Tudo
Projetos
Produtos
Eventos
Concursos

Casa GR / Paulo Martins

Casa GR / Paulo Martins

© Ivo Tavares Studio © Ivo Tavares Studio © Ivo Tavares Studio © Ivo Tavares Studio + 40

Sever do Vouga, Portugal
  • Arquitetos: Paulo Martins
  • Área Área deste projeto de arquitetura Área:  696
  • Ano Ano de conclusão deste projeto de arquitetura Ano:  2018
  • Fotógrafo Fotografias:  Ivo Tavares Studio
  • Fabricantes Marcas com produtos usados neste projeto de arquitetura
    Fabricantes: AMOP Lda, CLIMAR, Daikin, ETICS, Efapel, Elica, Roca, Sanindusa, Technal, VALVO
  • Arquiteto Responsável: Paulo Martins
  • Colaboradores: Bruno Alvarinhas
  • Engenharia: R5 Engineers
  • Construtora: Fecha Coutinho Construções
Mais informações Menos informações

Descrição enviada pela equipe de projeto.
Inserida num lote de geometria irregular e rodeada por construções de escasso valor arquitetônico, esta moradia surge como uma consequência das suas condicionantes.

© Ivo Tavares Studio
© Ivo Tavares Studio
Diagrama
Diagrama

Se por um lado não há a vontade de relacionar visualmente os espaços interiores da moradia com a envolvência imediata, por outro existe uma vontade incontrolável de a virar completamente para o nascente, vista dona de uma beleza ensurdecedora e alheia aos olhares indesejados. Outra condicionante é o fato de a sua orientação não ser a ideal, ou seja, a vista predominante encontra-se a nascente, a sul temos a extrema do lote e a poente uma estrada nacional com o café da aldeia do outro lado da rua. Surge então a necessidade de introversão e hermetismo, fazendo com que o volume construído surja como um inerte, mimetizando-se com a natureza e assumindo a sua exceção no alçado nascente, cuja deformação volumétrica declara e acentua a vontade de abertura e entrega às vistas. As suas formas são irregulares, a sua cor assume tons térreos e as aberturas em alçado são quase inexistentes, aparecendo sob a forma de pátios e claraboias, visíveis apenas de planos superiores.

© Ivo Tavares Studio
© Ivo Tavares Studio
Planta
Planta

Fazendo o percurso de rampas que se sucedem desde a entrada no lote, somos levados ao momento de transição entre o interior e o exterior, que se anuncia através do seu revestimento em ipê, superlativo de exceção e convite à entrada através da sobredimensionada porta que separa o hermético e misterioso exterior do interior puro e cálido, com os seus espaços inundados de luz zenital e apontados ao vale, por onde o nevoeiro denuncia a passagem de um rio.

© Ivo Tavares Studio
© Ivo Tavares Studio

Uma assumida dualidade entre exterior e interior vem reforçar a ideia de desinteresse no relacionamento da moradia com a envolvente imediata, sem que isso prejudique a dinâmica vivencial do seu interior. Programaticamente as zonas sociais da casa situam-se viradas a nascente (vale) e as zonas íntimas a poente (rua), sendo estes espaços separados por um grande pátio interior à volta do qual se pode circular, criando uma enriquecedora dinâmica espacial e visual.

© Ivo Tavares Studio
© Ivo Tavares Studio
© Ivo Tavares Studio
© Ivo Tavares Studio

Galeria do Projeto

Ver tudo Mostrar menos
Sobre este escritório
Cita: "Casa GR / Paulo Martins" 04 Fev 2019. ArchDaily Brasil. Acessado . <https://www.archdaily.com.br/br/910390/casa-gr-paulo-martins> ISSN 0719-8906

¡Você seguiu sua primeira conta!

Você sabia?

Agora você receberá atualizações das contas que você segue! Siga seus autores, escritórios, usuários favoritos e personalize seu stream.