Tudo
Projetos
Produtos
Eventos
Concursos
  1. ArchDaily
  2. Refurbishment Architecture Articles

Refurbishment Architecture Articles: O mais recente de arquitetura e notícia

Conheça os 16 Finalistas do Prêmio Refurbishment in Architecture 2019 do ArchDaily

Após 2 semanas de votação em nossa segunda edição do Prêmio Refurbishment in Architecture, nossos leitores reduziram mais de 700 projetos a 16 finalistas, representando os melhores projetos de remodelações arquitetônicas publicados no ArchDaily. Com finalistas de quatro continentes, este prêmio desenvolvido em parceria com MINI Clubman demonstra claramente a importância global da arquitetura de reformas como um método para alcançar o desenvolvimento sustentável e cidades vivas e flexíveis.

Agora que os finalistas foram selecionados, a segunda etapa do Prêmio está em andamento para reduzir esses 16 projetos a apenas três vencedores. Leia e use os links abaixo para votar para o vencedor geral, ou visite o site do prêmio aqui.



Já estão abertas as indicações para os prêmios Refurbishment in Architecture 2019 do ArchDaily!

Em parceria com MINI Clubman, lançamos nossa segunda edição do Prêmio Refurbishment in Architecture 2019 do ArchDaily. Este prêmio destaca os melhores projetos de renovação de todo o mundo.

Juntamente com MINI, acreditamos que a recuperação e reforma de estruturas existentes é uma das formas mais sustentáveis de desenvolver a arquitetura. Desde revitalizar fábricas abandonadas até reformas urbanas e até mesmo reformar casas centenárias, os projetos de reforma demonstram a flexibilidade de nossas cidades existentes e as muitas escalas nas quais os edifícios passados podem ser reaproveitados.

Tal como o nosso Prêmio Building of the Year, confiamos aos nossos leitores e leitoras a responsabilidade de premiar os melhores projetos de recuperação de arquitetura que tenham impacto na nossa profissão. Ao votar, você se torna parte de uma rede imparcial e distribuída de jurados e profissionais. que escolhe as obras mais relevantes dos últimos oito anos. Durante as próximas 3 semanas, a inteligência coletiva de nosso público filtrará mais de 600 projetos para reduzir a 3 vencedores, representando o melhor da recuperação de arquitetura publicada no ArchDaily.



Por que o reuso de edifícios existentes pode (e deve) ser o principal foco dos arquitetos

Certificados e prêmios de sustentabilidade são outorgados todos os dias à novos edifícios que prometem um futuro livre de carbono e impacto zero. Entretanto, a maioria dos esforços que empreendemos para construir edifícios cada vez mais "sustentáveis", acaba no dia de suas inaugurações. O custo energético global da arquitetura tem muito mais a ver com a vida útil de um edifício do que com a sua construção. Embora pareça não haver saída para este atual modelo de sucesso, cabe a nós arquitetos, repensar o significado de arquitetura sustentável nos dias de hoje. Talvez devemos parar de aplaudir e exaltar cegamente os novos edifícios e voltar a nossa atenção para os edifícios que já existem. Este artigo foi originalmente publicado no <em

Durante a primeira conferencia mundial do meio ambiente, realizada na cidade do Rio de Janeiro e chamada de Eco-1992, três alarmantes fatos vieram à tona: a temperatura da Terra está aumentando continuamente; a utilização de combustíveis fósseis é a principal causa deste fenômeno; precisamos, com urgência, adaptar o nosso ambiente construído considerando esta nova realidade. Naquele ano, publiquei um ensaio no Journal of Architectural Education intitulado “Architecture for a Contingent Environment”, sugerindo que arquitetos, naturalistas e preservacionistas deveriam se unir para discutir e enfrentar essa nova realidade.

Conheça os três vencedores do Prêmio Refurbishment in Architecture 2018 do ArchDaily

O período de votação acabou! Com quase 15.000 votos ao longo das últimas três semanas, estamos prontos para revelar os ganhadores do prêmio inaugural Refurbishment in Architecture Awards, do ArchDaily. Este prêmio de arquitetura colaborativo, desenvolvido em parceria com MINI Clubman, apresenta os melhores projetos de renovação publicados no ArchDaily durante todo o ano de 2017, com nossos leitores filtrando uma lista de 450 profissionais reduzida para 15 finalistas e, finalmente, três vencedores.

Refletindo o alcance global do ArchDaily, os 15 finalistas vieram dos cinco continentes, com os três vencedores localizados na África do Sul, México e Estados Unidos. O prêmio, portanto, demonstra a importância global da renovação arquitetônica como um meio de melhorar ambientes urbanos sustentáveis em diferentes escalas.

Sem mais delongas, conheça os vencedores do Prêmio Refurbishment in Architecture.

Conheça os 15 finalistas dos prêmios Refurbishment in Architecture 2018 do ArchDaily

Após 2 semanas de votação em nosso primeiro Prêmio Refurbishment in Architecture, nossos leitores reduziram mais de 450 projetos a 15 finalistas, representando os melhores projetos de renovação arquitetônica já publicados no ArchDaily. Com finalistas de cinco continentes, este prêmio desenvolvido em parceria com MINI Clubman demonstra claramente a importância global da arquitetura de reformas como um método para alcançar o desenvolvimento sustentável e cidades vivas e flexíveis.

Agora que os finalistas foram selecionados, a segunda etapa do Prêmio está em andamento para reduzir esses 15 projetos a apenas três vencedores. Leia e utilize os links abaixo para votar para o vencedor geral ou visite o site do prêmio aqui.

Já estão abertas as indicações para os prêmios Refurbishment in Architecture 2018 do ArchDaily!

Em 2018 criamos uma parceria com MINI Clubman para destacar o melhor das reabilitações na arquitetura. Por essa razão, decidimos lançar este prêmio especial para destacar as melhores reformas de edifícios e espaços em todo o mundo.

Juntamente com MINI, decidimos promover esta categoria procurando e acreditando que uma das formas mais sustentáveis de desenvolver a arquitetura nestes tempos é através da recuperação das estruturas existentes. Renovações urbanas, novos usos para antigas fábricas, ou simplesmente uma nova vida para uma casa antiga nos faz perceber a flexibilidade e as múltiplas escalas com as quais este tipo de projetos pode ser desenvolvido.

Tal como o nosso Prêmio Building of the Year, confiamos aos nossos leitores e leitoras a responsabilidade de premiar os melhores projetos de recuperação de arquitetura que tenham impacto na nossa profissão. Ao votar, você se torna parte de uma rede imparcial e distribuída de jurados e profissionais. que escolhe as obras mais relevantes dos últimos oito anos. Durante as próximas 3 semanas, a inteligência coletiva de nosso público filtrará mais de 450 projetos para reduzir a 3 vencedores, representando o melhor da recuperação de arquitetura publicada no ArchDaily.

Essa é sua oportunidade de premiar sua arquitetura preferida, indicando o seu favorito para o prêmio Refurbishment in Architecture 2018!

Brasil Arquitetura: trabalhar com reabilitações é atender às reais demandas da sociedade

A Brasil Arquitetura, formada em 1979, é uma associação de arquitetos liderada por Francisco Fanucci e Marcelo Ferraz, tendo executado projetos emblemáticos como o Bairro Amarelo em Berlim, Alemanha, Museu Rodin em Salvador-BA e a Praça das Artes em São Paulo, entre muitos outros. Os dois arquitetos estiveram muito próximos a Lina Bo Bardi em momentos importantes de sua vida profissional, incluindo a construção do Sesc Pompéia. Em diversos projetos, encararam o desafio de reabilitar edifícios antigos, como o Museu do Pão, a Praça das Artes, o Museu Rodin e o próprio Sesc Pompéia. Nessa direção conversamos um pouco com o escritório para saber mais sobre esse tipo de intervenção.

O-office discute como projetos de renovação podem revelar histórias ocultas da arquitetura

SZ-HK Biennale-Silo Reconversion. Imagem © O-office & Maurer United
SZ-HK Biennale-Silo Reconversion. Imagem © O-office & Maurer United

A O-office Architects, empresa multidisciplinar com sede em Guangzou, tem se especializado em projetos remodelação de antigas estruturas, transformando-as e adpatando-as para o futuro. Seus fundadores, Jianxiang He e Ying Jiang, são conhecidos por explorar os limites da arquitetura contemporânea n China, como apresentado neste recente projeto no qual eles transformam uma antiga fábrica abandonada de Shenzhen em um novo centro cultural e comunitário.

Em entrevista concedida ao ArchDaily, os fundadores do O-office falam à respeito de sua prática e conceitos utilizados em projetos de remodelação dentro do atual contexto da arquitetura contemporânea na China.

ArchDaily X MINI Clubman: uma iniciativa de recuperação de edifícios

"O prédio mais verde é aquele que já foi construído". (Carl Elefante, FAIA)

Até 2050 a população que vive em áreas urbanas duplicará e as cidades precisam encontrar formas sustentáveis ​​para acomodar este movimento de massas. Muitas vezes, verificamos que os projetos estão sendo construídos o mais rápido possível para suportar o crescimento, mas esses edifícios acabam por carecer de caráter e tornam a cidade genérica. Uma solução mais inteligente e sustentável é aumentar a densidade dos centros existentes, bem como recuperar as estruturas existentes através da remodelação e da reutilização.

Transformar o que é antigo em algo novo é um processo desafiador. Isso requer uma visão ousada e um compromisso rigoroso de projetar.

Reebok e Gensler se unem para transformar postos de gasolina em centros de ginástica

Postos de gasolina não costumam ser atraentes. Onipresentes, estas estruturas não são construídas para agradar e sim para serem funcionais. Deparamo-nos com elas o tempo todo e ainda assim, muito raramente damos bola para aquilo que estamos vendo - abastecemos e vamos embora.

Cheiro de gasolina e lojas de conveniência não nos trazem nenhum tipo de sensação relacionada ao bem-estar. Assim como suas insípidas estruturas não tem inspirado a imaginação dos nossos arquitetos - não até agora.

A Reebok e a Gensler parecem ser os primeiros a perceber o enorme potencial que estas estruturas possuem. Excelentes localizações espalhadas por todo o país, desde importantes ruas comerciais até as rodovias mais movimentadas. Neste novo projeto colaborativo, chamado de "Get Pumped", a empresa internacional de arquitetura e a marca de artigos esportivos estão desenvolvendo um projeto que irá transformar os tradicionais postos de gasolina como os conhecemos hoje em dia.