O site de arquitetura mais visitado do mundo
i

Inscreva-se agora e organize a sua biblioteca de projetos e artigos de arquitetura do seu jeito!

Inscreva-se agora para salvar e organizar seus projetos de arquitetura

i

Encontre os melhores produtos para o seu projeto em nosso Catálogo de Produtos

Encontre os produtos mais inspiradores do nosso Catálogo de Produtos

i

Instale o ArchDaily Chrome Extension e inspire-se a cada nova aba que abrir no seu navegador. Instale aqui »

i

En todo el mundo, arquitectos están encontrando maneras geniales para reutilizar edificios antiguos. Haz clic aquí para ver las mejores remodelaciones.

Quer ver os melhores projetos de remodelação? Clique aqui.

i

Mergulhe em edifícios inspiradores com nossa seleção de 360 ​​vídeos. Clique aqui.

Veja nossos vídeos imersivos e inspiradores de 360. Clique aqui.

Tudo
Projetos
Produtos
Eventos
Concursos
Navegue entre os artigos utilizando o teclado
  1. ArchDaily
  2. Notícias
  3. Pedro Campos Costa e Trienal de Lisboa na 14ª Bienal de Arquitetura de Veneza

Pedro Campos Costa e Trienal de Lisboa na 14ª Bienal de Arquitetura de Veneza

Pedro Campos Costa e Trienal de Lisboa na 14ª Bienal de Arquitetura de Veneza
Pedro Campos Costa e Trienal de Lisboa na 14ª Bienal de Arquitetura de Veneza, Courtesy of Trienal de Arquitetura de Lisboa
Courtesy of Trienal de Arquitetura de Lisboa

A Direção-Geral das Artes anunciou o arquiteto Pedro Campos Costa como o curador da representação portuguesa na 14ª Exposição Internacional de Arquitetura, Bienal de Veneza em 2014.

A curadoria será de Pedro Campos Costa, que trabalhará o tema com a associação Trienal de Arquitectura de Lisboa que  terá igualmente um forte envolvimento ao ser convidada para apoiar e acompanhar o desenvolvimento do projeto curatorial e assumir a produção desta representação. "Espera-se que esta oportunidade seja utilizada para a reivindicação de novos campos de ação e de intervenção efetiva para os arquitetos face ao bloqueio presente em que o exercício da arquitetura se encontra", disse Samuel Rego, diretor da Direção-Geral das Artes.

O projeto intitula-se "Homeland | Less Housing more Home" e será centrado no tema da habitação um projeto no qual será abordado o tema da habitação enquanto elemento essencial e primário da construção urbana e territorial, reflexo social e cultural de quem a habita.

Segundo o arquiteto Pedro Campos Costa "o desafio da participação portuguesa na Bienal de Arquitetura de Veneza em 2014 será apresentar uma reflexão que envolva um reconhecimento alargado ao país e em duas dimensões distintas: um mapeamento da diversidade tipológica habitacional no território português e uma reflexão crítica mas também prospetiva sobre seis temáticas tipológicas - temporária, informal, unifamiliar, coletiva, rural e reabilitação."

As duas dimensões serão constituídas por:

1. A inventariação das tipologias de habitação, realizada com o contributo das instituições académicas e centros de investigação nacionais, através de um "open call" para selecionar 12 arquitetos, que irão participar na realização deste inquérito com base no qual se pretende constituir o fundamento da reflexão sobre a modernidade, as transformações e influências sobre as tipologias habitacionais do presente em Portugal;

2. A reflexão crítica e propositiva, a ser realizada em conjunto com um grupo de arquitetos, selecionados pelo comissário tendo em conta a aferição do contributo dos profissionais, ou coletivos, no ativo, sobre as temáticas a abordar.

O curador Pedro Campos Costa,afirmou que deseja que esta oportunidade seja utilizada para a reivindicação de novos campos de ação e de intervenção efetiva para os arquitetos face ao bloqueio presente em que o exercício da arquitetura se encontra.

Já o presidente da Trienal de Arquitetura, José Mateus, considera que ao lançar o tema Fundamentals | Absorbing the Modernity: 1914-2014, o seu curador Rem Koolhaas  reforça o enfoque desta edição da Bienal de Veneza na arquitetura e não tanto nos arquitetos ou seja no que é essencial da sua prática, desafiando os participantes a refletirem e identificarem particularidades da absorção da modernidade em cada país.

Segundo o Diretor-Geral das Artes, Samuel Rego, "a representação nacional nesta edição da Bienal de Veneza será seguramente o palco ideal para a projeção internacional da arquitetura que se produz a partir de Portugal. É nossa obrigação assegurar que o debate interno em redor da arquitetura e da sua praxis tenha eco nos circuitos internacionais. Temos assim a garantia que a já reconhecida arquitetura portuguesa participa igualmente de modo ativo nos grandes temas que a esta disciplina dizem respeito."

O conceito foi apresentado essa semana durante uma conferência de imprensa realizada na Biblioteca Nacional, onde a Direção Geral das Artes tem também a sua sede, em Lisboa, pelo diretor-geral, Samuel Rego, o curador Pedro Campos Costa e o presidente da Trienal de Arquitetura de Lisboa, José Mateus.

A Bienal de Veneza, acontecerá de 7 de junho a 23 de novembro de 2014.

Sobre este autor
Joanna Helm
Autor
Cita: Joanna Helm. "Pedro Campos Costa e Trienal de Lisboa na 14ª Bienal de Arquitetura de Veneza" 14 Abr 2014. ArchDaily Brasil. Acessado . <https://www.archdaily.com.br/158208/pedro-campos-costa-e-trienal-de-lisboa-na-14a-bienal-de-arquitetura-de-veneza> ISSN 0719-8906