1. ArchDaily
  2. Unam

Unam: O mais recente de arquitetura e notícia

Universidade Nacional Autônoma do México disponibiliza gratuitamente série de publicações online

Como parte de um esforço da Faculdade de Arquitetura da Universidade Nacional Autônoma do México (UNAM), a Livraria Carlos Obregón Santacilia disponibiliza gratuitamente algumas de suas publicações em formato digital. Esses textos abrangem publicações sobre temas como métodos de pesquisa, análise de processos administrativos relacionados ao campo da arquitetura, publicações teóricas, história da arquitetura em diferentes períodos e contextos, sistemas estruturais, eficiência energética, planejamento urbano, paisagem, patrimônio e reconstrução.

Dinamismo e contraste: o campus da UNAM pelas lentes de Yueqi “Jazzy” Li

© Yueqi "Jazzy" Li
© Yueqi "Jazzy" Li

Ainda que o Campus da Universidade Nacional Autônoma do México (UNAM), localizado na região centro-sul da Cidade do México, seja tão enigmático quanto os famosos murais de O’Gorman, sua própria arquitetura é aquilo que nos deixa mais intrigados quando visitamos este lugar. Caminhando pela UNAM, nos deparamos com uma exposição arquitetônica de edifícios modernistas, em sua grande maioria construídos durante os anos 70, juntamente com uma série de pátios abertos, passagens secretas e alguns pavilhões. Excepcionalmente, a arquitetura do campus têm um pouco de tudo: geometria arrojada, abertura, abstração, humanidade, permeabilidade, alvenarias ruindo e rochas vulcânicas espalhadas por toda parte.

© Yueqi "Jazzy" Li © Yueqi "Jazzy" Li © Yueqi "Jazzy" Li © Yueqi "Jazzy" Li + 29

As conchas de concreto de Félix Candela através de fotografias, maquetes e desenhos

Cortesia de Alexander Eisenschmidt
Cortesia de Alexander Eisenschmidt

O arquiteto espanhol e mexicano Félix Candela é amplamente reconhecido como uma das figuras mais importantes da arquitetura do século XX. Seus experimentos inovadores com concreto armado produziram edifícios icônicos de "estruturas em conchas", como o Pavilhão dos Raios Cósmicos na UNAM, Cidade do México (1951); a Capela Lomas de Cuernavaca, Cuernavaca (1958); Restaurante Los Manantiales, Xochimilco (1958); e o Palácio dos Desportos para os Jogos Olímpicos de 1968 na Cidade do México.

Cortesia de Alexander Eisenschmidt Cortesia de Alexander Eisenschmidt Cortesia de Alexander Eisenschmidt Cortesia de Alexander Eisenschmidt + 18

Diamante feito com as cinzas de Barragán chega ao México

No ano passado, uma notícia comoveu o mundo da arquitetura: as cinzas do arquiteto mexicano Luis Barragán foram transformadas em um diamante, posteriormente oferecido à Federica Zanco, diretora da Barragan Foundation, entidade localizada na Basileia, Suíça, responsável por manter o arquivo da obra do único Pritzker mexicano.

Há boatos que há mais de vinte anos, Zanco recebeu como pedido de casamento de Rolf Fehlbaum, diretor da empresa Vitra, não um anel, mas o arquivo de Barragán. Desde então, o acesso ao arquivo é negado a arquitetos, estudantes, historiadores e museólogos. E embora Zanco explique que o acesso é restringido pois o arquivo está sendo organizado para a realização de um catálogo, passaram-se mais de duas décadas e tal compêndio ainda não foi apresentando, fazendo com que muitos duvidem da explicação da diretora. 

Além dos Mestres Modernistas: Arquitetura Contemporânea na América Latina / Felipe Hernández