O site de arquitetura mais visitado do mundo
i

Inscreva-se agora e organize a sua biblioteca de projetos e artigos de arquitetura do seu jeito!

Inscreva-se agora para salvar e organizar seus projetos de arquitetura

i

Encontre os melhores produtos para o seu projeto em nosso Catálogo de Produtos

Encontre os produtos mais inspiradores do nosso Catálogo de Produtos

i

Instale o ArchDaily Chrome Extension e inspire-se a cada nova aba que abrir no seu navegador. Instale aqui »

i

En todo el mundo, arquitectos están encontrando maneras geniales para reutilizar edificios antiguos. Haz clic aquí para ver las mejores remodelaciones.

Quer ver os melhores projetos de remodelação? Clique aqui.

i

Mergulhe em edifícios inspiradores com nossa seleção de 360 ​​vídeos. Clique aqui.

Veja nossos vídeos imersivos e inspiradores de 360. Clique aqui.

Tudo
Projetos
Produtos
Eventos
Concursos
Navegue entre os artigos utilizando o teclado
  1. ArchDaily
  2. Projetos
  3. Arquitectura Industrial
  4. China
  5. Crossboundaries
  6. 2014
  7. Fábrica Aimer Fashion / Crossboundaries Architects

Fábrica Aimer Fashion / Crossboundaries Architects

Fábrica Aimer Fashion / Crossboundaries Architects

© Xia Zhi and Yang Chaoying © Xia Zhi and Yang Chaoying © Xia Zhi and Yang Chaoying © Xia Zhi and Yang Chaoying + 44

  • Projeto Interiores

    Crossboundaries Architects
  • Paisagismo

    Crossboundaries Architects
  • Arquitetos e Engenheiros Colaboradores

    BIAD International Studio & BIAD TSH International Studio
© Xia Zhi and Yang Chaoying
© Xia Zhi and Yang Chaoying

Descrição enviada pela equipe de projeto. Quando Aimer abordou Crossboundaries em 2004, pediu um complexo fabril com área de 14.000 m² que abrigasse espaço convencionais de armazenamento, fabricação e um dormitório de 300 pessoas com funções individuais. No entanto, como Aimer rapidamente cresceu na China, as lideranças prontamente previram a importância de atualizar suas operações, mudando de um negócio focado em produção para uma marca da indústria da moda. Para reforçar essa imagem da marca e a adaptar à economia em constante amadurecimento, Crossboundaries foi solicitada para acrescentar o Escritório de Pesquisa e Desenvolvimento, um centro de distribuição de 23.000 m², além de espaço para exposição de seus produtos.

© Xia Zhi and Yang Chaoying
© Xia Zhi and Yang Chaoying

O projeto foi inaugurado em 2014 totalizando 53.000 m² que representam uma colaboração de sucesso entre Aimer e os projetistas em repensar o futuro desta empresa chinesa que integra produção e construção de marca com o bem estar dos funcionários.

© Xia Zhi and Yang Chaoying
© Xia Zhi and Yang Chaoying

Unidade: Instalações que refletem a força de uma empresa líder

Para otimizar o terreno, Crossboundaries reuniu todas as funções de negócios sob o mesmo teto resultando em um edifício retangular isolado que apresenta força e autoridade ao público.

Planta Térreo
Planta Térreo

Seguindo a ideia de reforçar a eficiência operacional da marca para elevar a cadeira de valores, os arquitetos responderam com pesquisa de detalhamento e compreensão de como os bens, funcionários e visitantes da Aimer navegam dentro e entre os espaços. A entrada pública oeste recebe os visitantes em um saguão de 12 m de pé direito, na esquina sudoeste da loja e museu Aimer, assim como o centro de conferências térreo que abrigará eventos ligados à indústria. Por sobre o centro de conferências e saguão de entrada, a área de escritórios compartilham um deck comunal com as áreas de produção, otimizando os tempos de comunicação interna entre a administração e produção.

© Xia Zhi and Yang Chaoying
© Xia Zhi and Yang Chaoying

O complexo não apenas serve as necessidades de uma fábrica convencional de maneira contemporânea, mas também cria um senso de comunidade na fábrica baseado no sistema comunista de "danwei". "Mesmo com a atualização da Aimer em suas operações com objetivo de alcançar os padrões internacionais, ainda proporciona acomodação como parte compensatória para trabalhadores baseado na ideia comunista de "danwei", disse o Diretor Binke Lenhardt. O dormitório com capacidade para 600 pessoas é separado das instalações da fábrica com áreas recreativas, gerando uma distinção entre trabalhar e morar, portanto incentivando um senso de comunidade entre trabalhadores.

© Xia Zhi and Yang Chaoying
© Xia Zhi and Yang Chaoying

Democratizando: Atendendo ao bem estar dos empregados

Enquanto é importante para o cliente apresentar uma forte imagem, Crossboundaries previu um ambiente de fábrica que atende o bem estar dos trabalhadores e dos funcionários da área administrativa de maneira igual.

© Xia Zhi and Yang Chaoying
© Xia Zhi and Yang Chaoying

Ao cortar um vazio no edifício e o dispor um deck comunal no nível 13 m, o espaço público duplo que atravessa o térreo e o deck permite o ar circular melhor horizontalmente e verticalmente ao longo da fachada curva. O uso de aberturas superiores ao longo da fachada interna maximizam a quantidade de luz natural que ilumina as áreas de escritórios e de produção. Este deck de madeira portanto atua como uma ponte para reunir operários da fábrica e funcionários administrativos para relaxar em um mesmo espaço. "Temos que desmistificar este ambiente de trabalho aprisionante, com trabalhadores disciplinados e rígidos, incentivando a comunicação e respiração dentro da fábrica", disse o Diretor Hao Dong.

© Xia Zhi and Yang Chaoying
© Xia Zhi and Yang Chaoying

Uma marca de lingerie: sobre sedução na arquitetura

Como a Aimer queria utilizar o edifício para realização de eventos, conferências da indústria e showroom, Crossboundaries se valeu desta visão da empresa para projetar os interiores do edifício, além do paisagismo e identidade visual para uma imagem consistente que refletisse a essência de seus produtos, as lingeries.

© Xia Zhi and Yang Chaoying
© Xia Zhi and Yang Chaoying

Embora a natureza industrial das instalações estão revestidas com alumínio galvanizado nos exteriores e concreto nos interiores, os painéis de alumínio foram projetados com elementos verticais e os de concreto pré-fabricados para conformar um cubo planificado e com taticidade. A fachada externa transita do alumínio para a combinação de vidro com alumínio, acomodando diferentes níveis de intensidade de luz necessários em áreas onde o foco está nos produtos, bem como onde o foco está nas pessoas. O efeito visual da fachada portanto reflete a natureza da lingerie: cobertura e transparência.

© Xia Zhi and Yang Chaoying
© Xia Zhi and Yang Chaoying

A escadaria no hall circunda um plano de finas colunas brancas dispostas em várias inclinações, colunas estas que compõe um pano de fundo para a loja e o museu. Também se duplica como uma passarela para modelos que revelam a nova coleção de lingerie, surgindo por de trás deste plano das colunas para o público no grande hall. Esta sensação de exploração e mistério é frequentemente refletido na iluminação, passarelas e vazios curvilíneos e padronagens quadrilaterais, inspirados em detalhes das rendas presentes nos produtos.

Diagrama 4
Diagrama 4

Futuro

Enquanto o Distrito de Shunyi presencia um número crescente de arquitetura industrial e diversos outlets, a estética contemporânea da Fábrica Aimer e a alocação de suas funções foram projetadas com o futuro em mente: a possibilidade de utilizar a arquitetura para outros propósitos e destacando a empresa como marca líder nacional pronta para competir internacionalmente.

© Xia Zhi and Yang Chaoying
© Xia Zhi and Yang Chaoying

Ver a galeria completa

Localização aproximada, pode indicar cidade/país e não necessariamente o endereço exato. Cita: "Fábrica Aimer Fashion / Crossboundaries Architects" [Aimer Fashion Factory / Crossboundaries Architects] 20 Jul 2015. ArchDaily Brasil. (Trad. Santiago Pedrotti, Gabriel) Acessado . <https://www.archdaily.com.br/br/770346/fabrica-fashion-aimer-crossboundaries-architects> ISSN 0719-8906