Casa em Samambaia / Rodrigo Simão Arquitetura

Casa em Samambaia / Rodrigo Simão Arquitetura

© André Nazareth © André Nazareth © André Nazareth © André Nazareth + 78

Petrópolis, Brasil
  • Área Área deste projeto de arquitetura Área:  375
  • Ano Ano de conclusão deste projeto de arquitetura Ano:  2014
  • Fotógrafo Fotografias:  André Nazareth
  • Fabricantes Marcas com produtos usados neste projeto de arquitetura
    Fabricantes: Deca, Aço Tubo, Belgo Arcelor, Coral para acabamento fino, FRANKE, Gerdau Corsa, Ipiranga, Metais, Petromix, Serralheria Marcondes, Temper master, Tintas Coqueiro, Vidraçaria Bassous
  • Engenharia Estrutural Estrutura De Concreto: Alvaro Moraes Arquitetura
  • Gerenciamento/Coordenação: Rodrigo Simão Arquitetura
  • Projeto De Fundação: Alvaro Moraes Arquitetura
  • Projeto De Iluminação: Rodrigo Simão Arquitetura
  • Projeto De Interiores: Rodrigo Simão Arquitetura e Katharina Welper
  • Projeto De Paisagismo: Katharina Welper e Rodrigo Simão Arquitetura
  • Projetos De Instalações Hidráulicas/Elétricas: Vega Engenharia
Mais informações Menos informações

Descrição enviada pela equipe de projeto. A casa foi construída para o arquiteto e sua família, preservando relevo, pedras e árvores nativas, criando espaços funcionais que integram a vida doméstica com a natureza do lugar. A entrada da casa se faz através de um deck de pranchões de madeiras de demolição com 7 centímetros de espessura. Esse espaço funciona como sala de estar ao ar livre e é onde a família passa grande parte do tempo.

© André Nazareth
© André Nazareth

A estrutura de aço carbono utilizada na maior parte da construção possibilitou grandes vãos com pecas de seções reduzidas, permitindo grandes aberturas de janelas e criando espaços abertos em diálogo com o jardim e com a bela paisagem da região. O piso na maioria da casa é a própria laje de concreto que foi polida no ato de concretagem - geralmente usado em indústrias e postos de gasolina devido a sua alta resistência a impacto, abrasão e ao seu acabamento liso e higiênico.

© André Nazareth
© André Nazareth

Essa opção tem como resultado: fino acabamento, considerável economia e lajes com pouca espessura - o polimento foi a única impermeabilização dos pisos de varandas e terraços. O concreto é exposto também em paredes e lajes, moldados na obra com sarrafos de 10 centímetros, explorando assim as suas propriedades, eliminando etapas de mão de obra e material e integrando a edificação com a natureza.

Croqui 1
Croqui 1

As escadas de acesso ao mezanino e terraços são feitas de perfis de aço reciclado e pranchões de peroba rosa nos degraus. Portas antigas de madeira maciça, forrações em ripados de madeira usada, sistema de cobertura empregando assoalho de madeira, bancadas de banheiro, mobiliário em madeira e luminárias de cor amarelada, feitos exclusivamente para o projeto, contribuem com domesticidade para a construção com materiais industriais.

Planta Primeiro Pavimento
Planta Primeiro Pavimento
© André Nazareth
© André Nazareth
Fachada Principal
Fachada Principal

As coberturas são de assoalho de madeira de lei cobertos por manta asfáltica e revestido de telha shingle. Os pilares são feitos de tubos de aço preenchidos de concreto auto adensável e são recuados em relação às arestas de vidro contribuindo na leveza e desmaterialização da estrutura.

© André Nazareth
© André Nazareth

O leve conjunto estrutural da casa se apóia em muros de pedra de alvenaria que compõe a fundação erguendo-a do chão, a fim de evitar umidade e animais. As pedras foram desmontadas de um muro com mais de cem anos de idade e refeitos por um artesão local. O paisagismo foi feito intuitivamente pelos moradores, buscando incorporar espécies nativas pré-existentes que em alguns pontos atravessam as lajes.

© André Nazareth
© André Nazareth

O telhado curvo ergue-se na direção do sol nascente, que durante o dia percorre toda a casa através dos painéis de vidro fixo requadrados em ferro e portas de correr de alumínio e vidro transparente. Especialmente nos quartos, voltados para o norte, a incidência de sol é vital para a saúde em uma cidade montanhosa como Petrópolis.

© André Nazareth
© André Nazareth

A casa ganhou anexos como uma brinquedoteca e um atelier para a artista plástica Katharina Welper, esposa do arquiteto, complementando a integração entre arquitetura e paisagismo. Os conceitos de um espaço aberto, do uso de materiais em sua forma natural e da integração com a natureza buscam inspirar na família simplicidade e um estilo de vida funcional e integrado. 

© André Nazareth
© André Nazareth

Galeria do Projeto

Ver tudo Mostrar menos
Sobre este escritório
Cita: "Casa em Samambaia / Rodrigo Simão Arquitetura" 06 Mar 2019. ArchDaily Brasil. Acessado . <https://www.archdaily.com.br/br/912290/casa-em-samambaia-rodrigo-simao-arquitetura> ISSN 0719-8906

¡Você seguiu sua primeira conta!

Você sabia?

Agora você receberá atualizações das contas que você segue! Siga seus autores, escritórios, usuários favoritos e personalize seu stream.