1. ArchDaily
  2. Habitação De Interesse Social

Habitação De Interesse Social: O mais recente de arquitetura e notícia

Vigliecca & Associados vence concurso internacional para habitação social em Bogotá

O escritório Vigliecca & Associados foi eleito vencedor de um concurso internacional em Bogotá promovido pela Compensar, serviço social da Colômbia, junto a Universidade de Los Andes. Realizado em duas fases, o concurso contou com a participação de escritórios convidados da Espanha, Reino Unido, Portugal, Holanda e Bélgica, além da Colômbia, e visava selecionar a melhor proposta para um conjunto residencial de interesse social.

WRI Brasil lança publicação online gratuita sobre sustentabilidade em Habitação de Interesse Social

O WRI Brasil lançou uma publicação online gratuita com informações sobre os benefícios, custos e barreiras da adoção de medidas de sustentabilidade em empreendimentos habitacionais de interesse social. Produzida conjuntamente por Lara Caccia, Henrique Evers, Luana Betti e Camila Schlatter, a pesquisa examina ações e tecnologias simples e de baixo custo relacionadas a redução de consumo de água e energia elétrica nas edificações.

Barcelona aumentará a construção de habitação social para lutar contra a gentrificação

A cidade de Barcelona permanece firme em sua luta contra os processos especulativos e a gentrificação que atualmente estão aumentando a desigualdade de oportunidades que a população encontra para acessar uma moradia digna e economicamente viável.

Neste sentido, a Comissão de Ecologia, Urbanismo e Mobilidade da cidade de Barcelona aprovou inicialmente dois novos instrumentos urbanísticos para abordar o problema do acesso a moradia digna e proteger o equilíbrio social dos bairros, respondendo às demandas promovidas por entidades como a Federação das Associações de Moradores e Vizinhanças de Barcelona (FAVB), Plataforma de Atingidos pela Hipoteca (PAH), Observatório DESC, Assembleia de Bairros de Turismo Sustentável (ABTS) e Sindicato dos Inquilinos.

CIUDADES [en]VISIBLE: Conheça os vencedores e menções deste concurso que propõe habitação social para Lima

... não é apenas um convite ao projeto arquitetônico, mas também para refletir e questionar nosso compromisso profissional com o desenvolvimento dos locais mais vulneráveis e a criação de cidades mais inclusivas, seguras, resilientes e sustentáveis.

Uma forma de tornar as cidades visíveis é intervindo nos setores esquecidos ou periféricos da cidade, bem como respondendo às necessidades mais básicas, tornando-as visíveis e fazendo um chamado de urgência. Há alguns meses anunciamos a chamada para este concurso e hoje estamos surpresos com a variedade de respostas. Também é interessante ver como participantes de outros países vêem o Peru de fora e o que eles propõem à realidade. Uma grande contribuição, pois dessa forma ampliamos as possibilidades de intervir com múltiplas perspectivas na construção de projetos com/para a sociedade.

CIUDADES [en] VISIBLE é um concurso que convidou arquitetos, engenheiros, estudantes ou profissionais, a projetar de comum acordo com as famílias beneficiadas: a família Salazar, a família Acarraz, a família Teccse, a família Huamán, a família López. Cinco famílias, cinco casas. Habitação é em si uma necessidade básica, no qual este concurso é ao mesmo tempo um laboratório para a cidade em busca de outras soluções para a construção planejada de habitação em um país como o Peru, onde cerca de 70% das casas são auto-construídas. O lugar de intervenção é a Comunidade 3 de dezembro, localizada ao sul da cidade de Lima, no distrito de Lurin.

Paraísos sinistros: habitação de interesse social no México, por Jorge Taboada

"Alta Densidade" é um projeto realizado pelo arquiteto Jorge Taboada, o qual é composto por uma série de fotografias aéreas que procuram revelar as histórias de nossas cidades. Esta série em forma de documentário apresenta-se como uma espécie de "vestígio arqueológico" no qual "as pessoas são privadas de sua identidade, tornando-se invisíveis".

"A cidade como resultado de modelos matemáticos torna-se apenas uma textura quando vista desde cima. Uma testemunha construída com areia e cimento, uma repetição infinita, um surpreendente “paraíso sinistro” e geométrico.

Casa Arimon / García-Durán & Equipo

© Adrià Goula© Adrià Goula© Adrià Goula© Adrià Goula+ 17

  • Área Área deste projeto de arquitetura Área:  700
  • Ano Ano de conclusão deste projeto de arquitetura Ano:  2014
  • Fabricantes Marcas com produtos usados neste projeto de arquitetura
    Fabricantes: Cement Design, Crisell, SIMES

Arquitetos propõem 120 habitações sociais incrementais e flexíveis para Iquitos, Peru

Construir e crescer, duas ações que deveriam ser mais levadas em conta. É assim que o concurso de habitação social "Construye para Crecer 2017" 2017, com projeções para diferentes estágios de crescimento, procura estabelecer bases que sustentem um modo de vida flexível. O local era o bairro de Belém, localizado na cidade de Iquitos, em um terreno de 3,7 hectares. O projeto atual que obteve o primeiro lugar propôs localizar 120 casas progressivas como uma alternativa que permita aos usuários modificarem e expandirem suas residências de acordo com suas necessidades e possibilidades econômicas. Em suma, um modo de vida, tanto elementar como livre, através de um núcleo sólido formado por uma estrutura que apóia atividades diversas.

CODHAB-DF prorroga prazo de inscrições do concurso de projeto para Habitação de Interesse Social

A Companhia de Desenvolvimento Habitacional do Distrito Federal (CODHAB-DF) estendeu o prazo das inscrições para o Concurso Público Nacional de Projeto de Arquitetura para Habitação de Interesse Social. Os interessados poderão se inscrever até o dia 31 de julho.

O concurso está divido em três grupos: habitação unifamiliar econômica, casa sobreposta e habitação coletiva econômica. É o 10º concurso promovido pela Companhia que, com a iniciativa, pretende elevar a qualidade das construções no DF, incentivando a participação de profissionais das áreas de arquitetura, urbanismo e engenharia.

MUTUO: um projeto colaborativo para o sonho da moradia digna no Peru

MUTUO é uma plataforma online que reúne profissionais em arquitetura e pessoas que necessitam construir uma habitação, garantindo, assim, que esses projeto sejam realizados por pessoas capacitadas.

Cortesía de MUTUO
Cortesía de MUTUO

Detalhes construtivos das habitações incrementais do ELEMENTAL

Boa localização, crescimento harmônico no tempo, preocupação pelo desenho urbano e o fato de entregar uma estrutura que permita "semear o DNA de uma habitação de classe média", são os pontos chave do ABC da habitação incremental, desenvolvido pelos arquitetos chilenos do ELEMENTAL. Em suas palavras, trata-se de "assegurar um equilíbrio entre densidade e baixa altura -sem superlotação- com a possibilidade de expansão (da habitação social à casa de classe média)".

Seguindo essa linha de ação, o escritório liberou os desenhos técnicos de 4 dos projetos realizados sob esses princípios, para que sirvam como bons exemplos de projeto, já implementados e testados na realidade. No entanto, apesar de colocá-los à disposição para sua livre consulta e download, os arquitetos enfatizam que esses desenhos devem ser ajustados para cumprir com as normativas e os códigos de obra de cada realidade local, utilizando materiais construtivos pertinentes.

CODHAB promove concurso nacional de Habitação de Interesse Social

A CODHAB abriu as inscrições para o Concurso Público Nacional de Projeto de Arquitetura para Habitação de Interesse Social em três grupos: habitação unifamiliar econômica, casa sobreposta e habitação coletiva econômica. É o 11º concurso promovido pela CODHAB que, com a iniciativa, pretende elevar a qualidade das construções no Distrito Federal, incentivando a participação de profissionais das áreas de arquitetura, urbanismo e engenharia.

Nos projetos os candidatos também devem apresentar propostas mínimas para as instalações necessárias, como projetos elétricos, hidrossanitários, de telefonia e TV, e o orçamento sintético estimativo. O objetivo é que fique demonstrada a viabilidade financeira e técnica das habitações projetadas.

Projeto de LOHA reduz o déficit de habitações sociais em Los Angeles

Com as crescentes taxas de veteranos de guerra sem-teto, a demanda de Los Angeles por habitações sociais acessíveis está sendo abordada por Lorcan O'Herlihy Arquitetos, com o seu projeto MLK1101 de Habitações Sociais, que acaba de começar a ser construído.

Trabalhando em colaboração com a organização sem fins lucrativos Clifford Beers Housing, a intenção de LOHA é se concentrar na saúde e comunidade dentro de um ambiente confortável. Isto é conseguido através de uma série de estratégias, incluindo a exposição do edifício à rua e integrando-o no bairro para criar fortes laços comunitários.

Southwest View. Image Cortesia de Lorcan O'Herlihy ArchitectsPerspectiva Axonométrica. Image Cortesia de Lorcan O'Herlihy ArchitectsCortesia de Lorcan O'Herlihy ArchitectsCortesia de Lorcan O'Herlihy Architects+ 13

CAU/GO abre edital para projetos de habitação social

O CAU/GO lançoy mais um edital, desta vez em apoio a projetos para construção ou reforma de habitações de interesse social em Goiás. As inscrições vão até 15 de maio, e as propostas aprovadas devem ser desenvolvidas até 15 de dezembro. Podem se candidatar entidades sem fins lucrativos, que tenham em seu quadro um profissional de Arquitetura e Urbanismo, para coordenação do projeto e Registro de Responsabilidade Técnica.

Proposta vencedora de WE Architecture combina espaços verdes com habitação social em Aarhus

Um concurso para um novo complexo de habitação social em Aarhus, na Dinamarca, foi vencido por WE Architecture, em colaboração com o escritório local JWH Arkitekter e encomendado pela Ringgaarden, uma organização de habitação dinamarquesa.

Intitulado "Saltholmsgade", a proposta vencedora é uma reinterpretação das tipologias históricas de habitação de Aarhus ao longo de Hjortensgade, criando espaços comuns modernos e verdes. O complexo é composto por 38 apartamentos individuais, oferecendo vistas da cidade através da inclusão de jardins na cobertura.

Cortesia de WE ArchitectureCortesia de WE ArchitectureCortesia de WE ArchitectureCortesia de WE Architecture+ 14

Prêmio Curry Stone Design reconhece 7 escritórios que contribuíram com avanços em habitação social

via GIPHY

Em homenagem ao seu 10º aniversário, o Prêmio Curry Stone Design reconhecerá um grande grupo de escritórios de arquitetura socialmente conscientes e ativos com o título que a Fundação chamou de Círculo de Design Social.

Ao longo do ano, 100 escritórios, empresas, estúdios e firmas de arquitetura serão adicionados ao Círculo pelo seu trabalho de arquitetura sustentável, socialmente inclusivo e impactante, sob doze temas específicos. Cada mês, o trabalho dos escritórios selecionados será destacado individualmente no site do Prêmio, ganhando destaque também no novo podcast da Fundação de Curry Stone, Social Design Insights.

Os sete exemplos seguintes foram selecionados para o mês de fevereiro, em resposta ao tema "O direito à moradia é real?":

Combinando habitação social e turismo para resolver a crise habitacional em Havana

A maior das ilhas do Caribe, Cuba é um crisol cultural de mais de 11 milhões de pessoas, combinando nativos Taíno e Ciboney com descendentes de colonos espanhóis e escravos africanos. Desde a revolução de 1959 liderada por Fidel Castro, o país foi o único regime comunista estável no hemisfério ocidental, com estreitos laços com a União Soviética durante a Guerra Fria e relações hostis com seu vizinho vizinho, os Estados Unidos, que há pouco tempo deu início à retomada das relações internacionais entre os dois países. Enquanto a arquitetura na capital Havana reflete a história dinâmica e rica da área, após a revolução a cidade deixou de ser prioridade e o foco do governo passou para as áreas rurais, como consequência, os edifícios da capital foram deixados a ruína desde então. Iwo Borkowicz, um dos três vencedores do Prêmio de Arquitetura de Jovens Talentos de 2016, desenvolveu um plano que poderia trazer alguma vitalidade e, mais importante, alguma sustentabilidade, de volta ao núcleo histórico da cidade.

Section of Prototype 2. Image Courtesy of Iwo BorkowiczSection of Prototype 3. Image Courtesy of Iwo BorkowiczSection of Prototype 4. Image Courtesy of Iwo BorkowiczSection of Prototype 6. Image Courtesy of Iwo Borkowicz+ 63

White Arkitekter dilui os limites entre o artificial e o natural em projeto de habitação social na Dinamarca

O escritório White Arkitekter foi selecionado como vencedor de um concurso para projetar 115 casas unifamiliares como parte de um projeto de habitação social no município de Allerød, Dinamarca. Localizado ao norte da capital de Copenhagen, o novo bairro será envolvido por uma floresta e um lago, usando a natureza para complementar e destacar as edificações. O projeto, intitulado “By the Woods,” busca subverter os preconceitos típicos sobre habitação social ao diluir o limite entre espaço público e privado.

© White Arkitekter© White Arkitekter e Beauty and the Bit© White Arkitekter© White Arkitekter+ 7

Retrospectiva: 8 anos de projetos sociais e urbanos

Nos últimos oito anos o mundo vivenciou mudanças importantes -- catástrofes naturais, aquecimento global, guerras,doenças, crises econômicas e políticas, entre outras coisas -- que tiveram um impacto direto no modo como habitamos nosso planeta e, portanto, no modo como arquitetos e urbanistas lidam com projetos comunitários. 

A importância da arquitetura socialmente engajada foi destacada pela escolha de Alejandro Aravena ao Prêmio Pritzker deste ano, um arquiteto cuja obra carrega a ideia de um profissional ativo e comprometido com a luta por um ambiente urbano democrático. Esta ideia também é refletida pela missão do ArchDaily: "melhorar a qualidade de vida das 3 bilhões de pessoas que se mudarão para as cidades nos próximos 40 anos, proporcionando inspiração, conhecimento e ferramentas para os arquitetos que enfrentarão o desafio de projetar para elas."

Portanto, em celebração ao 8° aniversário do ArchDaily, nossa equipe de projeto selecionou 24 projetos exemplares, dividiros em 3 categorias. Cada um destes projetos, publicados ao longo dos últimos 8 anos, se dedica a atender as necessidades sociais, comunitárias e cívicas dos contextos onde estão inseridos.