O site de arquitetura mais visitado do mundo
i

Inscreva-se agora e organize a sua biblioteca de projetos e artigos de arquitetura do seu jeito!

Inscreva-se agora para salvar e organizar seus projetos de arquitetura

i

Encontre os melhores produtos para o seu projeto em nosso Catálogo de Produtos

Encontre os produtos mais inspiradores do nosso Catálogo de Produtos

i

Instale o ArchDaily Chrome Extension e inspire-se a cada nova aba que abrir no seu navegador. Instale aqui »

i

En todo el mundo, arquitectos están encontrando maneras geniales para reutilizar edificios antiguos. Haz clic aquí para ver las mejores remodelaciones.

Quer ver os melhores projetos de remodelação? Clique aqui.

i

Mergulhe em edifícios inspiradores com nossa seleção de 360 ​​vídeos. Clique aqui.

Veja nossos vídeos imersivos e inspiradores de 360. Clique aqui.

Tudo
Projetos
Produtos
Eventos
Concursos
Navegue entre os artigos utilizando o teclado
  1. ArchDaily
  2. Notícias
  3. O legado arquitetônico de Gustave Eiffel no México

O legado arquitetônico de Gustave Eiffel no México

O legado arquitetônico de Gustave Eiffel no México
O legado arquitetônico de Gustave Eiffel no México , © Guacamole Project
© Guacamole Project

Este artigo foi originalmente publicado na página México Desconocido com o mesmo título.

A Revolução Industrial mudou os rumos do mundo. Essa transformação econômica, social e tecnológica influenciou muito na arquitetura da época. Foi assim que alguns engenheiros começaram a desenvolver construções monumentais, modernas, práticas e muito originais. Esse foi o caso do francês Alexandre Gustave Eiffel, que ganhou renome pela Europa por seus projetos de pontes para a rede ferroviária francesa, mas que teria renome mundial por seu projeto mais importante e que lhe rendeu ter o nome marcado na história, a torre Eiffel.

A torre é uma das construções mais conhecidas no mundo, mas não é a única obra arquitetônica criada por Eiffel. No México, a Revolução Industrial e a influência francesa deixaram um legado único e que poucos conhecem. É por isso que hoje te convidamos para percorrer alguns dos lugares por onde Gustave Eiffel deixou sua marca.

Ponte de Ferro

via México en Fotos
via México en Fotos

No município de Ecatepec encontra-se um impressionante elemento de 90 toneladas de ferro perfeitamente montado e que conforma uma estrutura de 15 metros de altura. Poucos sabem, mas essa ponte foi projetada justamente pelo engenheiros francês Gustave Eiffel e construída em 1870.

Hoje em dia, esse espaço que é conhecido como Ponte da Arte, transformou-se em um centro cultural e em um espaço de arte comunitário que funciona como galeria e espaço de oficinas, cursos e apresentações artísticas.

Igreja de Santa Bárbara

via BCS Noticias
via BCS Noticias

Na península sul-californiana, na costa do Mar de Cortés, local onde o deserto de cactus termina no mar, encontra-se Santa Rosalía, uma pequena e pitoresca cidade que resguarda outra das obras arquitetônicas do grande Eiffel: a Igreja de Santa Rosalía.

A história conta que foi construída em 1887 para a Exposição Universal de Paris de 1889, junto com a Torre Eiffel. Depois do evento, o projeto foi desmontado e transportado para Bruxelas, Bélgica. De acordo com o historiador Ramón Bastida Orozco, originalmente a igreja havia sido adquirida por uma companhia francesa e seria instalada no Congo, África, mas por conta de problemas com uma infestação de cupins isso não aconteceu. O destino a mandaria anos mais tarde à América, especificamente a Santa Rosalía em Baja California Sur, México.

A igreja chegou ao México totalmente desmantelada em 1896, no veleiro San Juan, que seguiu a rota de Cabo de Hornos para chegar da Europa, e foi aberta para culto em 1898.

Dado curioso: apesar de muitos atribuírem o desenho dessa igreja a Gustave Eiffel, existe uma controvérsia sobre a autoria do projeto. Alguns pesquisadores garantem que o projeto não foi feito pelo engenheiro francês, mas pelo brasileiro Babiano Buclos.

Palácio de Ferro

© Guacamole Project
© Guacamole Project

Esta bela e valiosa construção localiza-se em Orizaba, Veracruz. Trata-se do Palácio de Ferro, expoente máximo do Art Nouveau no México e o único palácio metálico do mundo.

Eiffel projetou essa obra arquitetônica em 1891. O prefeito à época, Julio M. Vélez, encomendou o projeto pois queria que o Palácio Municipal contrastasse com a arquitetura de alvenaria (de tijolos, blocos ou pedras talhadas) de Orizaba e mostrasse a modernidade e seu auge econômico, já que naqueles tempos a cidade era considerada a quinta mais importante do país.

Esse impressionante palácio metálico desmontável foi construído na Bélgica em 1892 e teve um custo total de 80 mil pesos em ouro. Para transporta-lo da Europa para o México, foram necessárias três viagens em barcos à vapor desde o porto de Amborés até o de Veracruz.

O Palácio Municipal, hoje conhecido como Palácio de Ferro, foi inaugurado em 16 de setembro de 1894 e funcionou como escritório do governo durante 97 anos.

Quiosque do Jardin Juárez em Cuernavaca

Se tem alguma coisa que caracteriza o Jardim Juárez, no centro histórico de Cuernavaca, é seu quiosque. O que poucos sabem é que, assim como os outros projetos mencionados, esse também é um projeto de Gustave Eiffel trazido da Inglaterra por ordem do então governador Jesus H. Preciado em 1890.

Existem outras construções por todo o México que, ainda que não tenham sido projetadas pro Eiffel, tiveram alguma influência do francês. Quais você conhece?

Ver a galeria completa

Sobre este autor
Viridiana Miron
Autor
Cita: Miron, Virdiana. "O legado arquitetônico de Gustave Eiffel no México " [La huella arquitectónica que Gustave Eiffel dejó en México] 09 Jul 2017. ArchDaily Brasil. (Trad. Brant, Julia) Acessado . <https://www.archdaily.com.br/br/875052/a-marca-arquitetonica-que-gustave-eiffel-deixou-no-mexico> ISSN 0719-8906