O site de arquitetura mais visitado do mundo
i

Inscreva-se agora e organize a sua biblioteca de projetos e artigos de arquitetura do seu jeito!

Inscreva-se agora para salvar e organizar seus projetos de arquitetura

i

Encontre os melhores produtos para o seu projeto em nosso Catálogo de Produtos

Encontre os produtos mais inspiradores do nosso Catálogo de Produtos

i

Instale o ArchDaily Chrome Extension e inspire-se a cada nova aba que abrir no seu navegador. Instale aqui »

i

En todo el mundo, arquitectos están encontrando maneras geniales para reutilizar edificios antiguos. Haz clic aquí para ver las mejores remodelaciones.

Quer ver os melhores projetos de remodelação? Clique aqui.

i

Mergulhe em edifícios inspiradores com nossa seleção de 360 ​​vídeos. Clique aqui.

Veja nossos vídeos imersivos e inspiradores de 360. Clique aqui.

Tudo
Projetos
Produtos
Eventos
Concursos
Navegue entre os artigos utilizando o teclado
  1. ArchDaily
  2. Notícias
  3. Elevator B(ee): um arranha-céu / colmeia para resgatar abelhas em perigo de extinção

Elevator B(ee): um arranha-céu / colmeia para resgatar abelhas em perigo de extinção

Elevator B(ee): um arranha-céu / colmeia para resgatar abelhas em perigo de extinção
Elevator B(ee): um  arranha-céu / colmeia para resgatar abelhas em perigo de extinção, © Equipo de Estudiantes, University at Buffalo
© Equipo de Estudiantes, University at Buffalo

O grande declínio da população de abelhas selvagens tem preocupado especialistas nos últimos anos. Com o objetivo de proporcionar um melhor habitat para seu desenvolvimento e preservação, um grupo de estudantes de arquitetura da Universidade de Buffalo projetou e construiu um "arranha-céu" de aço composto por painéis perfurados parametrizados que permitem a ventilação e iluminação natural em seu interior.

Mais informações e imagens na sequência.

© Equipo de Estudiantes, University at Buffalo © Equipo de Estudiantes, University at Buffalo © Equipo de Estudiantes, University at Buffalo © Equipo de Estudiantes, University at Buffalo + 10

Construída com painéis e tubos de aço (de seção comercial), a torre para abelhas, de seis metros, conta com uma polia e uma caixa de cipreste hexagonal, ou "beecab", que pode ser movida verticalmente, facilitando sua manutenção. A caixa também tem um fundo de vidro laminado que permite aos visitantes ver o que está acontecendo dentro da colmeia.

© Equipo de Estudiantes, University at Buffalo
© Equipo de Estudiantes, University at Buffalo

Os estudantes Creenan Courtney, Kyle Mastalinski, Daniel Nead, Lisa Stern e Scott Selin venceram o concurso "Hive City" com uma ideia inspirada em uma colônia de abelhas, que originalmente ocupava um edifício abandonado na cidade.

© Equipo de Estudiantes, University at Buffalo
© Equipo de Estudiantes, University at Buffalo

Até agora, o arranha-céu provou ser mais do que um habitat urbano para as abelhas, ele gerou uma grande curiosidade no público, já que a estrutura brilhante tornou-se um marco no meio de uma área restrita, atraindo, assim, visitantes de escolas locais, reservas naturais e parques.

© Equipo de Estudiantes, University at Buffalo
© Equipo de Estudiantes, University at Buffalo

Além disso, o terreno localizado em Silo City é um lugar repleto de antigas estruturas abandonadas, onde o "Elevator B" se coloca como um símbolo da recuperação ambiental e econômica da região.

Cortes
Cortes

Localização: Silo City, Buffalo, Nueva York
Empresa: Hive City
Equipe de Projeto: Courtney Creenan, Kyle Mastalinski, Daniel Nead, Lisa Stern, Scott Selin
Patrocinadores: Escola de Arquitetura e Urbanismo da Universidade de Buffalo, Rigidized Metals Corporation

Via Treehugger

Cita: Franco, José Tomás. "Elevator B(ee): um arranha-céu / colmeia para resgatar abelhas em perigo de extinção" [Elevator B(ee): Estudiantes diseñan rascacielos/colmena para rescatar a las abejas peligro de extinción] 27 Jul 2013. ArchDaily Brasil. (Trad. Martins, Maria Julia) Acessado . <https://www.archdaily.com.br/130056/elevator-b-ee-um-arranha-ceu-slash-colmeia-para-resgatar-abelhas-em-perigo-de-extincao> ISSN 0719-8906