O site de arquitetura mais visitado do mundo
i

Inscreva-se agora e organize a sua biblioteca de projetos e artigos de arquitetura do seu jeito!

Inscreva-se agora para salvar e organizar seus projetos de arquitetura

i

Encontre os melhores produtos para o seu projeto em nosso Catálogo de Produtos

Encontre os produtos mais inspiradores do nosso Catálogo de Produtos

i

Instale o ArchDaily Chrome Extension e inspire-se a cada nova aba que abrir no seu navegador. Instale aqui »

i

En todo el mundo, arquitectos están encontrando maneras geniales para reutilizar edificios antiguos. Haz clic aquí para ver las mejores remodelaciones.

Quer ver os melhores projetos de remodelação? Clique aqui.

i

Mergulhe em edifícios inspiradores com nossa seleção de 360 ​​vídeos. Clique aqui.

Veja nossos vídeos imersivos e inspiradores de 360. Clique aqui.

Tudo
Projetos
Produtos
Eventos
Concursos
Navegue entre os artigos utilizando o teclado
  1. ArchDaily
  2. Projetos
  3. Pavilhão FNO / Estudio MMX

Pavilhão FNO / Estudio MMX

Pavilhão FNO / Estudio MMX
Pavilhão FNO / Estudio MMX, © Yoshihiro Koitani
© Yoshihiro Koitani

 

Como evento global de moda, a FNO convocou diversos artistas a participarem com suas obras em uma festa beneficente. Objetos de consumo, modificados pelos artistas, seriam leiloados, sem fins lucrativos, para apoiar diversas fundações. O objeto assinado pelo Estudio MMX foi, talvez, a ferramenta de consumo por excelência, e o lugar, o espaço mínimo da festa.

© Yoshihiro Koitani

Como escritório de arquitetura, a ideia do Estudio MMX foi distanciar-se da ideia do projeto de objeto, e envolver-se com a alteração do espaço. A interpretação dos atributos e os limites do espaço e os fluxos, que natural e erradamente, são gerados na galeria, definiu o campo sobre o qual as funções e a matéria da “peça” começaram a surgir.

© Yoshihiro Koitani

Estar dentro do volume, ao invés de defini-lo, é, talvez, um exercício profundo e pouco comum de arquitetura. A invasão programada do espaço filtraria e subdividiria o espaço para redirigir os fluxos e os olhares, distorcendo o acesso que hoje é exageradamente direto. Nesse caso, explorar, avaliar e interpretar os limites para redefini-los através das habituais operações do lugar, escala, fluxo. Caráter e corredores foram uma boa experiência na qual os atributos do objeto e do espaço diluem-se para se retroalimentarem.

© Yoshihiro Koitani

A moda, em seus melhores momentos, remete à experiência, a irreverencia, aso limites transgredidos, as tendências, a tradição e a manufatura, e em muitos caos, o denominador comum são as telas, os tecidos, os padrões, e as texturas. Em uma leitura direta e simples destes elementos e virtudes, o escritório decidiu tomar o único recurso material- ilimitado cartões do patrocinador – como o componente básico de um sistema de conexão que, como os tecidos, devia ser simples, repetitivo, flexível, adaptável, e acima de tudo, possível de ser fabricado sem a necessidade de máquinas de controle numérico e supervisão qualificada.

© Yoshihiro Koitani

Mais de dezesseis mil cartões, com atributos tridimensionais, resultado de processos mecânicos convencionais, foram organizados em uma lógica simples. O tecido resultante, suspenso no espaço, fundiu de forma efêmera a arte, moda e o consumo, com um gesto que discute espaço, função e matéria.

© Yoshihiro Koitani

 

Ficha técnica:

Equipe:

  1. Arquitetos: Estudio MMX (Jorge Arvizu, Ignacio Del Rio, Emmanuel Ramirez, Diego Ricalde)
  1. Cliente: Vogue México
  2. Montagem: Salvador Miravete
  3. Materiais: cartões de plástico impressas e arame de aço

Cita: Marina de Holanda. "Pavilhão FNO / Estudio MMX" 16 Jul 2012. ArchDaily Brasil. Acessado . <https://www.archdaily.com.br/59521/pavilhao-fno-estudio-mmx> ISSN 0719-8906