O site de arquitetura mais visitado do mundo
i

Inscreva-se agora e organize a sua biblioteca de projetos e artigos de arquitetura do seu jeito!

Inscreva-se agora para salvar e organizar seus projetos de arquitetura

i

Encontre os melhores produtos para o seu projeto em nosso Catálogo de Produtos

Encontre os produtos mais inspiradores do nosso Catálogo de Produtos

i

Instale o ArchDaily Chrome Extension e inspire-se a cada nova aba que abrir no seu navegador. Instale aqui »

i

En todo el mundo, arquitectos están encontrando maneras geniales para reutilizar edificios antiguos. Haz clic aquí para ver las mejores remodelaciones.

Quer ver os melhores projetos de remodelação? Clique aqui.

i

Mergulhe em edifícios inspiradores com nossa seleção de 360 ​​vídeos. Clique aqui.

Veja nossos vídeos imersivos e inspiradores de 360. Clique aqui.

Tudo
Projetos
Produtos
Eventos
Concursos
Navegue entre os artigos utilizando o teclado
  1. ArchDaily
  2. Notícias
  3. Projeto de reconstrução pós-terremoto em Guangming é o Edifício do ano de 2017

Projeto de reconstrução pós-terremoto em Guangming é o Edifício do ano de 2017

Projeto de reconstrução pós-terremoto em Guangming é o Edifício do ano de 2017
Projeto de reconstrução pós-terremoto em Guangming é o Edifício do ano de 2017, Post-Earthquake Reconstruction Project in Guangming Village / The Chinese University of Hong Kong & Kunming University of Science and Technology. Image Courtesy of World Architecture Festival
Post-Earthquake Reconstruction Project in Guangming Village / The Chinese University of Hong Kong & Kunming University of Science and Technology. Image Courtesy of World Architecture Festival

O Projeto de Reconstrução Pós-Terremoto pela Universidade Chinesa de Hong Kong e Universidade Kunming de Ciência e Tecnologia na vila de Guangming foi nomeado como Edifício do Ano de 2017 na final do World Architecture Festival (WAF) em Berlim.

O projeto torna-se o 10º a manter o título de Edifício do Ano. No ano passado, o prêmio foi concedido a Robert Konieczny + KWK Promes pelo projeto do Museu Nacional em Szczecin - Centro de Diálogo Przełomy.

Devido ao "alto nível dos vencedores da categoria apresentados nos dois primeiros dias da WAF", o super júri também concedeu um Prêmio Especial de Direção ao Superlofts Houthaven em Amsterdã por Marc Koehler Architects.

Os vencedores do Futuro Projeto do ano, Paisagismo, Pequenos Projetos, Prêmio especial do Irã e Melhor uso de cores também foram anunciados. Conheça-os a seguir.

Edifício do Ano:

Projeto de reconstrução pós-terremoto na vila de Guangming / Universidade chinesa de Hong Kong e Universidade Kunming de Ciência e Tecnologia.

Post-Earthquake Reconstruction Project in Guangming Village / The Chinese University of Hong Kong & Kunming University of Science and Technology. Image Courtesy of World Architecture Festival
Post-Earthquake Reconstruction Project in Guangming Village / The Chinese University of Hong Kong & Kunming University of Science and Technology. Image Courtesy of World Architecture Festival

O projeto foi iniciado em resposta ao catastrófico terremoto de Ludian em 2014, que destruiu grande parte dos tradicionais edifícios de taipa na vila de Guangming. Quando os materiais de substituição, como tijolos e concreto, revelaram-se com alto valor à maioria dos moradores da aldeia, a equipe de arquitetos desenvolveu uma nova técnica construtiva das casas de taipa que serão mais resistentes a futuras atividades sísmicas.

Uma casa protótipo construída para um casal de idosos foi concluída no ano passado, provando que o método poderia fornecer uma estratégia de reconstrução segura, econômica, confortável e sustentável para a aldeia e toda a região do sudoeste da China.

Do WAF:

Os jurados acreditavam que este era um projeto extraordinário em termos do alcance da ambição, exemplificado na abordagem aos profundos problemas enfrentados pelas pessoas. Aplaudiram a reutilização de materiais e métodos construtivos tradicionais, mas com a adição de novas tecnologias - combinando a antiga sabedoria com o know-how moderno.

O júri também se impressionou com o processo de pesquisa que poderia ser reaplicado a qualquer parte do mundo afetada por problemas sísmicos e com baixos níveis financeiros. "Os arquitetos conseguiram traduzir" quatro paredes e um telhado "em algo que, através do compromisso arquitetônico, tornou-se um projeto muito mais abrangente", comentou Paul Finch, diretor do programa da WAF. "Este edifício é uma demonstração de que a arquitetura é tão relevante nas comunidades mais pobres quanto nas mais ricas".

Post-Earthquake Reconstruction Project in Guangming Village / The Chinese University of Hong Kong & Kunming University of Science and Technology. Image Courtesy of World Architecture Festival Post-Earthquake Reconstruction Project in Guangming Village / The Chinese University of Hong Kong & Kunming University of Science and Technology. Image Courtesy of World Architecture Festival Post-Earthquake Reconstruction Project in Guangming Village / The Chinese University of Hong Kong & Kunming University of Science and Technology. Image Courtesy of World Architecture Festival Post-Earthquake Reconstruction Project in Guangming Village / The Chinese University of Hong Kong & Kunming University of Science and Technology. Image Courtesy of World Architecture Festival + 27

Prêmio Especial de Direção:

Superbofts Houthaven; Amsterdã, Holanda / Marc Koehler Architects

Superlofts Houthaven; Amsterdam, Netherlands / Marc Koehler Architects. Image Courtesy of World Architecture Festival
Superlofts Houthaven; Amsterdam, Netherlands / Marc Koehler Architects. Image Courtesy of World Architecture Festival

Um novo conceito de co-habitação que visa criar uma rede global de cooperativas locais de construção, o júri disse que o conceito é "uma virada de jogo - um modelo replicável e transferível que pode se estender em termos de escala".

Superlofts Houthaven; Amsterdam, Netherlands / Marc Koehler Architects. Image Courtesy of World Architecture Festival Superlofts Houthaven; Amsterdam, Netherlands / Marc Koehler Architects. Image Courtesy of World Architecture Festival Superlofts Houthaven; Amsterdam, Netherlands / Marc Koehler Architects. Image Courtesy of World Architecture Festival + 27

Projeto Futuro do Ano:

Sydney Fish Markets; Sydney, Austrália / Allen Jack + Cottier Architects

Sydney Fish Markets; Sydney, Australia / Allen Jack + Cottier Architects   . Image Courtesy of World Architecture Festival
Sydney Fish Markets; Sydney, Australia / Allen Jack + Cottier Architects . Image Courtesy of World Architecture Festival

O super júri do Futuro Projeto da WAF selecionou o projeto pela "grande transformação que oferece à área", elogiando sua visão além do óbvio. Seu sucesso decorre do engajamento e colaboração com políticos, desenvolvedores e proprietários de terras." O Sydney Fish Market ganhou como o projeto transformador a um mundo maior que ele próprio. Os arquitetos executaram seu papel de forma exemplar e inspiradora.

Projeto de pequena escala do ano:

Streetlight Tagpuro; Tacloban, Filipinas / Eriksson Furunes + Leandro V. Locsin

Streetlight Tagpuro; Tacloban, Philippines / Eriksson Furunes + Leandro V. Locsin. Image Courtesy of World Architecture Festival
Streetlight Tagpuro; Tacloban, Philippines / Eriksson Furunes + Leandro V. Locsin. Image Courtesy of World Architecture Festival

"Uma verdadeira história de boas notícias, através da qual um processo de engajamento da comunidade levou a um autêntico resultado e de alta qualidade". O projeto envolveu o deslocamento do escritório da ONG, orfanato e centro de estudo no caminho do ciclone tufão Haiyan.

Streetlight Tagpuro; Tacloban, Philippines / Eriksson Furunes + Leandro V. Locsin. Image Courtesy of World Architecture Festival Courtesy of World Architecture Festival Streetlight Tagpuro; Tacloban, Philippines / Eriksson Furunes + Leandro V. Locsin. Image Courtesy of World Architecture Festival Streetlight Tagpuro; Tacloban, Philippines / Eriksson Furunes + Leandro V. Locsin. Image Courtesy of World Architecture Festival + 27

Paisagismo do Ano:

Recuperação da Paisagem Arqueológica de Chengtoushan; Lixian County, China / Turenscape

The Recovered Archaeological Landscape of Chengtoushan; Lixian County, China / Turenscape. Image Courtesy of World Architecture Festival
The Recovered Archaeological Landscape of Chengtoushan; Lixian County, China / Turenscape. Image Courtesy of World Architecture Festival

O júri apontou que o projeto refletiu uma mistura esperançosa e criativa de história arqueológica, produção de arroz e turismo. O projeto de paisagismo é baseado em torno de um sítio arqueológico vivo de 6.500 anos que foi protegido pelo governo local desta província rural. Os jurados ficaram impressionados com o "envolvimento produtivo entre visitantes e agricultores que foram capazes de manter seus meios de subsistência tradicionais".

The Recovered Archaeological Landscape of Chengtoushan; Lixian County, China / Turenscape. Image Courtesy of World Architecture Festival The Recovered Archaeological Landscape of Chengtoushan; Lixian County, China / Turenscape. Image Courtesy of World Architecture Festival The Recovered Archaeological Landscape of Chengtoushan; Lixian County, China / Turenscape. Image Courtesy of World Architecture Festival + 27

Prêmio especial do Irã para Edifícios Concluídos:

Pars Hospital; Rasht, Irã / New Wave Architecture

Pars Hospital; Rasht, Iran / New Wave Architecture. Image Courtesy of World Architecture Festival
Pars Hospital; Rasht, Iran / New Wave Architecture. Image Courtesy of World Architecture Festival

O projeto superou uma lista de oito projetos iranianos. Concluído em 2016, o hospital foi elogiado pelo júri como "um projeto que entende e resolve com segurança o quebra-cabeças de um grande hospital e alcança uma resolução de espaços públicos, conexões e pontos de vista que fazem um lugar de reparo e recuperação deliciosamente colorido e leve".

Pars Hospital; Rasht, Iran / New Wave Architecture. Image Courtesy of World Architecture Festival Pars Hospital; Rasht, Iran / New Wave Architecture. Image Courtesy of World Architecture Festival Pars Hospital; Rasht, Iran / New Wave Architecture. Image Courtesy of World Architecture Festival Pars Hospital; Rasht, Iran / New Wave Architecture. Image Courtesy of World Architecture Festival + 27

Melhor Uso da Cor:

Fitzroy Crossing Renal Hostel, Austrália / Iredale Pedersen Hook Architects

Fitzroy Crossing Renal Hostel; Fitzroy Crossing, Australia / Iredale Pedersen Hook Architects. Image Courtesy of World Architecture Festival
Fitzroy Crossing Renal Hostel; Fitzroy Crossing, Australia / Iredale Pedersen Hook Architects. Image Courtesy of World Architecture Festival

Os jurados descobriram que o uso da cor é "sensível, elegante e bem equilibrado". O edifício oferece uma facilidade de acomodação de longo prazo para o povo aborígine em diálise. O objetivo do centro é apoiar humanamente as necessidades dos moradores, podendo ser auto-suficientes e independentes, ou ter um cuidador vivendo com eles. A arquitetura propicia um ambiente seguro para passear e reunir-se com ocupantes, familiares, amigos e a comunidade. A luz é filtrada através das telas coloridas que correm ao longo da estrutura. Os juízes elogiaram a prática de "um projeto que usa cores integradas em relação à paisagem e à comunidade local. Como a função principal do projeto é a cura, o uso da cor cria um contexto emocional que é profundamente favorável ".

Fitzroy Crossing Renal Hostel; Fitzroy Crossing, Australia / Iredale Pedersen Hook Architects. Image Courtesy of World Architecture Festival Fitzroy Crossing Renal Hostel; Fitzroy Crossing, Australia / Iredale Pedersen Hook Architects. Image Courtesy of World Architecture Festival Fitzroy Crossing Renal Hostel; Fitzroy Crossing, Australia / Iredale Pedersen Hook Architects. Image Courtesy of World Architecture Festival Courtesy of World Architecture Festival + 27

Veja os vencedores da categoria no primeiro dia aqui, e os vencedores da categoria do segundo dia, aqui.

Notícias e descrições de projetos via WAF.

Ver a galeria completa

Sobre este autor
Patrick Lynch
Autor
Cita: Lynch, Patrick. "Projeto de reconstrução pós-terremoto em Guangming é o Edifício do ano de 2017" [Guangming Post-Earthquake Reconstruction Project Wins World Building of the Year 2017] 26 Nov 2017. ArchDaily Brasil. (Trad. Pereira, Matheus) Acessado . <https://www.archdaily.com.br/br/884221/projeto-de-reconstrucao-pos-terremoto-em-guangming-e-o-edificio-do-ano-de-2017> ISSN 0719-8906