1. ArchDaily
  2. Norilsk

Norilsk: O mais recente de arquitetura e notícia

A paisagem urbana das cidades pós-industriais soviéticas

Encontradas pelos quatro cantos do mundo e construídas pelos mais diferentes motivos, da extração de recursos naturais à fabricação de um determinado produto, as monotowns são cidades criadas ao redor de uma única indústria a qual é responsável por empregar a maioria de seus habitantes. No antigo Bloco de Leste, onde uma série de cidades mono-industriais foram construídas durante o domínio soviético, a súbita transição para um novo sistema econômico centrado no capitalismo abalou profundamente a estrutura destas cidades, dando início a um rápido processos de despovoamento e migração para outras regiões do país e do mundo. A seguir descubra mais sobre a arquitetura das monotowns da era soviética, seus exemplos mais famosos, as histórias de fracassos e o atual estado destes ambientes urbanos extremamente peculiares.

Kolkhoz Market, Cherepovets . Image © Alexander Veryovkin for ZupagrafikaZayagorbsky District (Zarechye), Cherepovets. Image © Alexander Veryovkin for ZupagrafikaPalace of Metallurgists in Cherepovets. Image © Alexander Veryovkin for ZupagrafikaUninhabited frozen panel block in Vorgashor, Vorkuta. Image © Alexander Veryovkin for Zupagrafika+ 16

Sibéria concreta: uma perspectiva única da arquitetura modernista soviética

Ao longo dos últimos anos, uma série de exposições, publicações e documentários têm revelado um crescente interesse à respeito da arquitetura modernista soviética, levando arquitetos do mundo todo a (re)descobrirem um dos principais e mais fascinante capítulos da história moderna da arquitetura. Recentemente publicado pela Zupagrafika, Concrete Siberia. Soviet Landscapes of the Far North é um livro fotográfico que vem ao encontro de tal interesse, lançando uma nova luz sobre um fenômeno ainda inexplorado ou até certo ponto desconhecido pela maioria dos nossos colegas arquitetos. Retratando alguns dos mais impressionantes edifícios construídos durante a segunda metade do século XX na então URSS, “Sibéria Concreta” apresenta uma perspectiva abrangente da atual situação do patrimônio soviético construído na região habitada mais fria e remota do planeta Terra. O livro apresenta um resumo completo não apenas das principais obras de arquitetura modernista construídas na Sibéria mas também da paisagem urbana de seis das mais importantes cidades da região: Novosibirsk, Omsk, Krasnoyarsk, Norilsk, Irkutsk e Yakutsk.

The Globus Theatre of Novosibirsk. Architects: M. Starodubov, A. Sabirov (Built in 1984). Image © ZupagrafikaMarins Park Hotel (former Hotel ‘Novosibirsk’) built in 1975. Image © ZupagrafikaState Circus of Krasnoyarsk (Built in 1971). Image © Zupagrafika‘Siberian Convict Way’ memorial complex in Krasnoyarsk (Built in 1978). Image © Zupagrafika+ 17