O site de arquitetura mais visitado do mundo
i

Inscreva-se agora e organize a sua biblioteca de projetos e artigos de arquitetura do seu jeito!

Inscreva-se agora para salvar e organizar seus projetos de arquitetura

i

Encontre os melhores produtos para o seu projeto em nosso Catálogo de Produtos

Encontre os produtos mais inspiradores do nosso Catálogo de Produtos

i

Instale o ArchDaily Chrome Extension e inspire-se a cada nova aba que abrir no seu navegador. Instale aqui »

i

En todo el mundo, arquitectos están encontrando maneras geniales para reutilizar edificios antiguos. Haz clic aquí para ver las mejores remodelaciones.

Quer ver os melhores projetos de remodelação? Clique aqui.

i

Mergulhe em edifícios inspiradores com nossa seleção de 360 ​​vídeos. Clique aqui.

Veja nossos vídeos imersivos e inspiradores de 360. Clique aqui.

Tudo
Projetos
Produtos
Eventos
Concursos
Navegue entre os artigos utilizando o teclado
  1. ArchDaily
  2. Projetos
  3. Edificios Públicos
  4. Brasil
  5. Acácio Gil Borsoi
  6. 1975
  7. Clássicos da Arquitetura: Tribunal de Justiça do Estado do Piauí / Acácio Gil Borsoi

Clássicos da Arquitetura: Tribunal de Justiça do Estado do Piauí / Acácio Gil Borsoi

  • 12:00 - 9 Março, 2016
  • por Ana Rosa Soares Negreiros Feitosa
Clássicos da Arquitetura: Tribunal de Justiça do Estado do Piauí / Acácio Gil Borsoi
Clássicos da Arquitetura: Tribunal de Justiça do Estado do Piauí / Acácio Gil Borsoi , Cortesia de Borsoi Arquitetos
Cortesia de Borsoi Arquitetos

©  Ana Rosa Soares Negreiros Feitosa Cortesia de Borsoi Arquitetos ©  Ana Rosa Soares Negreiros Feitosa ©  Ana Rosa Soares Negreiros Feitosa + 17

Por Ana Rosa Soares Negreiros Feitosa

Sugerindo uma situação de repouso e estabilidade, o edifício possui configuração de um corpo centroide, volume de um monobloco de base quadrada. Sua forma é aparentemente compacta, porém sua massa é esculpida de modo positivo tendendo à complexidade. A geometria simétrica garante o equilíbrio dos elementos compositivos das fachadas, estes que atribuem ritmo a criação, brises que vencem quase toda a altura do prédio, estando dispostos de modo aparentemente irregular.

O edifício possui a relação proporcional de 46,00m de comprimento e largura por 19.90m de altura, na fachada noroeste, e 16,04m na fachada sudoeste. Essa diferença ocorre em razão da sua implantação, a qual a estrutura foi acomodada a topografia, aproveitando os desníveis e adequando-se aos mesmos. Nesta locação o primeiro pavimento ocupa menor parte em relação aos demais andares, tendo este acesso principal a noroeste pela rua lateral enquanto o segundo pavimento possui ligação direta com a Praça Desembargador Edgar Nogueira, localiza a sudeste. No prédio, que possui planta livre, o programa é distribuído em cinco pavimentos, os quais são interligados pela enfática escada em ferro helicoidal e observa-se que, em todos, repetem-se, sobrepostas, as áreas de apoio e de serviços constituídos por banheiros, depósitos, copa, escada secundária e elevador.

©  Ana Rosa Soares Negreiros Feitosa
© Ana Rosa Soares Negreiros Feitosa

Quanto ao sistema construtivo empregado, foi utilizado o concreto armado. A estrutura da edificação foi executada “in loco”, onde observa-se que no projeto todos os detalhes construtivos foram simplificados e os gabaritos padronizados para uma maior racionalização. O enquadramento estrutural forneceu as diretrizes precisas para a produção,a qual é formada por pilares de secção quadrada (0,40m x 0,40m), dispostos em uma trama regular, distanciados 6m de eixo a eixo.

As vigas possuem secção aproximadas de 0,20m x 0,75m, dispostas em malha onde encontra-se nos eixos dos pilares, reforçando o afastamento da marca de 6m, existindo algumas exceções cujo a separação é geralmente deslocada 0,20m do pilar, sendo conectadas a eles por um detalhe especifico de ligação. As lajes entre os pavimentos têm em suas extremidades uma estrutura em formato de cunha, expondo uma borda final de apenas 0,10m no lado externo, enquanto internamente atinge 1,25m de largura, este arremate permite maior sutileza a composição.

©  Ana Rosa Soares Negreiros Feitosa
© Ana Rosa Soares Negreiros Feitosa

O edifício é finalizado com uma coberta delgada a qual a conexão é realizada por uma estrutura metálica preenchida de concreto com 1,40m de altura e diâmetro de 0,20m, em suas extremidades, um diâmetro menor, cerca de 0,10m; estes elementos de ligação estão recuados a 1,80m das bordas dos pilares externos de concreto, sendo outro detalhe que proporciona leveza visual ao pesado objeto de concreto armado. As colunas auxiliam a suportar a carga exercida pela cobertura, porém o maior peso é sustentado pelos pilares internos em concreto.

Borsoi comprova, no desenho cauteloso, a preocupação com todos os pormenores e o caráter artesanal da obra, porém buscando sempre a racionalidade. A empresa, a pedido do arquiteto, encomendou tijolos específicos, alguns com detalhes para servirem de cercadura e de batedores das portas, além de terem formulado um produto especial para a proteção dos mesmos, uma espécie de selador, com efeito fosco, para valorizar o real aspecto da cerâmica local.

©  Ana Rosa Soares Negreiros Feitosa
© Ana Rosa Soares Negreiros Feitosa

Em toda a edificação os materiais empregados foram deixados em sua naturalidade garantindo o aspecto visual e real das soluções formais. As superfícies em alvenaria de tijolos, pedras, madeiras ou no concreto demostram as texturas pretendidas durante a criação. De maneira mais evidente e valorizado, as fachadas da edificação, são  compostas por brises que exibem com clareza o sentido dos cortes e encaixes das madeiras utilizada nas fôrmas confeccionadas no canteiro de obras. Sendo que estes elementos com textura rugosa, conseguem resumir, a relação de forma/estrutura, proteção, intenção plástica e simbolismo de toda a composição

Ana Rosa Soares Negreiros Feitosa é professora da faculdade de Arquitetura e Urbanismo da Universidade Federal do Piauí (UFPI).  

  • Arquitetos

  • Localização

    R. Gov. Tibério Nunes, 309 - Cabral, Teresina - PI, 64000-750, Brazil
  • Arquiteto Responsável

    Acácio Gil Borsoi
  • Arquiteto Colaborador

    Gilson Gonçalves
  • Desenhista

    Cyro Menescal
  • Construtora

    Lourival Parente
  • Responsável Técnico

    Eng. Lourival Sales Parente
  • Ano do projeto

    1975

Ver a galeria completa

Localização aproximada, pode indicar cidade/país e não necessariamente o endereço exato.
Sobre este escritório
Acácio Gil Borsoi
Escritório
Cita: Ana Rosa Soares Negreiros Feitosa. "Clássicos da Arquitetura: Tribunal de Justiça do Estado do Piauí / Acácio Gil Borsoi " 09 Mar 2016. ArchDaily Brasil. Acessado . <https://www.archdaily.com.br/br/783429/classicos-da-arquitetura-tribunal-de-justica-do-estado-do-piaui-acacio-gil-borsoi> ISSN 0719-8906