Conselho Municipal do Patrimônio diz ser contra condomínios fechados em São Paulo

Conselho Municipal do Patrimônio diz ser contra condomínios fechados em São Paulo

A arquiteta Nádia Somekh, nova diretora do Departamento do Patrimônio Histórico e nova presidente do Conpresp (Conselho Municipal do Patrimônio), declara que os chamados "condomínios-clubes" e os "condomínios-bairros" terão dificuldades para serem aprovados em São Paulo.

Nádia Somekh, que é professora do Mackenzie, classifica este tipo de empreendimento como uma operação que não oferece qualidade urbana, criando cidades que ela chama de "anticidade". A arquiteta diz que a gestão de Haddad apoiará apenas projetos que apresentarem benefícios à sociedade como a valorização dos espaços públicos e do patrimônio histórico.

Entende que é preciso reverter o quadro da situação atual, afirmando que o direito de construir deverá financiar em parte ações que voltadas para os espaços públicos, moradias populares e recuperação do patrimônio da cidade.

A intenção de diminuir ou represar a construção destes condomínios fechados acontecerá não só por parte do Congresp mas também pelo Condephaat (Conselho Estadual do Patrimônio), que agora é dirigido por Anna Lúcia Duarte Lanna, arquiteta da USP.

Lanna explica que há a necessidade de cada vez mais se tratar das questões do patrimônio, pois não é só a sociedade envelhece com sua memória, mas também a infraestrutura urbana se desgasta.

Via Folha de S.Paulo.

Sobre este autor
Cita: Fernanda Britto. "Conselho Municipal do Patrimônio diz ser contra condomínios fechados em São Paulo" 05 Mar 2013. ArchDaily Brasil. Acessado . <https://www.archdaily.com.br/br/01-100832/conselho-municipal-do-patrimonio-diz-ser-contra-condominios-fechados-em-sao-paulo> ISSN 0719-8906

¡Você seguiu sua primeira conta!

Você sabia?

Agora você receberá atualizações das contas que você segue! Siga seus autores, escritórios, usuários favoritos e personalize seu stream.