O site de arquitetura mais visitado do mundo
i

Inscreva-se agora e organize a sua biblioteca de projetos e artigos de arquitetura do seu jeito!

Inscreva-se agora para salvar e organizar seus projetos de arquitetura

i

Encontre os melhores produtos para o seu projeto em nosso Catálogo de Produtos

Encontre os produtos mais inspiradores do nosso Catálogo de Produtos

i

Instale o ArchDaily Chrome Extension e inspire-se a cada nova aba que abrir no seu navegador. Instale aqui »

i

En todo el mundo, arquitectos están encontrando maneras geniales para reutilizar edificios antiguos. Haz clic aquí para ver las mejores remodelaciones.

Quer ver os melhores projetos de remodelação? Clique aqui.

i

Mergulhe em edifícios inspiradores com nossa seleção de 360 ​​vídeos. Clique aqui.

Veja nossos vídeos imersivos e inspiradores de 360. Clique aqui.

Tudo
Projetos
Produtos
Eventos
Concursos
Navegue entre os artigos utilizando o teclado
  1. ArchDaily
  2. Projetos
  3. Casa Elemento / Sami Rintala

Casa Elemento / Sami Rintala

Casa Elemento / Sami Rintala
Casa Elemento / Sami Rintala, Cortesia de Sami Rintala
Cortesia de Sami Rintala

 

Na área metropolitana de Seul, há uma cidade satélite chamada Anyang, uma pequena cidade no contexto coreano, suburbano, com 700.000 habitantes. A cidade tinha decidido convidar vários arquitetos e artistas internacionais para participar do projeto de um novo parque. O projeto, chamado Parque Anyang de Arte Pública, diz respeito ao conceito de arte e parques de arquitetura no Japão, o maior dos quais é o Echigo Tsumari área Trienal de Arte em Niigata.

Cortesia de Sami Rintala

Seguindo o ritmo de vida coreano e estilo o calendário era muito apertado. O planejamento já começou ao escolher o local. Esboços deviam ser entregues no dia seguinte. Devido à pressa eu tive dificuldades para acompanhar as constantes mudanças nos meus desenhos. Felizmente eu pude refazer alguns detalhes importantes mais tarde, enquanto trabalhava no canteiro de obras. Trabalhar com os coreanos era, apesar da falta de tempo, muito agradável.

Cortesia de Sami Rintala

O parque está situado em um vale de rio. O edifício em si está no topo de uma pequena colina rodeado por uma floresta, ao longo de uma rota que conduz às  montanhas no extremo do parque. O espaço principal é um grande cubo de aço. Quatro pequenos dormitórios de madeira estão ligados a este espaço em andares diferentes. Em cada um desses pequenos espaços, há a presença de um elemento da natureza. No porão, água, no pátio, terra, no primeiro andar, fogo, e no sótão, ar.

Planta 4

No nível prático, a ideia do trabalho é oferecer um abrigo simples, onde os caminhantes possam descansar, desfrutar do seu almoço,onde seja possível contemplar as montanhas ou acender uma vareta de incenso. Para este efeito, o artista norueguês John Roger Holte criou uma plataforma de armazenamento para os incensos no exterior de concreto colorido. Este hábito se relaciona com a história do vale que possssuí um retiro budista importante. Costumava haver muitos templos situados na zona de montanha, apenas alguns dos quais são mantidos hoje. No entanto, foi-me dito que haviam rituais xamanísticos disponíveis na área.

Cortesia de Sami Rintala

Os materiais de construção principais são aço e madeira. Concreto foi utilizado para a porão e fundação.As aberturas são cobertas com vidro de segurança, piso com cascalho de jade e mármore, tipos diferentes de pedras e cor em cada espaço.

Cortesia de Sami Rintala

Seul é uma área urbana imensa e o crescimento rápido o qual é visível na condição do meio envolvente. Ruído constante, auto-estradas lotadas, filas intermináveis de blocos clonados de apartamentos e o cinza sempre prevalecente da poluição cria um lugar difícil para os seres vivos.

Cortesia de Sami Rintala

Espero que este pequeno prédio na periferia da cidade e da floresta possam oferecer uma atmosfera contrastante. Se alguém, andando com uma pressa cotidiana, decide parar e sentar-se e permite que o silêncio prevaleça, deixando que os pensamentos vaguem, este trabalho atingiu seu objetivo.

Ficha técnica:

  • Arquitetos:Sami Rintala
  • Ano: 2006
  • Área construída: 72 m²
  • Endereço: Parque Anyang, Anyang Cidade de Anyang .Seul Coreia do Sul
  • Tipo de projeto: Infraestrutura
  • Operação projetual:Intervenção
  • Status:Construído
  • Materialidade: Madeira e Vidro
  • Estrutura: Concreto e Aço
  • Localização: Parque Anyang, Anyang, Cidade de Anyang .Seul, Coreia do Sul
  • Implantação no terreno: Isolado

Equipe:

  1. Arquiteto: Sami Rintala
  2. Arquitetos Paisagista: Eedo Space Architectural Design, Seul, República da Coréia

 

Informação Complementar:

  1. Colaboradores: John Roger Holte, Artista, Noruega; Finnforest, Madeira

 

  1. Materiais: Aço, Madeira, Concreto, Cascalho, Vidro
  2. Cliente: Cidade de Anyang / Projeto de Arte Pública
  3. Fotografia: Parque Wan Soon, Emil Goh
  4. Texto original em inglês cortesia dos autores

Cita: Leonardo Márquez. "Casa Elemento / Sami Rintala" 16 Ago 2012. ArchDaily Brasil. Acessado . <https://www.archdaily.com.br/65345/casa-elemento-sami-rintala> ISSN 0719-8906