O site de arquitetura mais visitado do mundo
i

Inscreva-se agora e organize a sua biblioteca de projetos e artigos de arquitetura do seu jeito!

Inscreva-se agora para salvar e organizar seus projetos de arquitetura

i

Encontre os melhores produtos para o seu projeto em nosso Catálogo de Produtos

Encontre os produtos mais inspiradores do nosso Catálogo de Produtos

i

Instale o ArchDaily Chrome Extension e inspire-se a cada nova aba que abrir no seu navegador. Instale aqui »

i

En todo el mundo, arquitectos están encontrando maneras geniales para reutilizar edificios antiguos. Haz clic aquí para ver las mejores remodelaciones.

Quer ver os melhores projetos de remodelação? Clique aqui.

i

Mergulhe em edifícios inspiradores com nossa seleção de 360 ​​vídeos. Clique aqui.

Veja nossos vídeos imersivos e inspiradores de 360. Clique aqui.

Tudo
Projetos
Produtos
Eventos
Concursos
Navegue entre os artigos utilizando o teclado
  1. ArchDaily
  2. Notícias
  3. Vídeo: Wawa Pukllay / AGA Estudio Creativo

Vídeo: Wawa Pukllay / AGA Estudio Creativo

Vídeo: Wawa Pukllay / AGA Estudio Creativo

Wawa Pukllay, que significa "Crianças Brincando", foi o convite feito pelo X Taller Social Latinoamericano de Estudiantes de Arquitectura, com a finalidade de gerar espaços que permitam a autonomia das crianças do Valle del Colca, no Peru. Durante um período de duas semanas, em abril de 2013, uma grande quantidade de estudantes da América Latina se reuniu em grupos de trabalho, com tutores de diferentes nacionalidades.

A equipe de Coporaque - liderada pelo escritório AGA Estudio Creativo - desenvolveu uma floresta de mastros, dispostos por toda a extensão do lugar, onde a criança explora a paisagem do parque, tendo a experiência da apropriação. Esta floresta habitada permite "arquiteturalizar" a proposta, convertendo-a em um espaço onde a sombra, a luz e a altura (verticalidade) permitem entender a paisagem de diferentes modos por cada um dos visitantes;

Mais informações e imagens sobre a proposta, a seguir.

Vídeo: Wawa Pukllay / AGA Estudio Creativo, Cortesía de Equipo Coporaque
Cortesía de Equipo Coporaque

Para o desenvolvimento do projeto, a equipe visou dois objetivos: primeiramente, a reprodução das condições que permitam fortalecer e ampliar as relações sociais e as oportunidades através da identificação com o espaço, fazendo-o atrativo para mais pessoas e incentivando seu uso. Isto implicou em absorver e integrar as relações sociais e geográficas existentes, gerando novos espaços de reconhecimento para transmitir a informação local de forma transparente. 

Cortesía de Equipo Coporaque
Cortesía de Equipo Coporaque

O segundo objetivo aproximou os estudantes das práticas locais fabricação. A experiência se desenvolveu através de exercícios específicos para a escala real, definidos por termos instrumentais e materiais, promovendo a gestão e a associação focadas na colaboração. 

Cortesía de Equipo Coporaque
Cortesía de Equipo Coporaque

A equipe trabalhou a relação objeto-superfície através da materialidade do espaço (terra e pastagens), os materiais locais e a recuperação dos artefatos existentes que já eram conhecidos pelos usuários. A intenção era que o objeto original passasse a um estado físico que dialogasse com a lógica original - ou vernacular -  criando, quase espontaneamente, novos sistemas de interação.

Planta
Planta

Paralelamente, as oportunidades se identificaram e se incorporaram a partir de cada evento cultural local, levando a equipe a utilizar noções diferentes, como o espontâneo, a alegria, o cotidiano, o simbólico, o subversivo, o pedagógico, o acidental e o comum, como base para um novo programa capaz de gerar encontros e inventar novas práticas. 

Cortesía de Equipo Coporaque
Cortesía de Equipo Coporaque

Desenvolveu-se, então, uma zona de jogos, um cenário que se mescla com a natureza ao redor, um lugar feito para o encontro definido pelas sensações do usuário, sem necessidade de uma predisposição em seu percurso, onde a topografia desempenha um papel crucial, apresentando elevações e depressões que permitem uma nova compreensão da superfície pela criança, uma topografia que se adapta ao preexistente e alcança um importante vínculo entre o cenário e o novo parque. 

Fachada
Fachada

O projeto oferece um espaço aberto e acessível para a apropriação por parte de uma população isolada, com muitos poucos recursos, porém como uma forte convicção de que a transformação deste espaço contribui significativamente com as relações entre os habitantes da comunidade de Coporaque.

Cortesía de Equipo Coporaque
Cortesía de Equipo Coporaque

Equipe de trabalho: Equipe de estudantes do Taller Coporaque – T.S.L 2103, AGA estudio creativo (Venezuela), Maximillian Nowotka (Venezuela), Lara Placido (Portugal), Enrique Villacis (Equador), Rocio Cayllahua (Peru) e Cesar Acurio (Peru)

Localização: Coporaque, Valle de Colca, Peru

Ano: Abril 2013

Área: 776 m²

Orçamento: US$1200

Materiais: Terra recuperada do lugar, pasto replantado dos arredores e reutilização de artefatos-jogos existentes no lugar

Organizadores: C.L.E.A, Univeridad Católica Santa María, Universidad de San Pablo, Universidad Alas Peruanas

Patrocinadores: Prefeitura de Coporaque, Prefeitura Provincial de Arequipa, Universidad Nacional de San Agustín

Fotografías: Cortesia da Equipe Coporaque

Mais informações aqui.

Via World Landscape Architect

Ver a galeria completa

Sobre este autor
José Tomás Franco
Autor
Cita: Franco, José Tomás. "Vídeo: Wawa Pukllay / AGA Estudio Creativo" [Proyecto Wawa Pukllay ('Niños Jugando') busca empoderar a los niños peruanos a través del juego] 25 Out 2013. ArchDaily Brasil. (Trad. Baratto, Romullo) Acessado . <https://www.archdaily.com.br/148489/video-wawa-pukllay-slash-aga-estudio-creativo> ISSN 0719-8906

¡Você seguiu sua primeira conta!

Você sabia?

Agora você receberá atualizações das contas que você segue! Siga seus autores, escritórios, usuários favoritos e personalize seu stream.