Tudo
Projetos
Produtos
Eventos
Concursos
  1. ArchDaily
  2. Publicações
  3. Nova York Delirante / Rem Koolhaas

Nova York Delirante / Rem Koolhaas

  • 17:00 - 24 Outubro, 2015
  • por Equipe ArchDaily Brasil
Nova York Delirante / Rem Koolhaas
Nova York Delirante / Rem Koolhaas, Capa "Nova York Delirante". © Cosac Naify
Capa "Nova York Delirante". © Cosac Naify

Céu como mecanismo utópico para a produção de quantidades ilimitadas de terrenos virgens no mesmo local metropolitano. © Cosac Naify Arquitetos de Manhattan encenam: O Skyline de Nova York. © Cosac Naify Sistema de turnos metropolitanos. Cavaleiros de Corrida de Obstáculos montando à noite, Coney Island. © Cosac Naify Comparação entre os tamanhos relativos do Grande Hotel de Gaudí, o edifício Empire States, o edifício Chrysler e a Torre Eiffel Robert Descharnes, em Paris. © Cosac Naify + 10

Manhattan é o cenário da fase terminal da civilização ocidental: Através da explosão simultânea de densidade humana e uma invasão de novas tecnologias, a cidade tornou-se, desde 1850, um laboratório mítico para a invenção e teste de um estilo de vida revolucionário: a cultura da congestão. Este livro retrata a relação simbiótica entre a cultura metropolitana mutante e sua arquitetura.

Nova Welfare Island, Rem Koolhaas com German Martinez, Richard Perlmutter. Pintura de Zoe Zenghelis (1975). © Cosac Naify
Nova Welfare Island, Rem Koolhaas com German Martinez, Richard Perlmutter. Pintura de Zoe Zenghelis (1975). © Cosac Naify

Nova York Delirante expõe a consistência e coerência dos episódios aparentemente não relacionados de urbanismo de Manhattan; é uma interpretação que estabelece Manhattan como o produto de um movimento não formulado, cujo verdadeiro programa foi tão escandaloso que, para que ele seja percebido, isso nunca poderia ser declarado abertamente.

Cidade do Globo Criativo, Rem Koolhaas e Zoe Zenghelis (1972). © Cosac Naify
Cidade do Globo Criativo, Rem Koolhaas e Zoe Zenghelis (1972). © Cosac Naify

Uma documentação impressionante de materiais originais e projetos inéditos fornece a evidência para este manifesto arquitetônico.

Série de cartões postais que registraram as etapas do projeto da Radio City. © Cosac Naify
Série de cartões postais que registraram as etapas do projeto da Radio City. © Cosac Naify

SINOPSE

Combinação de manifesto, história, crítica e celebração da “capital do século XX”, Nova York delirante traz histórias marcantes da formação de Nova York desde a chegada dos holandeses, em 1626: o culto da tecnologia e do artificial, a invenção do elevador e a expansão para o alto, a construção de ícones como o Central Park, o Empire State e o Rockefeller Center. Publicado em 1978 por Rem Koolhaas, um dos mais instigantes arquitetos e teóricos da atualidade, ganhador do Pritkzer em 2000, o livro já teve inúmeras versões em diversas línguas mas permaneceu inédito em português até esta edição.

Hotel Welfare Palace, Rem Koolhaas com Derrick Snare, Richard Perlmutter. Pintura de Madelon Vriesendorp (1976). © Cosac Naify
Hotel Welfare Palace, Rem Koolhaas com Derrick Snare, Richard Perlmutter. Pintura de Madelon Vriesendorp (1976). © Cosac Naify

FICHA TÉCNICA

Formato: 170 x 240 mm;
Páginas: 192;
Ilustrações: 217; 
ISBN: 9788575036068

Para mais informações sobre o livro, clique aqui.

Ver a galeria completa

Sobre este autor
Cita: Equipe ArchDaily Brasil. "Nova York Delirante / Rem Koolhaas" 24 Out 2015. ArchDaily Brasil. Acessado . <https://www.archdaily.com.br/br/775951/nova-york-delirante-rem-koolhaas> ISSN 0719-8906

¡Você seguiu sua primeira conta!

Você sabia?

Agora você receberá atualizações das contas que você segue! Siga seus autores, escritórios, usuários favoritos e personalize seu stream.