Tudo
Projetos
Produtos
Eventos
Concursos
  1. ArchDaily
  2. Pierre Chareau

Pierre Chareau: O mais recente de arquitetura e notícia

Dez coisas que você não sabia sobre o mestre modernista Pierre Chareau

Conhecido por sua colaboração na lendária Maison de Verre, o arquiteto e designer de interiores francês Pierre Chareau é um célebre artista citado por Richard Rogers e Jean Nouvel como uma grande influência em suas obras.

Concluída em 1932, Maison de Verre - ou "Casa de Vidro" - se tornou um grande exemplo da arquitetura moderna, apesar do fato de poucas pessoas realmente terem visto este tesouro escondido, localizado na Rive Gauche de Paris.

Embora seu trabalho esteja atualmente em alta cota, Chareau teve uma carreira tumultuada, com grandes variações entre sucessos e fracassos.

Com base em um artigo de destaque Cultive Magazine sobre o designer, compilamos uma lista de fatos sobre a vida e obra de Chareau que mostram a montanha-russa que foi seu percurso.

Leia, a seguir, as 10 coisas que você não sabia sobre Pierre Chareau.

Projeto residencial do BIG em Toronto cria uma topografia construída para explorar vistas da cidade

Após ter sido aprovado pelos órgãos competentes da cidade de Toronto em setembro do ano passado, o KING Toronto está cada dia mais perto de se tornar realidade. Projetado pelo BIG, em colaboração com a Allied e Westbank, o KING Toronto explora a capacidade da arquitetura em criar comunidades e dar respostas os desafios sociais mais urgentes no contexto canadense. Implantado no bairro de King Street West, em Toronto, o projeto é uma resposta formal ao seu contexto espacial específico.

Cortesia de King Toronto / BIG Cortesia de King Toronto / BIG Cortesia de King Toronto / BIG Cortesia de King Toronto / BIG + 11

Pierre Chareau, o misterioso arquiteto por trás da the Maison de Verre

Este artigo foi originalmente publicado na Metropolis Magazine como"New Retrospective Glimpses the Man Behind the Maison de Verre."

Pierre Chareau foi um arquiteto cuja maior parte dos edifícios foi demolida; um designer de interiores cujos projetos foram todos remodelados; e um cenógrafo cujos filmes você não pode ver. Estas nem são as circunstâncias mais auspiciosas para remontar uma retrospectiva, mas uma exposição ainda em curso no Museu Judaico, projetado por Diller Scofidio + Renfro (DS+R), tenta fazer isso.

Chareau, mais conhecido por seu único edifício ainda de pé, a Maison de Verre em Paris, desafia qualquer classificação ordenada. Sem nenhum tipo de formação arquitetônica, trabalhou brevemente como designer de móveis para uma empresa britânica para então seguir sozinho, criando um corpo idiossincrático de mobiliários, projeto de interiores para o cinema e a vida real e uma série de casas.

A varanda do segundo andar que Pierre Chareau projetou para Robert Motherwell em East Hampton, New York, 1947. Imagem Cortessia de Miguel Saco Furniture and Restoration, Inc., Nova York Mesa e Estante (MB960), c. 1930, projetados por Pierre Chareau, nogueira e ferro cru patinado preto, Imagem © Ken Collins, imagem cedida por Gallery Vallois America, LLC Vista da instalação da exposição de Pierre Chareau: Modern Architecture and Design. Projeto executado por Diller Scofidio + Renfro. Imagem Cortesia de Will Ragozzino/SocialShutterbug.com Pierre Chareau, Escritório, 1924, impressão pochoir; 8 13/16 x 10 x 7/16 in. Coleção Privada. Imagem © John Blazejewski, Biblioteca de Marquand, Universidade de Princeton + 11