"Our Amazon Frontline": Pavilhão do Peru na Bienal de Veneza 2016

"Our Amazon Frontline": Pavilhão do Peru na Bienal de Veneza 2016

Como parte da cobertura do ArchDaily Brasil na Bienal de Veneza 2016, estamos apresentando uma série de artigos escritos pelos curadores das exposições e instalações à mostra no evento.

A floresta amazônica é nossa fronteira: batalhas constantes estão sendo travadas para preservar a maior fonte de biodiversidade, produção de oxigênio e regulação climática do planeta.

A Amazônia é também o fronte de batalha entre a visão ancestral de seus habitantes e a visão moderna da sociedade ocidental em relação ao seu território. Se fossemos aprender com o conhecimento indígena, agora ameaçado pela hegemônica "civilização ocidental", daríamos vez a visões sem precedentes sobre medicina, nutrição e a produção sustentável da floresta tropical. A dissolução desta última fronteira teria implicações globais e poderia mudar o modo como vemos nosso mundo. 

Our Amazon Frontline / Pabellón de Perú en la Bienal de Venecia 2016. Image © Laurian GhinitoiuOur Amazon Frontline / Pabellón de Perú en la Bienal de Venecia 2016. Image © Laurian GhinitoiuOur Amazon Frontline / Pabellón de Perú en la Bienal de Venecia 2016. Image © Laurian GhinitoiuOur Amazon Frontline / Pabellón de Perú en la Bienal de Venecia 2016. Image © Laurian Ghinitoiu+ 14

O Pavilhão do Peru narra uma ação sem precedentes nesse sentido: combater a pobreza e preservar a floresta tropical amazônica através da educação. O "Plan Selva" um programa público de grande escala em nossa região amazônica que reconstrói centenas de escolas espalhadas em lugares inacessíveis sem serviços, com um novo programa educacional que favorece o multiculturalismo e recupera os idiomas nativos.

Our Amazon Frontline / Pabellón de Perú en la Bienal de Venecia 2016. Image © Laurian Ghinitoiu
Our Amazon Frontline / Pabellón de Perú en la Bienal de Venecia 2016. Image © Laurian Ghinitoiu

O ponto de partida do projeto é um diálogo atento às comunidades amazônicas. Ele propõe um kit de componentes modulares que permite a adaptação às necessidades pedagógicas particulares, às condições topográficas e ao tamanho das comunidades. O resultado é uma arquitetura modular sensível ao clima, respeitosa ao modo de vida amazônico. 

Our Amazon Frontline / Pabellón de Perú en la Bienal de Venecia 2016. Image © Laurian Ghinitoiu
Our Amazon Frontline / Pabellón de Perú en la Bienal de Venecia 2016. Image © Laurian Ghinitoiu

Este projeto representa uma iniciativa única da instituição pública do Peru: confia na arquitetura um enorme programa educacional, restaura a dignidade da população que foi historicamente negligenciada e oferece um espaço para o encontro equilibrado de dois mundos aparentemente incompatíveis.

Our Amazon Frontline / Pabellón de Perú en la Bienal de Venecia 2016. Image © Laurian Ghinitoiu
Our Amazon Frontline / Pabellón de Perú en la Bienal de Venecia 2016. Image © Laurian Ghinitoiu

Acompanhando esta ação arquitetônica, a exposição nos faz imergir na Amazônia peruana através de ações visuais que mostram os profundos mistérios de seus habitantes e oferecem uma verdadeira "radiografia" da exuberância impenetrável da floresta. 

Planta General. Image Courtesy of Barclay&Crousse
Planta General. Image Courtesy of Barclay&Crousse

Os visitantes seguem uma faixa impressa com os rostos de crianças amazonenses por Musuk Nolte, e a "pegada" da floresta, os "Amazogramas" criados por Roberto Huarcaya.  Esta faixa é suspensa em uma cobertura de madeira, em permanente equilíbrio. 

Corte. Image Courtesy of Barclay&Crousse
Corte. Image Courtesy of Barclay&Crousse

OUR AMAZON FRONTLINE

Local: Sale d’Armi, Arsenale
Participantes: Ministério da Educação – Plan Selva ; Líder de projeto: Elizabeth Añaños; Equipe: Militza Carrillo, Miguel Chavez, Sebastián Cillóniz, Alvaro Echevarria, Gino Fernandez, Claudia Flores, Luis Miguel Hadzich, Daisuke Izumi, Alfonso Orbegoso, Carlos Tamayo, Alejandro Torero, Karel Van Oordt, José Luis Villanueva
Comissário: José Orrego
Curadores: Sandra Barclay, Jean Pierre Crousse
Patronato: Fundación Wiese, El Comercio
Produção: Patronato
Fotografia: Roberto Huarcaya, Musuk Nolte, Rodrigo Adb
Gestão de projeto: Claudia Ortigas, Mateo Eiletz
Design Gráfico: Arturo Higa
Apoiadores: Promperu, Mincetur, Ministerio de Cultura, Ministerio de Relaciones Exteriores del Peru, Ministerio de Educación, Ministerio del Ambiente e Asociacion de Estudios de Arquitectura

Galeria de Imagens

Ver tudoMostrar menos
Sobre este autor
Cita: Equipo Editorial. ""Our Amazon Frontline": Pavilhão do Peru na Bienal de Veneza 2016" [Our Amazon Frontline: Inside Perú's Pavilion at the 2016 Venice Biennale] 24 Jul 2016. ArchDaily Brasil. (Trad. Baratto, Romullo) Acessado . <https://www.archdaily.com.br/br/791750/our-amazon-frontline-pavilhao-do-peru-na-bienal-de> ISSN 0719-8906

¡Você seguiu sua primeira conta!

Você sabia?

Agora você receberá atualizações das contas que você segue! Siga seus autores, escritórios, usuários favoritos e personalize seu stream.