O site de arquitetura mais visitado do mundo
i

Inscreva-se agora e organize a sua biblioteca de projetos e artigos de arquitetura do seu jeito!

Inscreva-se agora para salvar e organizar seus projetos de arquitetura

i

Encontre os melhores produtos para o seu projeto em nosso Catálogo de Produtos

Encontre os produtos mais inspiradores do nosso Catálogo de Produtos

i

Instale o ArchDaily Chrome Extension e inspire-se a cada nova aba que abrir no seu navegador. Instale aqui »

i

En todo el mundo, arquitectos están encontrando maneras geniales para reutilizar edificios antiguos. Haz clic aquí para ver las mejores remodelaciones.

Quer ver os melhores projetos de remodelação? Clique aqui.

i

Mergulhe em edifícios inspiradores com nossa seleção de 360 ​​vídeos. Clique aqui.

Veja nossos vídeos imersivos e inspiradores de 360. Clique aqui.

Tudo
Projetos
Produtos
Eventos
Concursos
Navegue entre os artigos utilizando o teclado
  1. ArchDaily
  2. Notícias
  3. Sete deslizes arquitetônicos ao redor do mundo

Sete deslizes arquitetônicos ao redor do mundo

Sete deslizes arquitetônicos ao redor do mundo
Sete deslizes arquitetônicos ao redor do mundo, Edificio “Walkie Talkie” / Rafael Viñoly Architects. Image © Leon Neal/AFP/Getty Images
Edificio “Walkie Talkie” / Rafael Viñoly Architects. Image © Leon Neal/AFP/Getty Images

Com a recente notícia de que o edifício "Walkie Talkie" em Londres, do escritório Rafael Viñoly Architects, tem refletido os raios solares de forma incomum, a ponto de receber o apelido de "Raio da Morte", organizamos uma lista de sete "deslizes" arquitetônicos ao redor do mundo, de casos preocupantes a situações absurdas.

Vdara Hotel (Las Vegas) / Rafael Viñoly Architects

Foi noticiado em 2010 que este arranha-céu também podia derreter coisas. Hóspedes do hotel disseram ter sido feridos e copos plásticos chegavam a derreter em certos momentos do dia. De acordo com o Las Vegas Review-Journal, "os empregados chamavam o fenômeno de 'raio da morte Vdara'".

Vdara Hotel / Rafael Viñoly Architects'. Imagem
Vdara Hotel / Rafael Viñoly Architects'. Imagem

Bridgewater Place (Leeds, Reino Unido) / Aedas

Edifício mais alto de Leeds, esta torre "causou uma morte" e "sérios ferimentos" devido a um forte corredor de vento que se forma em sua base. BDOnline comenta que, com um total de 25 incidentes, o conselho municipal de Leeds está trabalhando em uma solução.

Bridgewater Place / Aedas. Imagem
Bridgewater Place / Aedas. Imagem

Museum Tower (Dallas) / Scott Johnson

Seguindo a linha do "Walkie Talkie" e do Vdara Hotel, este arranha-céu também queima coisas. Tendo sido descrito no Huffington Post como uma "lupa" o edifício está e uma espécie de disputa com o Nasher Sculpture Centre, de Renzo Piano, localizado nas proximidades, que vem sendo atingido por raios refletidos da torre.

Museum Tower / Scott Johnson. Imagem
Museum Tower / Scott Johnson. Imagem

Taipei 101 (Taiwan) / CY Lee

Esta torre, classificada como o edifício verde mais alto do mundo, pesa cerca de 700 mil toneladas. Conhecida por suas "tecnologias contra terremotos e furacões", o irônico é que alguns geólogos acreditam que este edifício, na realidade, reabriu uma falha geológica na bacia de Taipei.

Taipei 101 / CY Lee
Taipei 101 / CY Lee

Beetham Tower (Manchester) / Ian Simpson Architects

Com 46 pavimentos, este arranha-céu era o edifício residencial mais alto da Europa, quando foi inaugurado em 2006. A fina lâmina localizada no topo da torre provoca um apito ou zumbido perceptível quando o vento sopra. Ian Simpson, que mora na torre, está trabalhando em uma solução.

Beetham Tower / Ian Simpson Architects. Image © Arian Lehner
Beetham Tower / Ian Simpson Architects. Image © Arian Lehner

Intempo Hotel (Benidorm) / Roberto Perez Guerras

Quando foi sugerido que este hotel em Benidorm fosse projetado sem elevadores que levassem ao topo, parecia ser o maior erro de todos os tempos. Os construtores decidiram aumentar a altura do edifício em mais que o dobro e, na pressa em concluir a obra, não se pensou no espaço para os grandes elevadores e seus motores. Os arquitetos tem refeito o projeto desde então, mas ainda é incerto como solucionarão a questão.

Intempo Hotel / Roberto Perez Guerras. Cortesia de Gizmodo
Intempo Hotel / Roberto Perez Guerras. Cortesia de Gizmodo

Rhugyong Hotel (Coréia do Norte) / Baikdoosan Architects & Engineers

Esta torre detém o recorde mundial de "edifício desocupado mais alto do mundo". Devido a uma infindável série de problemas, incluindo o fornecimento de energia elétrica e água, a torre, que deveria ter sido inaugurada em 1992, ainda está em construção.

Rhugyong Hotel / Baikdoosan Architects & Engineers. Image © Joseph Ferris
Rhugyong Hotel / Baikdoosan Architects & Engineers. Image © Joseph Ferris

Referências: BDOnline, Las Vegas Review-Journal, Huffington Post, The Guardian, Architects' Journal

Sobre este autor
James Taylor-Foster
Autor
Cita: Taylor-Foster, James. "Sete deslizes arquitetônicos ao redor do mundo" [Seven Architectural Sins Committed Around the World] 21 Out 2013. ArchDaily Brasil. (Trad. Baratto, Romullo) Acessado . <https://www.archdaily.com.br/147396/sete-deslizes-arquitetonicos-ao-redor-do-mundo> ISSN 0719-8906