Tudo
Projetos
Produtos
Eventos
Concursos

José Hevia

NAVEGUE POR TODOS OS PROJETOS DESTE FOTÓGRAFO

Como incorporar jardins e hortas em projetos residenciais

Os jardins internos podem contribuir com importantes benefícios para a vida doméstica, variando da beleza estética à melhoria da saúde e da produtividade. Pesquisas mostraram que plantas nos interiores das edificações ajudam a eliminar os poluentes do ar, os chamados de compostos orgânicos voláteis (COV), liberados de colas, móveis, roupas e solventes, conhecidos por causar doenças. Eles também aumentam as percepções subjetivas de concentração e satisfação, bem como medidas objetivas de produtividade. Jardins internos podem até reduzir o uso de energia e os custos devido à menor necessidade de circulação de ar. Esses benefícios complementam as óbvias vantagens estéticas de um jardim bem projetado, tornando o jardim interno um recurso residencial atraente em várias frentes.

Courtesy of TAA DESIGN © BK © Rafael Gamo Hydroponic gardening. Image © Needpix user naidokdin + 42

Roquet Café / NUA Arquitectures

© José Hevia © José Hevia © José Hevia © José Hevia + 24

Valls, Espanha
  • Arquitetos: NUA Arquitectures
  • Área Área deste projeto de arquitetura Área: 78.0
  • Ano Ano de conclusão deste projeto de arquitetura Ano: 2019

Duplex em Sant Gervasi / ARQUITECTURA-G

© José Hevia © José Hevia © José Hevia © José Hevia + 15

Barcelona, Espanha
  • Arquitetos: ARQUITECTURA-G
  • Área Área deste projeto de arquitetura Área: 150.0
  • Ano Ano de conclusão deste projeto de arquitetura Ano: 2019

Loja Acne Studios / Arquitectura-G

© José Hevia © José Hevia © José Hevia © José Hevia + 17

Nagoya, Japão
  • Arquitetos: Arquitectura-G
  • Área Área deste projeto de arquitetura Área: 275.0
  • Ano Ano de conclusão deste projeto de arquitetura Ano: 2019

Cobertura em abóbada: 15 projetos na Espanha que recuperam a tradicional técnica com tijolos

Casa JASB / Alessia Scardamaglia. Image © Nuria Vila Casa Tomás / LAB + Pepe Gascon. Image © José Hevia Beats / Nook architects + byn studio. Image © Nieve | Productora Audiovisual Kaikaya / Masquespacio. Image © Luis Beltran + 16

Em alguns casos, a cobertura pode ser o elemento de maior expressividade do projeto arquitetônico. A abóbada catalã se tornou um recurso de projeto muito popular na Espanha a partir do século XIX, apresentando-se como uma solução adequada para residências, devido ao baixo custo e grande velocidade de execução. Podendo vencer vãos de até trinta metros, essa técnica foi adaptada às necessidades da arquitetura industrial, sendo utilizada em oficinas, fábricas e armazéns.

O que todo arquiteto deve saber sobre proteção contra incêndio em construções de madeira

A humanidade utiliza a madeira para criar abrigos desde a pré-história, muito antes de a palavra arquitetura surgir. Alguns troncos encaixados entre si, cobertos por peles de animais, proporcionavam abrigos rudimentares para proteger nossos antepassados das intempéries. Gradualmente, essas estruturas se tornaram mais complexas, mas a madeira continuou a desempenhar um papel fundamental na arquitetura e construção. Hoje, especialmente devido às crescentes preocupações com as mudanças climáticas e as emissões de carbono, a madeira vem recuperando seu significado como importante material de construção para o futuro, se usada de forma consciente e sustentável. O desempenho estrutural da madeira a tornam apropriada para uma ampla gama de aplicações - desde quadros leves repetitivos para estruturas de pequeno e médio porte até sistemas maiores e mais pesados, geralmente híbridos, usados para construir arenas, escritórios, universidades e outros edifícios onde grandes vãos longos e paredes altas são necessários.

Como as cores influenciam a Arquitetura

Assim como as cores de uma pintura ou de uma fotografia abstrata podem despertar um certo humor, as cores de um edifício ou sala podem influenciar profundamente a sensação das pessoas que o usam. Fisiologicamente, diversos estudos mostraram que a luz azul retarda a produção de melatonina, mantendo as pessoas mais alertas ou acordadas mesmo à noite. Psicologicamente, as pessoas associam determinadas cores a sentimentos por conta de símbolos culturais e experiências vividas - por exemplo, elas podem perceber a cor vermelha como ameaçadora ou assustadora por causa de sua conexão com o sangue.

No geral, a maneira como uma sala é pintada pode ter efeitos complexos sobre como seus usuários se sentem, ao mesmo tempo que uma fachada pode ser percebida de maneiras dramaticamente diferentes, dependendo de como são suas cores. Abaixo, resumimos as associações emocionais de todas as cores, avaliando seus efeitos diferentes à medida que cada uma é usada no espaço arquitetônico.

Design Wing / Coordination Asia. Image © Coordination Asia Hotel Encanto Acapulco / Miguel Angel Aragonés. Image © MAA Family Box Qingdao / Crossboundaries. Image © Xia Zhi Le Soufflet / NatureHumaine. Image © Adrien Williams + 52

Materiais e novas tecnologias de construção: os 10 artigos mais lidos em 2019

Estar atualizado com as novas tecnologias, entender quais as melhores soluções e detalhes para determinados projetos, ter o conhecimento de quais produtos há no mercado e o que está por vir nos próximos anos. Temos observado que esses temas despertam grande interesse em arquitetos, estudantes e os amantes de arquitetura que entram no site todos os dias. 2019 foi o ano em que o ArchDaily começou a focar mais fortemente na parte de Materials, que abrange produtos, técnicas construtivas e materiais em geral. Com o ano chegando ao fim, selecionamos os artigos da seção mais vistos em cada mês, para tentar entender o que os une e o que devemos continuar investindo nos próximos anos. Veja mais a seguir!

A Guy, his Bulldog, a Vegetable Garden, and the Home they Share / HUSOS. Image © José Hevia Courtesy of Kast © Artek via Shutterstock + 14

Architectural Review anuncia os vencedores do prêmio "AR New into Old 2019"

A revista Architectural Review anunciou a Sala Beckett de Flores & Prats como projeto vencedor do prêmio AR New into Old 2019. O projeto foi selecionado pelo júri da AR que destacou seu processo único de restauração e renovação. Também foram atribuídas duas menções honrosas e três menções, destacando projetos com alternativas sustentáveis. Os prêmios AR New into Old reconhecem as maneiras criativas pelas quais os edifícios antigos são reformados, adaptando-se aos novos usos contemporâneos.

© Nic Lehoux © Mika Huisman © Fuji Koji © Nataly Lee + 14

Casa C / Camponovo Baumgartner Architekten

© José Hevia Cortesia de Camponovo Baumgartner Architekten © José Hevia Cortesia de Camponovo Baumgartner Architekten + 36

Reckingen-Gluringen, Suíça

Museu do Clima em Lleida e Conjunto Habitacional em Formentera recebem o Prêmio de Arquitetura Espanhola 2019

O Museu do Clima da cidade de Lérida, projetado por Toni Gironés e o Conjunto Habitacional Life Reusing Posidonia em Formentera, desenvolvido pelo Instituto Balear de la Vivienda (IBAVI), receberam conjuntamente -ex aequo- o Prêmio de Arquitetura Espanhola de 2019, outorgado pelo Conselho Superior do Colégio de Arquitetos da Espanha (CSCAE).

Chuveiros sem box: dicas e exemplos

Sem incluir uma banheira e sem a necessidade de portas, telas ou cortinas, os chuveiros sem box ou desníveis - também chamados de walk-in - permitem aumentar visualmente o espaço ao projetar banheiros, dando a eles uma imagem limpa e reduzida ao essencial.

No entanto, algumas precauções devem ser tomadas para seu desenho. A coisa mais importante: o chuveiro não pode ser completamente aberto, mesmo que pareça à primeira vista. A maioria dos projetos incorpora um vidro temperado que evita que a água "salte" para fora do espaço do banheiro, fechando sutilmente o espaço. Quando essa divisão transparente não possui marcos, é menos provável a aparência de fungos devido ao acúmulo de água e umidade.

Casa de monte / TACO taller de arquitectura contextual. Image © Leo Espinosa Fagerstrom House / Claesson Koivisto Rune. Image © Åke E:son Lindman AUTOHAUS / Matt Fajkus Architecture. Image © Charles Davis Smith Pombal / AZO. Sequeira Arquitectos Associados. Image © Nelson Garrido + 28

A jovem casa antiga / Enrique Espinosa + Lys Villalba

© José Hevia © José Hevia © José Hevia © José Hevia + 36

Cercedilla, Espanha

Adega em Mont-Ras / Jorge Vidal + Víctor Rahola

© José Hevia © José Hevia © José Hevia © José Hevia + 22

Mont-ras, Espanha

Como a iluminação afeta o humor?

É muito provável que você esteja lendo esse texto em um espaço fechado e com as luzes ligadas. Com o nosso atual estilo de vida, é comum passarmos a maior parte dos dias em salas fechadas realizando nossas tarefas diárias banhados pela soma de luzes artificiais e naturais. Ao mesmo tempo que as luzes artificiais trouxeram infinitas e incalculáveis possibilidades à humanidade, elas também causaram uma certa confusão ao nosso corpo, que se adaptou por milhares de anos a responder aos estímulos da luz do sol e à escuridão da noite. Trata-se do Ritmo ou Ciclo circadiano, que designa o período de aproximadamente 24 horas que se baseia o ciclo biológico de quase todos os seres vivos, influenciado sobretudo pela luz recebida, mas também pela temperatura e outros estímulos.

Ribo Fashion Group Zhimei Research and Development Center / A3 VISION. Image © Schram Image William Grant & Sons Ideation Space / Design Plus. Image © Vibhor Yadav Option Coffee Bar / TOUCH Architect. Image © Metipat Prommomate HofmanDujardin Office Villa / HofmanDujardin. Image © Matthijs van Roon + 17

Casa rural VB / Lucas y Hernández-Gil

© José Hevia © José Hevia © José Hevia © José Hevia + 41

Villalba de los Barros, Espanha
  • Área Área deste projeto de arquitetura Área: 380.0
  • Ano Ano de conclusão deste projeto de arquitetura Ano: 2018

Reabilitação da Biblioteca de Montbau / OliverasBoix Arquitectes

© José Hevia © José Hevia © José Hevia © José Hevia + 17

Barcelona, Espanha