O site de arquitetura mais visitado do mundo
i

Inscreva-se agora e organize a sua biblioteca de projetos e artigos de arquitetura do seu jeito!

Inscreva-se agora para salvar e organizar seus projetos de arquitetura

i

Encontre os melhores produtos para o seu projeto em nosso Catálogo de Produtos

Encontre os produtos mais inspiradores do nosso Catálogo de Produtos

i

Instale o ArchDaily Chrome Extension e inspire-se a cada nova aba que abrir no seu navegador. Instale aqui »

i

En todo el mundo, arquitectos están encontrando maneras geniales para reutilizar edificios antiguos. Haz clic aquí para ver las mejores remodelaciones.

Quer ver os melhores projetos de remodelação? Clique aqui.

i

Mergulhe em edifícios inspiradores com nossa seleção de 360 ​​vídeos. Clique aqui.

Veja nossos vídeos imersivos e inspiradores de 360. Clique aqui.

Tudo
Projetos
Produtos
Eventos
Concursos
Navegue entre os artigos utilizando o teclado
  1. ArchDaily
  2. Notícias
  3. Concreto romano: uma alternativa mais sustentável à produção atual de cimento

Concreto romano: uma alternativa mais sustentável à produção atual de cimento

Concreto romano: uma alternativa mais sustentável à produção atual de cimento
Concreto romano: uma alternativa mais sustentável à produção atual de cimento, Muros del Coliseo Romano / Mayo de 2013 . Image © José Tomás Franco
Muros del Coliseo Romano / Mayo de 2013 . Image © José Tomás Franco

Ao observarmos o Coliseu de Roma, vemos que, na realidade, a obra não é estruturada por blocos de pedra; estas atuam como forma para o concreto.

Um novo estudo da Universidade da Califórnia Berkeley mostra que esse "concreto romano" é muito mai s sustentável que a mistura que fazemos hoje em dia. Os pesquisadores resumiram suas descobertas na revista da American Ceramic Society e garantem que a antiga combinação de pedra calcária, cinza vulcânica e água do mar requer muito menos calor (e combustível) que o processo atual de fabricação do concreto. Isto sugere que a aplicação contemporânea do método romano antigo poderia produzir um concreto mais resistente e duradouro com um impacto ambiental muito menor.

Mais detalhes e um vídeo sobre o estudo, a seguir.

Estado del Coliseo Romano en Mayo de 2013 . Image © José Tomás Franco
Estado del Coliseo Romano en Mayo de 2013 . Image © José Tomás Franco

Segundo a pesquisa, os romanos não usavam cimento Portland, que é feito a partir de pedra calcária aquecida à temperatura de 1.450°C, mas misturavam a cal com cinzas vulcânicas. Este processo requer muito menos energia, já que a cal precisa ser aquecida a "apenas" 900°C.

Ao misturar o composto com água do mar, forma-se um material extremamente resistente e estável. Esta receita poderia servir de modelo para a produção de um concreto mais durável e ambientalmente menos danoso, já que, segundo os pesquisadores, cinzas vulcânicas são encontradas em grande quantidade em muitas regiões do globo. 

Atualmente, a fabricação do cimento é responsável por cerca de 5% da produção anual de CO2 no mundo.

Via UTNE

Cita: Franco, José Tomás. "Concreto romano: uma alternativa mais sustentável à produção atual de cimento" [El "concreto Romano" sería mucho más sustentable que el concreto que fabricamos hoy] 09 Nov 2015. ArchDaily Brasil. (Trad. Baratto, Romullo) Acessado . <https://www.archdaily.com.br/br/776685/concreto-romano-uma-alternativa-mais-sustentavel-a-producao-atual-de-cimento> ISSN 0719-8906
Ler comentários