Tudo
Projetos
Produtos
Eventos
Concursos

André Corrêa do Lago é o primeiro brasileiro a integrar o júri do Pritzker

André Corrêa do Lago é o primeiro brasileiro a integrar o júri do Pritzker

Pela primeira vez na história do Prêmio Pritzker, um brasileiro foi convidado a integrar o júri da premiação. André Corrêa do Lago, diplomata de carreira, foi anunciado ontem, dia 20 de maio, durante a entrega do prêmio aos integrantes do escritório RCR Arquitectes em Tóquio, como membro do corpo de jurados do maior reconhecimento profissional do campo da arquitetura.

Corrêa do Lago foi o corador do Pavilhão do Brasil na Bienal de Arquitetura de Veneza 2014, onde liderou a representação brasileira com o tema "Brasil: Modernismo como Tradição". O diplomata, reconhecido apaixonado pela arquitetura, é autor de livros como "Ainda moderno? - arquitetura brasileira contemporânea" (Nova Fronteira, 2005), com Lauro Cavalcanti, e "Oscar Niemeyer, uma arquitetura da sedução" (Bei, 2009). Seu mais recente título é sobre a casa que Paulo Mendes da Rocha fez para si, no Butantã.

Após o anúncio, o diplomata se mostrou feliz com o convite e disse acreditar que o comitê levou em consideração sua experiência com desenvolvimento sustentável e mudança climática, já que ele foi o negociador-chefe do Brasil, entre 2011 e 2013, para a conferência Rio+20. 

AD Brasil Entrevista: André Aranha Corrêa do Lago, curador do Pavilhão do Brasil na Bienal de Veneza 2014

André Aranha Corrêa do Lago é o curador do Pavilhão do Brasil na 14ª Bienal de Arquitetura de Veneza , que tem como curador geral Rem Koolhaas e tema central Fundamentals. Para as participações nacionais, Koolhaas propôs o subtema Absorbing Modernity, um convite aos participantes a refletir e levantar questões sobre como respectivos países se relacionaram com o pensamento e prática da modernidade.

Pavilhão do Brasil na Bienal de Veneza 2014 - Brasil: Modernismo como Tradição

Sob o título Fundamentals, a Biennale Architettura 2014 tem como curador o arquiteto holandês Rem Koolhaas, que propôs um tema específico aos países participantes: Absorbing Modernity 1914-2014, procurando entender como as arquiteturas nacionais absorveram a modernidade no último século e como, eventualmente, mantiveram elementos tradicionais.

Via Folha de S. Paulo e Bem Paraná.

Sobre este autor
Cita: Romullo Baratto. "André Corrêa do Lago é o primeiro brasileiro a integrar o júri do Pritzker" 21 Mai 2017. ArchDaily Brasil. Acessado . <https://www.archdaily.com.br/br/871777/andre-correa-do-lago-e-o-primeiro-brasileiro-a-integrar-o-juri-do-pritzker> ISSN 0719-8906

¡Você seguiu sua primeira conta!

Você sabia?

Agora você receberá atualizações das contas que você segue! Siga seus autores, escritórios, usuários favoritos e personalize seu stream.