1. ArchDaily
  2. I.M. Pei

I.M. Pei: O mais recente de arquitetura e notícia

As curiosas histórias por trás de 10 icônicos arranha-céus

Enquanto houver edifícios, a humanidade continuará a procura por construir o seu caminho para o céu. De pirâmides de pedra aos arranha-céus de aço, sucessivas gerações de arquitetos criaram maneiras cada vez mais inovadoras de aumentar os limites verticais da arquitetura. Seja em pedra ou aço, cada tentativa de atingir alturas sem precedentes representou um vasto empreendimento em termos de materiais e trabalho - e quanto mais complexo o projeto, maior a chance das coisas darem errado.

Ryugyong Hotel. Image © José Tomás FrancoRobot Building. Image © José Tomás FrancoCCTV Headquarters. Image © José Tomás FrancoCayan Tower. Image © José Tomás Franco+ 21

Pirâmide do Louvre de I.M.Pei vence o "AIA 25 Year Award"

O American Institute of Architects (AIA) selecionou o Grand Louvre - Fase I como vencedor do AIA Twenty-five Year Award 2017. Projetado por I.M. Pei e seu escritório Pei Cobb Freed & Partners, o projeto é notável por sua pirâmide de vidro de 21 metros de altura que, segundo o AIA, "agora compete com a Torre Eiffel como um dos ícones arquitetônicos mais famosos da França."

O prêmio é concedido anualmente a um projeto que "resistiu ao teste do tempo, incorporando a excelência arquitetônica ao longo de mais de 25 anos".

© Benoit Perrin. Courtesy of AIA© Koji Horiuchi. Courtesy of AIA© Koji Horiuchi. Courtesy of AIA© Pei Cobb Freed & Partners. Courtesy of AIA+ 5

Os estranhos hábitos de arquitetos renomados

Os arquitetos famosos são fáceis de admirar ou repudiar quando vistos de longe, mas de perto, hábitos estranhamente humanos muitas vezes vêm à tona. Embora todos nós tenhamos nossas peculiaridades, estes hábitos, vindos de profissionais mundialmente reconhecidos, desvelam seu lado humano que, muitas vezes, não dão nenhum indício de como eles se tornaram figuras tão notáveis no campo da arquitetura. Os seguintes hábitos de vários arquitetos renomados revelam partes do seu processo criativo, momentos de relaxamento ou, simplesmente, partes de sua identidade. Alguns são inspiradores outros surpreendentes, mas todos dão uma pequena visão sobre as qualidades mentais necessárias para se atingir o topo da profissão de arquiteto -  desde um trabalho excepcional até uma pitada de excentricidade (e algumas qualidades ainda mais interessantes) .

Como o pintor Ben Johnson torna a representação arquitetônica tão real?

Ben Johnson é um pintor preocupado com o realismo - especialmente quando trata-se da representação bidimensional do espaço arquitetônico. O artista britânico trabalha em Londres desde a década de 1960. Neste tempo, sua extensa obra abordou paisagens urbanas, estampas e representações de ambientes desenhados por Norman Foster, John Pawson, IM Pei, David Chipperfield.

'Room of the Niobids II' (2011, acrylic on canvas, 71 x 99in / 180 x 252cm): depiction of the Neues Museum (Berlin) by David Chipperfield Architects & Julian Harrap. Image © Ben Johnson'Fatherland Room' (2014, acrylic on canvas, 71 x 93in / 180 x 237cm): depiction of the Neues Museum (Berlin) by David Chipperfield Architects & Julian Harrap. Image © Ben Johnson'Roman Room' (2014, acrylic on canvas, 71 x 93in / 180 x 237cm): depiction of the Neues Museum (Berlin) by David Chipperfield Architects & Julian Harrap. Image © Ben Johnson'Room of the Niobids' (2011, acrylic on canvas, 71 x 99in / 180 x 252cm): depiction of the Neues Museum (Berlin) by David Chipperfield Architects & Julian Harrap. Image © Ben Johnson+ 19

I. M. Pei recebe prêmio da União Internacional dos Arquitetos pelo conjunto da obra

A União Internacional dos Arquitetos (UIA) anunciou que premiará com a Medalha de Ouro pelo conjunto da obra o arquiteto Ieoh Ming Pei, laureado com o Prêmio Pritzker em 1983.

Ao conceber seu mais prestigioso prêmio a I.M. Pei, cuja "vida e obra abrange a história da arquitetura moderna em cinco continentes e há mais de sessenta anos", a UIA reconhece "seu estilo único, seu rigor atemporal e sua conexão espiritual com a história, tempo e espaço."

Pei receberá a Medalha de Ouro UIA na cerimônia do Congresso Mundial de Arquitetura UIA em Durban, África do SUl, no dia 6 de agosto deste ano.

© Pei Cobb Freed & Partners© Flickr: username- Andy961© Anonymous Blogger© Daniel Cooper - http://www.flickr.com/photos/doitintheroad/+ 5

Feliz aniversário I.M. Pei!

"Eu acredito que a arquitetura é uma arte pragmática. Para se tornar arte deve ser construída baseada na necessidade".

Ieoh Ming em chinês significa "to inscribe brightly", um nome que se revelou profético para este brilhante arquiteto que está cumprindo 96 anos. Ao longo de sua carreira, ele já construiu mais de 50 projetos em todo o mundo, caracterizado por linhas geométricas e eficiência funcional única - Influência de Walter Gropius - e, sobretudo, o uso de soluções estruturais marcantes, como Bank of China Tower (1989) ou o H. Morton Meyerson Symphony Center (1989).

Oriundo de uma cultura milenar, o valor da história desempenha um papel importante em algumas de suas obras, como o Museu do Louvre de Paris. Hoje lembramos a história deste famoso arquiteto que recebeu a Medalha de Ouro do AIA em 1979 e o Pritzker em 1983.

Centro Nacional de Investigación Atmosférica (NCAR) (1967) / Estados Unidos. Image © Daderot [Wikipedia], bajo licencia CC BY-SA 3.0Museo Everson (1968) / Estados Unidos. Image © Jesse GanesBiblioteca John F. Kennedy (1979) / Estados Unidos. Image © MickStephenson [Wikipedia], bajo licencia CC BY-SA 3.0Torre del Banco de China (1989) / Hong Kong. Image © WiNG [Wikipedia], bajo licencia CC BY-SA 3.0+ 8