1. ArchDaily
  2. Redbaal

Redbaal: O mais recente de arquitetura e notícia

Estes são os 20 finalistas do Prêmio Oscar Niemeyer 2018 para a arquitetura latino-americana

O júri do Prêmio Oscar Niemeyer apresentou as 20 obras finalistas da segunda edição do prêmio. Os organizadores procuram destacar bienalmente o melhor da produção arquitetônica "em momentos de inegável empoderamento e presença da arquitetura latino-americana no contexto internacional".

Emergindo da Rede Bienal de Arquitetura da América Latina (REDBAAL), a iniciativa premia uma obra construída por "seus valores como proposta arquitetônica e tecnológica, sua relação com o contexto, com aspectos sociais, culturais e ambientais". Na edição inaugural do Prêmio Oscar Niemeyer de 2016, o primeiro lugar foi o O lugar para a memória, projetado por Barclay & Crousse (Peru); seguido pela Biblioteca Brasiliana da USP, projetado por Eduardo de Almeida + Mindlin Loeb + Dotto Arquitetos (Brasil) e o terceiro lugar pela Capela San Bernardo, projetado por Nicolás Campodónico (Argentina).

"Devemos reconhecer o valor do local e enriquecê-lo com o global, apropriando-nos de tudo que nos enriquece como povos e sociedades." A arquitetura protege e comunica, é uma realização pública, do qual não podemos abstrair, a cidade também é composta de realizações arquitetônicas, com os quais a arquitetura deve pensar para e da cidade", explica a organização do prêmio no comunicado oficial.

O júri formado pelos arquitetos Carla Juaçaba, Carlos Jiménez, Fabián Farfán, Jean Pierre Crousse e César Shundi avaliou todos os projetos e determinou os vinte selecionados:

Estes são os 20 finalistas do Prêmio 'Oscar Niemeyer' para a arquitetura latino-americana 2016

O Prêmio “Oscar Niemeyer” para a Arquitetura Latino-americana surge como uma das iniciativas fundamentais da Red de Bienales de Arquitectura de América Latina -REDBAAL-, para reconhecer o melhor da produção arquitetônica, em momentos de um indiscutível valorização e presença da arquitetura latino-americana no contexto internacional.

O prêmio é batizado com o nome de um arquiteto icônico para a América Latina: Oscar Niemeyer, cuja obra tem sido valorizada e é reconhecida no Brasil, na América Latina e no mundo. O prêmio conta com o aval da Fundação Oscar Niemeyer, com quem a REDBAAL assinou o correspondente convênio de cooperação interinstitucional em 14 de Novembro de 2014.