Tudo
Projetos
Produtos
Eventos
Concursos
  1. ArchDaily
  2. Joao De Gennaro

Joao De Gennaro: O mais recente de arquitetura e notícia

Clássicos da Arquitetura: Casa no Butantã / Paulo Mendes da Rocha e João de Gennaro

17:00 - 12 Março, 2014
Clássicos da Arquitetura: Casa no Butantã / Paulo Mendes da Rocha e João de Gennaro, © Nelson Kon
© Nelson Kon

© Nelson Kon © Nelson Kon © Nelson Kon © Nelson Kon + 26

Se as duas vigas transversais das extremidades da laje de cobertura descessem formando as empenas externas do pavimento principal, se encontrariam perfeitamente com o perímetro da laje de piso. Se as vigas longitudinais não avançassem vinte centímetros em balanço sustentando e afastando das vigas as empenas externas de concreto, não haveria espaço para a calha superior e não se criaria uma brecha no piso principal para iluminar indiretamente o interior. Se nas laterais desse piso não fossem levantadas muretas externas de blocos de concreto, não se formaria nas fachadas dois planos sobrepostos e uma sombra constante entre eles, e às vezes um terceiro plano intermediário.

Clássicos da Arquitetura: Ginásio do Clube Atlético Paulistano / Paulo Mendes da Rocha e João De Gennaro

17:09 - 9 Setembro, 2013
Clássicos da Arquitetura: Ginásio do Clube Atlético Paulistano / Paulo Mendes da Rocha e João De Gennaro, Cortesia de Relae Design
Cortesia de Relae Design

© Arquivo P.M. Rocha. Cortesia de Brutalist Connections © Daniela Getlinger © Arquivo P.M. Rocha. Cortesia de Brutalist Connections © Arquivo P.M. Rocha. Cortesia de Brutalist Connections + 17

Uma plataforma habitável semienterrada, cuja cota superior estaria posicionada a meia altura em relação ao transeunte da Rua Colômbia, abriga boa parte do programa solicitado e pode ser entendida como uma continuação do piso urbano, qual praça semi-elevada e aberta, possibilitando franco acesso às arquibancadas do ginásio coberto; desde o clube, a praça é também mirante, terraço que devolve ao uso comum a área livre e aberta anteriormente existente e agora ocupada pelo ginásio, realizando assim o entendimento corbusiano do teto-jardim como instrumento de recuperação urbana do espaço privativamente ocupado da cidade.