os repórteres vieram conferir a estranheza do edifício, um deles ficou preso e teve que ser resgatado. 

Tyler Spite House

Tyler Spite House. Imagem via Wikimedia user Thisisbossi (domínio público)
Tyler Spite House. Imagem via Wikimedia user Thisisbossi (domínio público)

Quando o Dr. John Tyler descobriu que a prefeitura de Frederick, Maryland, planejava construir uma rodovia que cruzaria uma propriedade que acabara de comprar, ficou furioso. Inspirado por uma lei que dizia que a cidade não pode construir uma via se uma estrutura importante estiver em seu caminho, ergueu, da noite para o dia, uma Fundação em seu terreno, impedindo, assim, a extensão da rodovia. O edifício é hoje usado como albergue. 

O'Reilly Spite House

O'Reilly Spite House. Imagem © Wikimedia user ArnoldReinhold  CC BY-SA 3.0
O'Reilly Spite House. Imagem © Wikimedia user ArnoldReinhold CC BY-SA 3.0

Francis O'Reilly construiu uma pequena casa de 30 metros quadrados em 1908 quando um vizinho recusou sua oferta para comprar seu pequeno lote de terra em Cambridge, Massachusetts. Atualmente a residência é ocupada por um designer de interiores.

Alameda Spite House

Alameda Spite House. Imagem © Wikimedia user Elf  CC BY-SA 3.0
Alameda Spite House. Imagem © Wikimedia user Elf CC BY-SA 3.0

Quando a prefeitura de Alameda, Califórnia, se apropriou de um terreno para o qual Charles Froling tinha planos, ele se vingou construindo este edifício de forma estranha que parece mais um marca-páginas que uma casa. A residência de 3 metros de largura localizada na Crist Street supostamente trazia a palavra "spite" [rancor] entalhada em sua varanda. 

Interessado em mais histórias de edifícios construídos por ódio e rancor? Veja o artigo completo na Curbed.

Sobre este autor
Cita: Sisson, Patrick. "Estas casas improváveis são uma lição de como odiar seus vizinhos" [These "Spite Houses" Are the Ultimate Lesson in How to Hate Your Neighbors] 09 Mar 2016. ArchDaily Brasil. (Trad. Baratto, Romullo) Acessado . <https://www.archdaily.com.br/br/783320/these-spite-houses-are-the-ultimate-lesson-in-how-to-hate-your-neighbors> ISSN 0719-8906
Ler comentários

¡Você seguiu sua primeira conta!

Você sabia?

Agora você receberá atualizações das contas que você segue! Siga seus autores, escritórios, usuários favoritos e personalize seu stream.