Tudo
Projetos
Produtos
Eventos
Concursos
  1. ArchDaily
  2. Museu Do Trabalho E Do Trabalhador

Museu Do Trabalho E Do Trabalhador: O mais recente de arquitetura e notícia

Conheça o projeto do Museu do Trabalho e do Trabalhador, de Brasil Arquitetura

Descrição enviada pela equipe de projeto. O Museu do Trabalho e do Trabalhador será implantado num terreno cerca de dez mil m² onde se situava o antigo Mercado, ao lado do Paço Municipal de São Bernardo do Campo. Seu terreno funcionará como uma extensão do Parque do Paço Municipal, em meio a um jardim que, entre árvores e flores, será habitado por máquinas, instrumentos, ferramentas, artefatos: objetos que nos remetem às origens, às vivências, à idéia do trabalho ao longo da história da humanidade.

Este “jardim público do trabalho” adentra sob o corpo edificado principal sobrelevado do museu e revela o seu grande espaço central de acolhimento. Espaço-rua que dá acesso e cruza o terreno e o edifício, ligando a Av. Armando Ítalo Setti e a Rua dos Vianas, inserindo-se no tecido da cidade.

Paulo Mendes da Rocha e Raquel Rolnik falam sobre a paralisação das obras do Museu do Trabalho e do Trabalhador

Projetado pelo escritório Brasil Arquitetura, o Museu do Trabalho e do Trabalhador se localiza na cidade de São Bernado do Campo e deverá abrigar, quando tiver suas obras concluídas, registros da "memória do mundo do trabalho, desde a chegada dos portugueses até os dias de hoje." Com 5.500 metros quadrados já construídos, as obras foram paralisadas e o espaço encontra-se abandonado há cerca de um ano e meio.

Em artigo publicado na seção de opinião do jornal Folha de S. Paulo, o Pritzker brasileiro Paulo Mendes da Rocha e a ex-relatora especial da ONU Raquel Rolnik sugerem que a paralisação do museu, justificada por uma suspeita de superfaturamento do projeto, está, na realidade, mais ligada a uma espécie de aversão ao imaginário cultural em torno da obra.