Tudo
Projetos
Produtos
Eventos
Concursos

Renzo Piano: o prazer instintivo na leveza

Renzo Piano: o prazer instintivo na leveza

"Leveza e transparência estão muito próximas. Você começa subtraindo algo e então você tira, tira, tira... E em um certo momento você tem que parar de tirar coisas, caso contrário, tudo desaba. Através disso, é possível encontrar uma espécie de beleza. É uma beleza profunda, não apenas uma maquiagem."

Neste vídeo de Luis Fernández-Galiano, o arquiteto italiano Renzo Piano fala sobre seu percurso para encontrar beleza na leveza e transparência. Este trecho é parte de um documentário e série de livretos da Fundación arquia, produzidos pela White Horse.

"Nossa profissão é muito perigosa. Se você está errado, estará errado para sempre. Não temos o direito de cometer erros."

Renzo Piano cresceu em Gênova, na costa italiana, vendo os edifícios de areia, concreto e tijolo de seu pai. Decidiu fugir, descobrir o que havia além do Mar da Ligúria. Queria fazer algo diferente de seu pai, e acabou se tornando um arquiteto que busca a beleza na leveza. 

via Folch Studio
via Folch Studio
via Folch Studio
via Folch Studio

"Se você não acredita na capacidade da arquitetura de transformar o mundo em um lugar melhor. Se você não acredita na capacidade da beleza de construir um mundo melhor. Se você ainda não acredita nessa utopia, é melhor mudar de profissão."

via Folch Studio
via Folch Studio
via Folch Studio
via Folch Studio

Vídeo via: Folch Studio.

Sobre este autor
Cita: Lindsey Leardi. "Renzo Piano: o prazer instintivo na leveza" [Renzo Piano: Instinctive Pleasure in Lightness] 13 Dez 2017. ArchDaily Brasil. (Trad. Baratto, Romullo) Acessado . <https://www.archdaily.com.br/br/885218/renzo-piano-o-prazer-instintivo-na-leveza> ISSN 0719-8906

¡Você seguiu sua primeira conta!

Você sabia?

Agora você receberá atualizações das contas que você segue! Siga seus autores, escritórios, usuários favoritos e personalize seu stream.